Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/315870
Type: TESE
Title: Interação entre árvores e trepadeiras = padrões, processos e implicações
Title Alternative: Interaction between trees and climbers : patterns, processes and implications
Author: Sfair, Julia Caram
Advisor: Martins, Fernando Roberto, 1949-
Abstract: Resumo: A interação entre lianas (trepadeiras lenhosas) e forófitos (árvore-suporte) é caracterizada como antagonística, uma vez que as lianas diminuem a produção e a taxa de crescimento de árvores, aumentando a sua taxa de mortalidade. Esses estudos focam na interação entre pares de espécies, não dando ênfase na estrutura de interação sob uma perspectiva da comunidade. Essa tese teve como objetivo a compreensão dos padrões de interação entre lianas e forófitos utilizando a análise de redes, bem como a compreensão dos processos e implicações que surgem desse padrão. Mostramos que, para três áreas no sudeste brasileiro (cerradão, floresta estacional semidecídua e floresta ombrófila densa) o padrão foi o mesmo: aninhado. O aninhamento implica em um gradiente no número de interações, que pode ser explicado por caracteres e sua combinação (tamanho de lianas e de forófitos, mecanismos e morfologias de árvores que evitam lianas e modos de ascensão de lianas) e neutros (abundância). Apresentamos uma nova métrica (contribuição da espécie para o aninhamento) e mostramos que variáveis relacionadas aos caracteres e neutras explicam o aninhamento. A partir das análises de redes foi possível propor um novo método de manejo de lianas, que privilegia o corte de espécies com mais interações. Dessa maneira, espera-se que haja a manutenção da riqueza de lianas na comunidade

Abstract: The interaction between lianas (woody climbers) and phorophytes (host-tree) is characterized as antagonistic, since lianas decrease the fruit production and the rate of tree growth, which increases their mortality rate. These studies focus on the interaction of liana and phorophyte pairs, not emphasizing the community perspective as a whole. This thesis aimed at the understanding of interaction patterns between lianas and phorophytes using complex network analysis, as well the understanding of process and implications that arise from this pattern. We showed that three vegetation formations in southeastern Brazil (savanna woodland, seasonal dry tropical forest and tropical wet forest) have the same pattern: nestedness. Nestedness presupposes a gradient of number of interactions (from least to most linked species), that are explained by traits (liana and tree size, mechanisms and morphologies to avoid lianas, and liana climbing mode) and neutral (abundance) factors. We developed a new metric (species contribution to nestedness), which also varied according to traits and neutral factors. Using this knowledge, we proposed a new liana management method, which focuses on the most linked species. This method was designed to maintain the liana richness in a forest
Subject: Diversidade biológica
Lianas
Manejo florestal
Redes de interações
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Sfair_JuliaCaram_D.pdf3.38 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.