Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/316332
Type: TESE
Title: A comunidade de borboletas frugivoras da reserva de Santa Genebra, Campinas, SP, com enfase na flutuação populacional de Anaea Ryphea (Cramer) (Nymphalidae : Charaxinae) e sua relação com as plantas hospedeiras
Author: Gomes Filho, Arlindo
Advisor: Benson, Woodruff Whitman, 1942-
Abstract: Resumo: Neste estudo descrevo quantitativamente a comunidade de "borboletas frugívoras" de um fragmento florestal remanescente em Campinas, SP, com ênfase na biologia populacional de Anaea ryphea (Cramer) (Nymphalidae: Charaxinae), a espécie mais abundante. Durante 26 meses quantifiquei variações temporais e espaciais na riqueza, diversidade e abundância da comunidade empregando armadilhas (4 amostragens/mês) distribuídas em diferentes ambientes (Borda, Interior da Mata e Trilha Central). Avaliei as flutuações na abundância dos estágios imaturos e adultos da população de Anaea ryphea e inferi suas causas de mortalidade através de censos e construção de tabelas de vida, respectivamente. Investiguei a relação entre o uso das plantas hospedeiras e desempenho larval com o monitoramento de imaturos no campo, criação de larvas em laboratório e análise química das plantas hospedeiras. A comunidade apresentou um número relativamente baixo de espécies comuns, de ampla distribuição. A diversidade e abundância da comunidade não se distribuiu aleatoriamente entre habitats (menor abundância dentro da mata; menor diversidade na borda) e ao longo do tempo. Houve ainda uma grande assincronia nas flutuações das espécies dessa guilda, sugerindo que sua dinâmica está principalmente sob controle biótico ao invés de climático. Sugere-se que, para inventários de curta duração em fragmentos similares, esforços de amostragem concentrados nas bordas e trilhas/clareiras são suficientes para obtenção de estimativas muito próximas da "riqueza total" desse grupo de lepidópteros. A população de A. ryphea revelou uma estrutura semelhante àquela descrita para outras espécies em regiões tropicais, sendo composta predominantemente por machos, com uma estrutura espacial que acompanhou a disponibilidade de plantas hospedeiras. A população de imaturos variou sazonalmente e de forma correlacionada com as oscilações da temperatura, pluviosidade, quantidade e qualidade de plantas hospedeiras e da atividade reprodutiva dos adultos. A população de adultos variou de forma mais irregular e diferenças na densidade entre anos (estações de crescimento) não foram muito acentuadas, sugerindo uma certa estabilidade da população quanto ao número de indivíduos alcançado anualmente. O parasitismo de ovos foi o fator mais importante influenciando a variação no tamanho da população ao longo da estação de crescimento (fator chave) e atuou de forma dependente da densidade, com potencial regulador sobre a população. No nível populacional as fêmeas de A. ryphea utilizaram predominantemente Croton floribundus em comparação a C. priscus, e detectou-se diferenças no desempenho das larvas nas duas espécies de planta. Considerando-se os indicadores de desempenho no laboratório e no campo, as respostas nas diferentes plantas hospedeiras foram conflitantes, sugerindo um sucesso reprodutivo médio similar nas duas espécies. A preferência por C. floribundus se correlacionou positivamente com o maior tamanho e peso dos adultos (avaliados em laboratório) e negativamente com a sobrevivência dos imaturos no campo. Croton priscus apresentou melhor qualidade nutricional (baseada no teor de água e nitrogênio), o que, entretanto, não se refletiu num melhor desempenho larval. Esta espécie apresentou um menor risco de mortalidade para os imaturos de A. ryphea no campo. Os resultados, portanto, não permitem determinar os fatores que levam ao uso diferencial das plantas hospedeiras. Sugerese a continuidade dos estudos sobre a relação preferência-desempenho nesse sistema através de testes de oviposição no nível individual

Abstract: In the 20th century, with the sprouting of laboratory animal science, it became undeniable that the quality of the experimentation animal exerts direct influence on the research quality. The model' s health is one of the variables that more direct1y defines its quality. It's up to the researcher to validate the results of his work and for that it is necessary to have full knowledge about the parasites that could affect the laboratory animal colonies, with the purpose of vigilance and control, minimizing the interferences in the experimental results. The present work produced a data compilation on the main parasites of laboratory mice, aiming at the creation of a study source for researchers, technicians and students. Recognizing that the traditional teaching in Parasitology confers some specific difficulties to the student and to the teacher, demanding abstraction moments of both parts, the present work deals with the development of a software that functions as auxiliary tool to the teacher, from which it is possible to bring to the student a global and articulated vision of the studied dynamic phenomena. Graphical animations in three-dimensional environment have been created, illustrating the life cyc1e or morphology of the parasites: Cryptosporidium parvum and C. muris, Giardia muris, Tritrichomonas muris, Spironucleus muris, Syphacia obvelata, Myocoptes musculinus and Myobia musculi. The description of the created software, its evaluation and use perspectives are presented here
Subject: Relação inseto-planta
Lepidópteros
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2003
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
GomesFilho_Arlindo_D.pdf6.41 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.