Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/320922
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: O nome brasiguaio/brasiguayo e suas divisões : um estudo de designação e argumentação
Title Alternative: The name brasiguaio/brasiguayo and its divisions : a study of designation and argumentation
Author: Costa, Adriana Aparecida Vaz da, 1978-
Advisor: Oliveira, Sheila Elias de, 1972-
Abstract: Resumo: Inscrito teoricamente na perspectiva enunciativa da Semântica do Acontecimento, em um diálogo com a Análise de Discurso de filiação francesa, com as disciplinas do léxico, na Linguística, e com as teorias sociais, nas Ciências Políticas, propusemos, neste trabalho, realizar um estudo sobre os sentidos do nome brasiguaio/brasiguayo. Tendo em vista o conflito instaurado entre 2011 e 2012 envolvendo os chamados brasiguaios/brasiguayos e os campesinos paraguaios, interessou-nos, pela instabilidade semântica do nome nos seus processos de reescrituração/retomada, o modo como o nome integra textos jornalísticos brasileiros (Portal de Notícias do Senado Brasileiro, Gazeta do Povo Online, Zero Hora Online) e paraguaios (La Nación, ABC Color, Hoy), diretamente ligados ou não ao Estado, no caso do Brasil. Partimos de um nome dividido entre a interpretação que envolve uma dupla nacionalidade e a que desprovê os sujeitos por ele nomeados de qualquer nacionalidade. A partir daí, procuramos investigar os sentidos de `nacional¿ no funcionamento argumentativo do nome, e outros sentidos, para além da nacionalidade, que ele mobilizava no conflito de terras, a partir do qual o nome foi criado e vem sendo empregado em suas divisões. Buscamos observar o funcionamento designativo do nome pelas reescriturações do nome nos textos; pelo agenciamento enunciativo, buscamos compreender as relações argumentativas a partir do nome brasiguaio/brasiguayo, isto é, a diretividade no dizer pelo funcionamento da língua sustentada pelo interdiscurso. Observamos assim o funcionamento do nome na cena enunciativa de textos da mídia paraguaia e brasileira, e procuramos compreender seus modos de pertencimento no espaço de enunciação da América do Sul, nos embates entre a sua inscrição na língua portuguesa do Brasil e no espanhol do Paraguai. Desta maneira, o estudo nos apontou que o nome brasiguaio/brasiguayo inscreve nas divisões do real que nomeia: a) uma relação entre terra e território; b) afirmações de pertencimento a uma nacionalidade dividida (brasileira e/ou paraguaia) que joga necessariamente com os sentidos de negação da dupla nacionalidade que o nome prevê como possível interpretação; c) o argumento econômico como forte elemento na defesa dos sujeitos denominados brasiguaios/brasiguayos na situação de conflito instaurada no Paraguai. O nome se configura tanto como um elemento que atua na defesa dos sujeitos que nomeia, quanto na sua deslegitimação. O argumento econômico sustenta, nos jornais dos dois países, uma tendência maior à defesa desses sujeitos, que não são homogêneos, visto que há pequenos agricultores e grandes latifundiários, mas que são homogeneizados pelo nome no jogo entre a designação e a argumentação

Abstract: Included in the theoretical enunciative perspective of Semantics of Event, in a dialog with the Discourse Analysis of French parentage, with the the lexicon disciplines, in Linguistics, and with the social theories, in Political Science, we have proposed, in this study, to conduct a study on the meanings of the name brasiguaio/brasiguayo. In view the land conflict set up between 2011 and 2012 involving the so-called brasiguaios/brasiguayos and campesinos paraguayans, we are interested, by the semantics instability of the name, in their processes of complete rewrite driven/resume, the way the name integrates journalistic texts in Brazil (News Portal of the Brazilian Senate, Gazeta do Povo Online, Zero Hour Online) and Paraguay (La Nación, ABC Color, Hoy), directly linked or not to the State, in the case of Brazil. We start from a name divided between the interpretation that involves a dual nationality and that deprives individuals appointed by the name of any nationality. From there, we seek to investigate the meanings of 'national' in the argumentative functioning of the name, and other senses, in addition to the nationality, that mobilize in the land conflict, from which the name has been created and is being used in their divisions. We observe the designative operation of the name by the complete rewrite driven of the name in the texts; by the enunciative freight, we tried to understand the argumentative relations from the name brasiguaio/brasiguayo, in other words., the directiveness in say by the operation of the language supported by the interdiscourse. We observe the operation of the name in the enunciative scene of the texts from the media of Paraguay and Brazil, and seek to understand their modes of belonging in the space of enunciation of South America, in clashes between its entry in the portuguese language of Brazil and the spanish of Paraguay. In this way, the study pointed out that the name brasiguaio/brasiguayo enters within the divisions of the real appointing: a) a relationship between land and territory; b) statements of belonging to a divided nationality (brazilian and/or paraguayan) who plays necessarily with the senses of denial of dual nationality that the name expects as possible interpretation; c) the economic argument as strong element in the defense of the subjects called brasiguaios/brasiguayos in situation of the conflict established in Paraguay. The name sets up both as an element that operates in the defense of subjects who appoints, as in its delegitimization. The economic argument holds, in the newspapers of both countries, an increased tendency to the defense of these subjects, which are not homogeneous, since there are small farmers and large landowners, but which are homogenized by the name in the game between the description and argumentation
Subject: Brasileiros - Paraguai - Nomenclatura
Enunciação (Linguística)
Designação (Lingüística)
Discussões e debates
Nacionalidade - Brasil
Nacionalidade - Paraguai
Semântica
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2016
Appears in Collections:IEL - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Costa_AdrianaAparecidaVazda_D.pdf1.73 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.