Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/319185
Type: TESE DIGITAL
Title: A participação da via não-canônica de NF-kB na resposta inflamatória de macrófagos e seu efeito sobre a sinalização da insulina em hepatócitos = The involvement of non-canonical NF-kB pathway in the inflammatory response of macrophages and its effect on insulin signaling in hepatocytes
Title Alternative: The involvement of non-canonical NF-kB pathway in the inflammatory response of macrophages and its effect on insulin signaling in hepatocytes
Author: Borges, Fernanda Oliveira, 1990-
Advisor: Torsoni, Adriana Souza, 1973-
Abstract: Resumo: A obesidade tem adquirido características de epidemia e os mesmos números que indicam o aumento da obesidade também apontam um aumento significante de indivíduos portadores de diabetes mellitus tipo 2. Sabe-se atualmente que ambas as patologias apresentam uma resposta metabólica característica, que leva a uma alteração em vias de sinalização intracelulares e na homeostase da glicose. O uso de dieta hiperlipídica (DH) é responsável pelo aumento da massa adiposa, que entre outros fatores, leva a um aumento na produção de citocinas pró-inflamatórias. Vários estudos apontam para a participação de macrófagos nesse processo. A via não-canônica de sinalização de NF-?B contribui para o quadro de inflamação e pode representar uma via chave na resposta metabólica à obesidade, especialmente na resistência à insulina. Nosso intuito foi avaliar se a sobrecarga nutricional induziria polarização macrofágica em tecidos metabólicos, ocasionando aumento na expressão de genes que codificam citocinas pró-inflamatórias, induzindo não somente o quadro inflamatório, mas a resistência ao sinal da insulina em hepatócitos. Para isso, macrófagos de camundongo (RAW 264.7) foram submetidos ao bloqueio de NIK por siRNA, desafiados com palmitato e, posteriormente, o meio condicionado proveniente destas células foi adicionado como meio de manutenção em células de hepatoma de camundongo (Hepa1c1c7). Os resultados mostraram que o palmitato é capaz de induzir uma resposta inflamatória em macrófagos ocasionando resistência ao sinal da insulina em hepatócitos, por intermédio da ativação de NIK, através da degradação de TRAF-3 em células imunes. Ao bloquear NIK em células RAW 264.7 o quadro inflamatório foi reduzido, mesmo após exposição ao palmitato, e o quadro de resistência ao sinal da insulina em hepatócitos tratados com o meio condicionado de macrófagos foi amenizado. O estudo sugere uma comunicação entre hepatócitos e macrófagos residentes no fígado no desenvolvimento da resistência à insulina por intermédio da via não-canônica de NF-?B

Abstract: The obesity has acquired epidemic characteristics and the same numbers that indicate the increase in obesity also showed a significant increase in individuals with diabetes mellitus type 2. It is now known that both diseases exhibit a metabolic response characteristic, which leads to changes in intracellular signaling pathways and glucose homeostasis. High fat diet (HFD) consumption is responsible for the increased fat mass leading to an increased production of pro-inflammatory cytokines. Several studies indicate the involvement of macrophages in this process. The non-canonical NF-?B pathway contributes to the pro-inflammatory signaling activation, and may represent a key metabolic pathway in response to obesity, especially in insulin resistance. Our aim was to evaluate if the nutritional overload trigger macrophage polarization in metabolic tissues, resulting in an increase in the gene expression of proinflammatory cytokines, inducing not only the inflammatory condition, but the resistance to the insulin signal in hepatocytes. Mouse macrophage cell line (RAW 264.7) were treated with NIK siRNA, and challenged with palmitate. Macrophage-conditioned medium was used to treat hepatocytes (Hepa1c1c7). Our results showed that palmitate was able to induce an inflammatory response in macrophages leading to insulin resistance in hepatocytes, through NIK activation by TRAF-3 degradation in immune cells. NIK knockdown in macrophages reduced the pro-inflammatory profile induced by palmitate treatment, and ameliorated insulin resistance in hepatocytes treated with macrophage-conditioned medium. Therefore, the present study suggests the communication between hepatocytes and macrophages in the liver on development of insulin resistance through non-canonical NF-kB pathway
Subject: Obesidade
Metabolismo
Ácidos graxos
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2016
Appears in Collections:FCA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Borges_FernandaOliveira_M.pdf1.48 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.