Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/316237
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Variação espacial na densidade, riqueza e composição de especies de insetos associados a capitulos de Senecio brasiliensis (Asteraceae)
Author: Macedo, Antonio Carlos Cruz
Advisor: Lewinsohn, Thomas Michael, 1952-
Abstract: Resumo: Esta tese foi dividida em dois capítulos. No capítulo I, foram analisados os fatores responsáveis pela variação da densidade de insetos por planta nas populações de Senecio brasiliensis (Asteraceae), bem como a relação entre densidade local dos insetos e sua distribuição geográfica (fteqüência de ocorrência nas populações de plantas). No capítulo n, foram analisados os fatores responsáveis pela variação da riqueza de insetos por planta. Estudou-se também o efeito da distância entre populações de plantas e do tamanho das populações de hospedeiras sobre a similaridade na composição de insetos. O trabalho foi realizado em duas regiões no Sudeste do Brasil. Na região denominada Norte (Estado de Minas Gerais), foram amostradas 4 localidades e na região denominada Sul (Estados de São Paulo e Paraná), 5 localidades. Em cada localidade, foi amostrado um par de manchas (populações discretas) de Senecio brasiliensis, sendo uma grande e uma pequena. Em cada mancha, foram amostradas 30 plantas e, de cada uma destas, 30 capítulos, que foram dissecados. Foram encontradas dez espécies de insetos, sendo oito endófagos, um galhador e um predador. As espécies pertencem às famílias Cecidomyiidae, Agromyzidae (Diptera), Pyralidae, Tortricidae e Pterophoridae (Lepidoptera). A variação da densidade e riqueza de insetos por planta foi estudada em relação às variáveis região, localidade, complexi~e da vegetação no entorno da mancha, tamanho da mancha, densidade de plantas na mancha e tamanho das plantas. Os fatores mais importantes na variação da densidade de insetos foram a complexidade da vegetação no entorno das manchas e a variável localidade, que reflete particularidades históricas e ecológicas de cada área. As variáveis que medem a concentração de recursos das plantas (tamanho da mancha, densidade de plantas e tamanho das plantas) não afetaram as densidades da maioria das espécies, poss~velmente devido ao hábito generalista destas e à saturação da capacidade reprodutiva. Somente Melanagromyza erechtitidis (Agromyzidae), o inseto mais especialista encontrado, softeu efeito significativo da densidade e do tamanho das pl~tas. Foi observada cada espécie de inseto. A riqueaza de insetos por planta também softeu efeito significativo das variáveis vegetação no entorno e localidade. Existe uma maior riqueza de espécies em plantas com maior complexidade de vegetação ao seu redor. Este resultado pode estar relacionado ao hábito generalista das espécies. A variável localidade reflete variações em particularidades e no histórico de colonização de cada área. As variáveis que medem a concentração de recursos das plantas também não afetaram a riqueza de insetos por planta. Foi encontrado um efeito significativo da distância entre manchas sobre a similaridade faunística destas, mostrando que manchas mais distantes apresentavam menor similaridade. Manchas de tamanhos semelhantes apresentaram maior similaridade faunística do que manchas de diferentestamanhos. Os resultados mostram que, tanto variáveis locais das manchas, quanto fatores de grande escala, relacionados à distribuição espacial da planta hospedeira e dos insetos, são importantes na determinação da densidade local, da riqueza e da composição de espécies de insetos de capítulos nas manchas de Senecio brasiliensis

Abstract: This thesis was divided in two chapters. In chapter I, I investigated the factors responsible for the variation of insects density per plant in Senecio brasiliensis populations. I also related the insects local density and its geographic distribution. In chapter 11,I ana1yzedthe factors responsible for the variation of insect richness per plantoI also investigatedthe effect of the distance among patches and the patches size on the similarity of the insects composition. The field work was carried out in two regions in Southem Brazil. I sampled four sites in the region named North (Minas Gerais state), and five in the region named South (São Paulo and Paraná states). In each locality I sampled a pair of patches (discrete populations) of Senecio brasiliensis, one large and one sma1l.In each patch I sampled 30 plants and ftom each one 30 flowerheads were dissected. Ten species of insects were obtained: eight endophagous, one galler and one predator species. The species belong to the families Cecidomyiidae, Agromyzidae (Diptera), Pyralidae, Tortricidae and Pterophoridae (Lepidoptera). I analyzed the variation of insect density and richness per plant in relation to region, locality, vegetation complexity surrounding the patch, patch size, plant density in the patches, and plant size. The two main factors explaining the insects density variability were the complexity of the vegetation surrounding the p~tches and loca1ity,which reflects characteristics of each area. The variables that estimate the plant resource concentration (patch size, plant density and plant size) did not interfere in most of the insect species densities, probably because of their generalist habit and the saturation on the reproductive capacity. OnlyMelanagromyza erechtitidis (Agromyzidae),the most specialist insect species, was significantly influencedby plants density and size. I detected a significant positive relationship between the average density of insects per plant, per patch and its geographic distribution (number of localities in whiçh they occurred) for each insect species. Both the complexity of vegetation surrounding the patches and locality also presented a significant effect on the insects richness per planto There !S a higher insect richness in plants surrounded by more complex vegetation. This result may be related to the generalist habit of these species. The loca1ityvariable reflects, for each arca, its particularities variations and colonization history. The variables reflecting resource concentration in the host plant (patch size,plant density and plant size) did not interfere with the insects richness per planto I found a significant effect of the distance among patches on their faunistic similarity, with more distant patches showing less similarity. Similar sized patches showed a higher faunistic similarity than different sized patches. The results show that both plants local characteristics and large scale factors related to the spatial distribution of the host plant and insects are important in determining the local density, richness and composition of insects inhabiting Senecio brasiliensis flowerheads
Subject: Asteraceae
Senecio
Inseto - Ecologia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: MACEDO, Antonio Carlos Cruz. Variação espacial na densidade, riqueza e composição de especies de insetos associados a capitulos de Senecio brasiliensis (Asteraceae). 2000. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas. Instituto de Biologia, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/316237>. Acesso em: 27 jul. 2018.
Date Issue: 2000
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Macedo_AntonioCarlosCruz_M.pdf2.05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.