Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/315601
Type: TESE
Title: Revisão taxonômica de Gaylussacia Kunth (Ericacceae) e estudos da filogenia do gênero
Title Alternative: Taxonomic revision of Gaylussacia Kunth (Ericaceae) and phylogenetics studies of genus
Author: Romão, Gerson Oliveira, 1977-
Advisor: Souza, Vinicius Castro
Abstract: Resumo: O presente estudo refere-se à revisão taxonômica e estudos filogenéticos em Gaylussacia Kunth (Ericaceae). O objetivo principal foi contribuir para o conhecimento da taxonomia e das relações filogenéticas do grupo, procurando verificar se o gênero e as seções são monofiléticos. A família é cosmopolita e possui cerca de 160 gêneros e 4500 espécies. O gênero Gaylussacia é tipicamente americano e reúne 63 espécies, sendo que seis são possivelmente novos para a ciência. São levantadas 52 espécies nativas do Brasil, as quais se concentram principalmente nos campos de altitude da Floresta Atlântica e nos campos rupestres como a Cadeia do Espinhaço, além da planície litorânea e bordas de rios na Floresta Amazônica. Na região dos Andes, são encontradas três espécies, uma distribuída pela região entre Argentina e Bolívia, uma entre o Equador e Peru e outra distribuída pela Colômbia até a Venezuela. Ao leste da América do Norte são encontradas outras oitos espécies, concentradas principalmente ao longo da planície costeira até a Cadeia dos Apalaches. O trabalho está baseado no levantamento das espécies obtidas em consultas bibliográficas, atividades de campo, consultas aos acervos dos principais herbários, bem como nos resultados obtidos através da análise de seqüenciamento de DNA. Desse modo, o trabalho consta de descrições das espécies, ilustrações, chaves de identificação, mapas de distribuição geográfica, comentários, fotografias das plantas e suas estruturas, além de análise filogenética do gênero utilizando marcadores como ITS e trnL-F. A análise filogenética indica que o gênero é monofilético, mas não sustenta o reconhecimento das seções. Ao longo dos estudos, foram publicadas três novas espécies, sendo elas: Gaylussacia luizae G.O. Romão & V.C. Souza, G. paranaensis G.O. Romão & Kinoshita e G. rupestrís G.O. Romão & V.C. Souza, além de propor a elevação de três variedades a espécies: G. bocainae (Sleum.) G.O. Romão & V.C. Souza, G. hilaireana (Sleum.) G.O. Romão & V.C. Souza e G. salviifolia (Sleum.) G.O. Romão & V.C. Souza. Aqui foram designados 37 lectótipos e três neótipos. Foram identificados 12 padrões de distribuição geográfica para as espécies do gênero

Abstract: The present proposal is to support the taxonomic and philogenetic study of Gaylussaaa Kunth. The mainly objective was to accomplish a taxonomic study of the species and of the Gaylussacia section, moreover, to accomplish a phylogenetic study of Vaccinieae tribe, and to verify the relationships among Gaylussacia and other near genera. Ericaceae is a cosmopolitan family, including around 160 genera and nearly 4500 species, it includes herbs until small trees and is distributed mainly in temperate and subtropical regions worldwide. Gaylussacia is typically a American genera, are 63 recognized species and 6 taxa probably unpublished to the science, which 52 are brazilian, eight are Noth Americans and three are from Andes, one between Ecuador/Peru, one between Bolilva/Argentina and one is from Colombia to Venezuela. The elaboration of the taxonomic revision is based on the survey of the Gaylussacia species, first, through bibliographical consults, second, through analysis of the specimens deposited in the Brazilian and European herbaria, third, through field expeditions around Brazil in order to collect fresh material for the phylogenetic studies and to observe the natural habitat. The study will present a monograph of Gaylussacia species, that will consist of descriptions, illustrations, maps and geographical distribution, identification keys for the species and varieties besides taxonomical comments, photografies and phylogenetic study using ITS and trnL~F sequences. The phylogenetic analysis indicates the monophyly of the genus, but it is not the sections. During the research, three new species were published, Gaylussacia luizae G.O. Romão & V.C. Souza, G. paranaensis G.O. Romão & Kinoshita e G. rupestris G.O. Romão & V.C. Souza, besides proprosing three new status: G. bocainae (Sleum.) G.O. Romão & V.C. Souza, G. hilaireana (Sleum.) G.O. Romão & V.C. Souza e G. salviifolia (Sleum.) G.O. Romão & V.C. Souza. It were designed here 37 lectotypes and three neotypes, and identified 12 patterns of geographical distribution for the species of Gaylussacia
Subject: Taxonomia vegetal
Plantas - Filogenia
Gaylussacia
Ericaceae
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:IB - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Romao_GersonOliveira_D.pdf124.92 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.