Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/316375
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Interações entre Platonia insignis (Clusiaceae) e a avifauna visitante floral no cerrado do Maranhão
Title Alternative: Interactions between Platonia insignis (Clusiaceae) and the bird-flower visitors at the savanna of Maranhão
Author: Azambuja, Adriano Kid
Advisor: Sazima, Marlies, 1944-
Abstract: Resumo: O bacurizeiro, Platonia insignis Mart. (Clusiaceae), é uma espécie arbórea amazônica que se dispersou nos cerrados marginais da região Nordeste do Brasil, localizados nos estados do Maranhão e do Piauí. Foram estudadas a biologia e morfologia floral, o sistema reprodutivo, a relação entre densidade de flores e exposição solar, a sobreposição da floração e a atividade dos visitantes florais. A presença das aves visitantes foi constatada através de observação direta de um ponto fixo, totalizando 165 horas de observação. No cerrado sua floração ocorre durante os meses de julho a setembro, estando as flores totalmente abertas às 04:00h. As flores de P. insignis apresentam características ornitófilas, sendo grandes e hermafroditas, de coloração rosada, sem odor, com o estigma disposto acima dos estames, antese diurna, muito pólen e grande produção de néctar. As flores produziram média de 1,58 ml de néctar, havendo maior produção no período da manhã. O sistema reprodutivo foi considerado auto-incompatível e existiu maior densidade de flores em ramos com maior incidência de raios solares. A frutificação foi inferior a 6%. Foram registradas 27 espécies de aves, abrangendo nove famílias, visitantes das flores de P. insignis para consumir néctar ou pólen. Devido sua freqüência e comportamento, os traupídeos e os psitacídeos foram considerados os principais polinizadores de P. insignis no cerrado. Outras famílias de aves, Callithrix jacchus e abelhas foram consideradas polinizadores ocasionais ou pilhadores de pólen e néctar

Abstract: The bacurizeiro, Platonia insignis Mart. (Clusiaceae), is an amazonian tree species that dispersed into savanna borders of the Northeast region of Brazil in the States of Maranhão and Piauí. We studied the floral biology and morphology, the breeding system, the relation between flower density and plant exposition to the sun, the flowering overlap and the activity of the floral visitors. The activity of visitors was recorded through direct observations totaling 165 hours. In savanna, its flowering occurs in July, August and September, and flowers begin to open at 04:00h. Platonia insignis flowers presented several ornithophilous traits such as large size, pinkish color, no odour, abundant polen and nectar. The flowers produced on averange 1.58 ml of nectar with higher production in the morning. The flower density was higher in branches with more exposition to the sun. The breeding system was considered self-incompatible and fruit set was lower than 6%. We recorded 27 visitor bird species from nine families taking nectar or polen from P. Insignis flowers. Due to its frequency and behaviour, tanagers and psittacids were considered the main pollinators in the savanna. Other bird families, Callithrix jacchus and bees were considered occasional pollinators or nectar and pollen robbers
Subject: Platonia insignis
Clusiaceae
Ornitofilia
Thraupidae
Psittacidae
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Azambuja_AdrianoKid_M.pdf2.09 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.