Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/316632
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Estudos da patogenicidade de estirpe variante brasileira (BR) do vírus da bronquite infecciosa das galinhas = Pathogenicity studies of the brazilian variant strain (BR) of infectious bronchitis virus
Title Alternative: Pathogenicity studies of the brazilian variant strain (BR) of infectious bronchitis virus
Author: Caserta, Leonardo Cardia, 1988-
Advisor: Arns, Clarice Weis, 1956-
Abstract: Resumo: Estudos recentes identificaram variantes do vírus da bronquite infecciosa das galinhas (Infectious Bronchitis Virus - IBV) exclusivamente brasileiras (BR), cujo genótipo não está relacionado com o grupo Massachusetts. As únicas vacinas vivas permitidas no Brasil são deste sorotipo, o que sugere uma proteção ineficiente contra os variantes presentes no país. Devido à carência de estudos de patogenicidade da variante BR do IBV, se faz necessário o conhecimento de seus efeitos na população avícola, elucidando seus sinais clínicos, lesões macroscópicas e microscópicas, além da produção de anticorpos induzida pela mesma. O presente estudo visa analisar a patogenicidade e o tropismo da variante BR do IBV para frangos de corte, através de um experimento in vivo utilizando aves SPF de um dia. Previamente, foram desenvolvidas 12 passagens em ovos embrionados com o objetivo de se aumentar a carga viral e realizar a titulação das amostras 801 e 810, obtendo os efeitos esperados nos embriões, de nanismo enrolamento e hemorragia. Quanto ao título viral, obteve-se um título de aproximadamente 105 EID, que quando inoculado nas aves, gerou sinais clínicos respiratórios e lesões macroscópicas esperadas nos tratos respiratório e renal, principalmente. Ao teste da inibição da atividade ciliar, ou ciliostase, fragmentos de traqueia das aves foram coletados e observados em microscópio. Verificou-se maior inibição da atividade ciliar entre o 7º e 9º d.p.i. Os resultados obtidos com a técnica de qRT-PCR mostram os órgãos do trato respiratório como sítio de replicação primária, concordando com os sinais clínicos nos dias iniciais. Os níveis de RNA detectados nos órgãos do trato digestório foram os mais altos e apresentaram a maior persistência entre todos os órgãos coletados. Entretanto, o exame histopatológico confirmou o achado de outros estudos, nos quais apesar do alto nível de RNA detectado nos órgãos do trato digestório, houve poucas alterações microscópicas nestes órgãos. No trato respiratório, porém, as lesões microscópicas foram compatíveis com os sinais clínicos e a detecção de RNA. Ambos os grupos geraram uma baixa resposta de produção de anticorpos. Com este estudo, foi possível concluir que estas variantes brasileiras apresentam patogenicidade muito similar à de amostras pertencentes ao genótipo Massachusetts, no qual estão incluídas as vacinas mais utilizadas, com tropismo pelo trato respiratório e também sendo capaz de se replicar em grandes quantidades no trato digestório e urinário, porém com poucas ou nenhuma lesão

Abstract: Recent studies identified variants of the Infectious bronchitis vírus (IBV) exclusives from Brazil (BR), which genotype is not related to the Massachussets serotype. In Brazil, alive vaccines for IBV are only allowed if belonging to this serotype, what suggests an inefficient protection against brazilian variants. Due to the lack of studies focusing the pathogenicity of the BR variant of IBV, the knowledge of its effects become necessary, elucidating clinical signs, macroscopic and microscopic lesions, besides the immunity against this virus. This study aims to analyse the pathogenicity and tropism of the BR variant of IBV for poultries through a in vivo experiment, using day old specific pathogen free (SPF) chicks. Previously, 12 serial passages in embryonated eggs were performed with the aim to increase the viral load and to perform the titration of strains 801 ans 810, reaching the expected effects on the embryos (curling, dwarfing and hemorrhage). The viral titre obtained was around 105 EID. When inoculated in the chicks, produced respiratory clinical signs and macroscopic lesions in kidneys and trachea. In the ciliary activity test, tracheal fragments were collected and examined. A ciliary activity inhibition was observed between 7 and 9 d.p.i. (days post inoculation). The results obtained using the qRT-PCR technique showed the respiratory organs as a primary replication site, in consonance with the clinical signs observed in the first days of experiment. The highest RNA levels were detected in the digestory system, where the persistence was also the longest. Nevertheless, the histopathological examination confirmed the findings of others studies, that showed only a few microscopic lesions, despite the high RNA level detected. In the respiratory system, however, microscopic lesions were consistent with clinical signs and RNA detection. Both groups presented a low antibody response. With the results of this study, it is possible to conclude that these brazilian varianst presented a pathogenicity very similar to the Massachusetts strains, with respiratoty tropism and are also able to replicate in large quantitites in the digestory and urinary system, but causing only a few or no lesions
Subject: Vírus da bronquite infecciosa
Infecção
Editor: [s.n.]
Citation: CASERTA, Leonardo Cardia. Estudos da patogenicidade de estirpe variante brasileira (BR) do vírus da bronquite infecciosa das galinhas = Pathogenicity studies of the brazilian variant strain (BR) of infectious bronchitis virus. 2015. 1 recurso online ( 74 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/316632>. Acesso em: 27 ago. 2018.
Date Issue: 2015
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Caserta_LeonardoCardia_M.pdf2.22 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.