Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/318011
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Reatividade hormonal e ultra-estrutura do lobo ventral da prostata de ratos (Ratus norvegicus) submetidos ao uso cronico simultaneo de etanol e nicotina
Title Alternative: Hormonal and ultrastructural reactivity of the ventral lobe of the prostate of rats (Rattus norvegicus) submitted to simultaneous long-term alcohol-nicotine treatment
Author: Fávaro, Wagner José, 1980-
Advisor: Cagnon, Valéria Helena Alves, 1967-
Abstract: Resumo: o álcool e a nicotina têm ação prejudicial sobre o funcionamento da glândula prostática. Contudo, os mecanismos moleculares e celulares envolvidos nas alterações prostáticas, bem como suas correlações com a patogênese glandular permanecem desconhecidos. Assim, os objetivos do presente estudo foram caracterizar as alterações estruturais das células epiteliais e do estroma e, a expressão dos receptores androgênicos e estrogênicos a. na próstata ventral de ratos sob o efeito da ação concomitante de nicotina e etanol, bem como cada uma dessas drogas isoladamente, além dos níveis plasmáticos dos hormônios testosterona e estrógenos. Também, foi objetivo estabelecer associações das interações epitélio-estromal úente a possível pato gênese glandular. Um total de 40 ratos macho (Rattus norvegicus), com 75 dias de idade, foi dividido em quatro grupos: Grupo controle (10 animais) recebeu água ad libitum; Grupo alcoolista (10 animais) recebeu etanol diluído a 10% Gay Lussac (10% v/v) ad libitum; Grupo nicotina (10 animais) recebeu um total de 0,125mg/l00g de peso corpóreo/diariamente de nicotina (Sigma, St. Louis, USA) por via subcutânea; Grupo nicotina-álcool (10 animais) recebeu tratamento simultâneo com etanol e nicotina, nas mesmas concentrações que nos grupos alcoolista e nicotina. Após 90 dias de tratamento, todos os animais foram sacrificados e amostras do lobo ventral da próstata foram coletadas para análises macroscópicas, microscopias de luz e eletrônica de transmissão e imunomarcações dos receptores androgênicos e estrogênicos a., além das dosagens hormonais. Os resultados revelaram: atrofia dos órgãos genitais masculinos como testículos e vesículas seminais; atrofia epitelial; neoplasia intra-epitelial prostática; desorganização das organelas envolvidas no processo secretor; hipertrofia estromal; presença de microácinos e células inflamatórias e célula muscular lisa com fenótipo secretor. Também, houve diminuição significativa dos rúveis séricos de testosterona e aumento dos níveis séricos de estrógenos nos animais dos grupos nicotina álcool, alcoolista e nicotina em relação aos animais controles, bem como a expressão dos seus respectivos receptores. Assim, concluiu-se que fatores extrínsecos como etanol e nicotina são componentes de risco à homeo~tase da glândula prostática, levando a ocorrência da pato gênese do órgão, a qual poderá ser associada à processos tardios de malignescência glandular

Abstract: Alcohol and nicotme act negatively on the prostatic gland function. However, molecular and cellular mechanisms mvolved m the prostatic alteration, as well as their correlations with glandular pathogenesis remam unclear. Then, the main objective of this study was to identifY the features of the epithelial and stromal prostatic structure and to characterize the expression of the androgenic and a estrogenic receptors in rats submitted to chronic nicotme and alcohol use simultaneously, besides each one of these drugs alone. Moreover, it was mtended to establish the stromal-epithelial mteraction in a possible glandul~ pathogenesis. A total of 40 male rats, aged 75 days, were divided mto 4 groups: Control group (10 animaIs) received tap water ad libitum; Alcoholic group (10 animaIs) received diluted 10% Gay Lussac ethanol ad libitum; Nicotme group (10 animaIs) received a 0.125 mg/100 g body weight dose ofnicotine daily; Nicotine-Alcohol group (10 animaIs) received simultaneous alcohol and nicotme treatment, m the same concentration as the alcoholic and nicotine groups. Afier 90 days of treatment, the animaIs were sacrificed and samples ITom the ventrallobe ofthe prostate were collected and processed for transmission electron and light microscopies, immunological techniques to androgenic and a estrogenic receptor expression and radioimmunoassay techniques to measure testosterone and estrogen levels. The results showed atrophied testes and seminal vesicle, atrophied prostatic epithelial cells, prostatic mtraepithelial neoplasm, disorganization of cellular organelles mvolved m the glandular process, inflammatory cells, diminished testosterone levels and their receptors besides mcreased estrogen levels. All alterations were verified m the different experimental groups, bemg more mtense m the alcohol-nicotme, alcoholic and nicotme groups, respectively. Then, it can be concluded that extrmsic factors like ethanol and nicotme are risk compounds to prostatic homeostasis, leadmg to occurrence of glandular pathogenesis which could be related to glandular malignancy late
Subject: Alcoolismo
Prostata
Ultraestrutura (Biologia)
Nicotina
Testosterona
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2006
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Favaro_WagnerJose_M.pdf3.61 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.