Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/315858
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Comportamento territorial de Callicebus nigrifrons Spix, 1823 (Pitheciidae) : influência da disponibilidade de frutos e possíveis funções das vocalizações de longo alcance
Title Alternative: Territorial behavior of Callicebus nigrifrons Spix, 1823 (Pitheciidae) : influence of fruits availability and possible functions of long calls
Author: Caselli, Christini Barbosa, 1981-
Advisor: Setz, Eleonore Zulnara Freire, 1953-
Abstract: Resumo: A territorialidade corresponde a uma forma de competição na qual competidores expulsam uns aos outros de áreas contendo recursos, os territórios. A defesa de territórios pode ser flexível, sendo manifestada apenas quando existirem recursos críticos que limitem o crescimento da população (frequentemente representados pela disponibilidade de alimento) e quando estes forem economicamente defensáveis. Os primatas do gênero Callicebus são geralmente descritos como territoriais, embora esta caracterização baseie-se em estudos focados em apenas três das 30 espécies conhecidas desse gênero diverso de primatas Neotropicais. Ainda, a manifestação de comportamentos relacionados à territorialidade se mostrou bastante variável em estudos anteriores, podendo estar relacionada à curta duração desses trabalhos, os quais não contemplaram os efeitos da variação sazonal de recursos alimentares na manifestação desses comportamentos. Nesse contexto, investigamos o comportamento territorial de Callicebus nigrifrons, analisando a influencia da variação na disponibilidade de frutos sobre este comportamento. Buscamos também analisar o papel das vocalizações de longo alcance, geralmente associadas à defesa conjunta de território, mas que também pode estar relacionada a defesa de parceiros reprodutivos. Para isso monitoramos o comportamento de um grupo habituado de C. nigrifrons ao longo de 20 meses (Novembro/2009 - Junho/2011; 730 horas de observação) paralelamente ao monitoramento da disponibilidade de frutos de 22 espécies zoocoricas consumidas por estes primatas. Adicionalmente, analisamos a estrutura dos cantos de longo alcance de nove grupos de C. nigrifrons e relacionamos a estrutura desses cantos aos contextos nos quais estes são utilizados. Também realizamos experimentos com "playbacks" para investigar a importância das vocalizações de longo alcance na defesa conjunta de territórios e de parceiros. As vocalizações de C. nigrifrons apresentaram estrutura hierárquica, cuja combinação de unidades menores, as silabas, dá origem as frases, que são então combinadas em seqüências mais longas. Estas vocalizações de longo alcance são utilizadas tanto para comunicação entre membros do mesmo grupo, como para comunicação entre grupos vizinhos e, embora sejam compostas por unidades vocais semelhantes (mesmas silabas e frases), apresentam estruturas diferentes associadas a estes diferentes contextos comportamentais. Os cantos utilizados para comunicação entre grupos vizinhos foram utilizados principalmente para defesa de recursos alimentares importantes na dieta desses primatas. Diferente de outros Callicebus, C. nigrifrons não exibiu comportamento de defesa e patrulhamento das bordas de sua área de vida, mas focaram o comportamento de defesa em áreas com recursos alimentares importantes e economicamente defensáveis, como arvores frutíferas. Esse comportamento de defesa, tanto pela emissão de vocalizações de longo alcance, quanto pelo uso de outros comportamentos agressivos, resultaram na expulsão de grupos vizinhos que se aproximassem de sua área de uso, e variou em intensidade de acordo com a disponibilidade de frutos no ambiente. A baixa freqüência de encontros entre nosso grupo focal e grupos vizinhos sugere que os comportamentos adotados por C. nigrifrons são efetivos para garantir o acesso prioritário a recursos alimentares importantes em sua dieta

Abstract: Territoriality is a form of competition in which competitors exclude each other from areas containing resources, the territories. Territorial behaviors are flexible and should be adopted only when there is critical resource shortage (which limits population growth) and when these are economically defensible. Callicebus monkeys are usually described as territorial, although this characterization is based on studies focused on three of the 30 known species of this diverse genus of Neotropical primates. Still, the expression of behaviors related to territoriality showed a variable pattern in previous studies. Part of these variations within Callicebus genus could be a result of the short duration of these studies, which did not contemplate the effects of seasonal variation of food resources on territorial behavior. Here we investigated the territorial behavior of Callicebus nigrifrons, evaluating the influence of fruit availability over it. We also evaluated the role of C. nigrifrons loud calls in intra and extra group communication, as well as on food and mate defense. We thus monitored the behavior of a habituated group of C. nigrifrons over a period of 20 months (November/2009 - June/2011; 730 observation hours in total). In parallel to behavioral data collection we monitored the availability of fruits from 22 species eaten by these primates. We also described the structure of loud calls of nine groups of C. nigrifrons and related the structure of these calls to the contexts in which they were used, and performed playback experiments to test the hypotheses of mate and joint territorial defense. Callicebus nigrifrons loud calls are higher hierarchical structures formed by different small units, the syllables, which are assembled to form phrases, which are then assembled to form long sequences, the loud calls. These calls are used in different contexts, involving the communication within and between groups. Although these calls are composed by basically the same syllable and phrase types, the proportional contribution of the different syllable and phrases and the way they are assembled differ between these different contexts. The loud calls used for extra group communication was more clearly associated to joint resource defense of important food recourses in C. nigrifrons diet, the fruits. Unlike previews studies of Callicebus spp., C. nigrifrons did not show the behavior of patrolling and marking range boundaries, but advertised the occupancy of its range via loud call emissions, especially from places close to important and economically defensible food sources, such as fruits. The intensity of the defensive behavior, via loud call emissions and aggressive approach and repulsion of neighboring groups, increased with fruit availability. The low frequency of inter-group agonistic encounter suggest that territories ownership advertisement by C. nigrifrons are effective in maintaining the priority access to important food resources
Subject: Comunicação animal
Disponibilidade de frutos
Territorialidade (Zoologia)
Vocalizações de longo alcance
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Caselli_ChristiniBarbosa_D.pdf2.65 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.