Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/316359
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Ecologia populacional de tres especies de palmeiras em uma paisagem fragmentada no dominio da Mata Atlantica, RJ
Title Alternative: Population ecology of three palm species in a fragmented landscape in the Atlantic Rain Forest, RJ
Author: Portela, Rita de Cassia Quitete
Advisor: Santos, Flavio Antonio Maës dos, 1958-
Abstract: Resumo: O objetivo dessa tese foi comparar a densidade, estrutura e dinâmica de populações de três espécies de palmeiras (Astrocaryum aculeatissimum (Schott) Burret, Euterpe edulis Mart. e Geonoma schottiana Mart.) em uma paisagem fragmentada de Mata Atlântica. As populações foram marcadas em 2005, reamostradas em 2006 e 2007 em cinco fragmentos florestais (19, 21, 57, 2.400 e 3.500 ha). Todos os indivíduos das três espécies dentro das parcelas foram marcados e medidos: diâmetro à altura do solo, altura até a inserção da última folha, número de folhas e tipo de folha. Esses dados serviram para classificar os indivíduos em cinco classes: plântula, infante, jovem, imaturo e reprodutivo (Capítulo 1). Para testar a existência de relação entre densidade de cada espécie e o tamanho do fragmento, nós fizemos uma correlação para dados ranqueados, usando coeficiente de Spearman. A comparação das estruturas demográficas de cada espécie foi feita pela soma das diferenças entre o número de indivíduos em cada classe, em cada ano, para cada dois fragmentos (Capítulo 2). Para cada espécie, matrizes agregadas foram construídas para cada transição de ano, onde foram juntadas todas as parcelas de todos os fragmentos, depois estimadas as probabilidades de transição e fecundidade e calculado o ? e a sensibilidade (Capítulo 3). Matrizes agregadas foram construídas para E. edulis com os dados dos três fragmentos pequenos para comparar com a população do maior fragmento para cada transição de ano. Comparamos a dinâmica (? e elasticidade) entre os fragmentos, e quantificamos a contribuição de cada taxa vital básica para a diferença observada entre os ? das áreas através do LTRE (Capítulo 4). As densidades de A. aculeatissimum, E. edulis e G. schottiana não foram influenciadas pelo tamanho do fragmento, mas apresentaram grande variação entre as áreas. A estrutura da população de A.aculeatissimum foi alterada nos menores fragmentos, principalmente as plântulas e os reprodutivos. A estrutura populacional de E. edulis nos menores fragmentos foi fortemente impactada pela exploração do palmito; a maior parte da população estava representada por imaturos. A estrutura populacional de G. schottiana não foi afetada pelo tamanho do fragmento ou pela exploração de suas folhas. Baseado nas matrizes agregadas, os ?s de A. aculeatissimum e G. schottiana não foram diferentes de um, sugerindo que essas populações não estão crescendo e nem diminuindo de tamanho. As populações de E. edulis foram projetadas para diminuir de tamanho no segundo intervalo de amostragem. As sobrevivências das três espécies foram altas para todos os estádios e a taxa vital mais importante é a sobrevivência dos maiores indivíduos. Baseado na matriz do maior fragmento, a população de E. edulis está projetada para decrescer e baseado nas matrizes agregadas dos fragmentos pequenos, a população do E. edulis está projetada para crescer. O padrão da elasticidade para as populações foi muito similar para as duas transições de ano, com os maiores valores de elasticidade sendo para a sobrevivência das classes mais desenvolvidas. A análise do LTRE revelou que o maior ? encontrado para os menores fragmentos foi principalmente influenciado pela maior sobrevivência dos imaturos e reprodutivos. De maneira geral, sobrevivência e fecundidade contribuíram de maneira positiva para ? ?, e o crescimento teve uma contribuição negativa para o ? ?. Portanto, foram encontrados resultados bastante contrastantes para as três espécies de palmeiras estudadas. Apesar de pertencerem à mesma família botânica, as três espécies possuem características e sofrem pressões ambientais bem distintas, resultando em um comportamento diferente frente à redução do habitat e a exploração de seus recursos

Abstract: The aim of this thesis was to compare the density, the structure and the dynamic of populations of three tropical palm species, Astrocaryum aculeatissimum (Schott) Burret, Euterpe edulis Mart. and Geonoma schottiana Mart., in different size fragments of Atlantic Rain Forest. For these analysis palms were censused five forest fragments (19, 21, 57, 2.400 e 3.500 ha). We tracked the survival of the palms from year 2005 through the year 2007, and recorded all new individuals encountered. Each individual had its diameter and height measured; also the number and the kind of leaf recorded. With these measures we assigned each individual to one of the five pre-established class: seedling, infant, juvenile, immature and reproductive (Chapter 1). To test if there was a relationship between density of each species and the size of the fragment we did a correlation for rank-order data, using Spearman coefficients. The comparison of the demographic structure of each palm was analyzed with the sums of the differences between the numbers of individuals in each class in each year between two fragments (Chapter 2). Summary matrices were constructed for each transition years by pooling data from all plots of all fragments together for each species, and then estimating the transition probabilities and fecundity using pooled data. With these matrices we calculated the population growth rate (?) and its elasticities for each species (Chapter 3). We found difference between ? of E. edulis in a big and the smaller fragment. Therefore, to quantify the contribution of each lower level vital rate to the observed differences in ? between the fragments, we used a fixed-design LTRE (Chapter 4). A. aculeatissimum, E. edulis and G. schottiana densities were not influenced by the size of the fragment, but showed a high variation between areas. A. aculeatissimum population structure was altered, especially by the proportion of seedlings and reproductive individuals. E. edulis population structure in the smaller fragments seemed to be highly impacted by palm heart harvest where a large proportion of the populations were represented by immature individuals. On the other hand, fragment structure and leaf harvest did not have a strong effect on the population structure of G. schottiana. In a landscape level, A. aculeatissimum and G. schottiana asymptotic population growth rates were not significantly different from one, suggesting that populations of these palms were stable. E. edulis populations are projected to decrease in size in the second transition year. A. aculeatissimum, E. edulis and G. Schottiana survivorship was high for all stage classes. We found that the more important vital rates were the survival rates in larger stages for all three species. Based on the matrix of the bigger fragment, E. Edulis populations are projected to decrease in size. On the other hand, based on summary matrices made by pooling the three smaller fragments together, E. edulis populations are projected to growth. Our LTRE analysis revealed that the generally upper ? in the smaller fragments was due primarily to great survival of immatures and reproductives in both transitions years. On average, survival and fecundity made the largest positive total contribution to ? ?, and growth made a negative contribution to ? ?. Therefore, we found very different results or the three palms studied. In spite of being the same botany family, the species are very different in its characteristics and environmental pressure, resulting in a very different behavior in face of habitat reduction and harvesting
Subject: Dinâmica de vegetação
Fragmentação florestal
Plantas - Ontogenia
Palmeira - Ecologia
Ecologia populacional
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Portela_RitadeCassiaQuitete_D.pdf6.47 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.