Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/315333
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Germinação de sementes de duas especies invasoras de croton (euphorbiaceae)
Author: Almeida, Vilma Palazetti de
Advisor: Pereira, Maria de Fatima Domingos Aleixo, 1944-
Pereira, Maria de Fatima D. A.
Abstract: Resumo: Sementes de C. glandulosus e C. lundianus foram consideradas dormentes, pois não germinaram quando supridas de água, temperatura de 25ºC e uma composição atmosférica normal, condições estas consideradas favoráveis à germinação da maioria das espécies. Com o armazenamento das duas espécies por até 5 meses não se observaram variações morfológicas no embrião destas sementes e nem houve estimulação da germinação. Entre os vários regimes de temperatura estudados, as combinações 25º/10ºC e 25º/15ºC alternados a cada 12 horas se mostraram mais apropriadas para a promoção da germinação das duas espécies. A escarificação do tegumento na região apical (região da carúncula e emissão da radícula) foi um tratamento efetivo na promoção da germinação nas duas espécies de Croton estudadas. A escarificação é um procedimento que pode favorecer a entrada de água, as trocas gasosas, a saída de inibidores do embrião como também diminuir a tensão que o tegumento exerce impedindo o crescimento do embrião. Estas possibilidades foram averiguadas neste trabalho. Através da curva de embebição das sementes, observou-se que o tegumento não exerce barreira à entrada de água nas duas espécies estudadas. o aumento do teor de oxigênio no meio não favoreceu a germinação das sementes das duas espécies de Croton. A retirada da carúncula nas duas espécies ou da mucilagem em C. glandulosus que poderiam agir como barreiras a difusão do oxigênio ate o embrião, também não estimularam a germinação. A lavagem das sementes, e a analise de extratos brutos ou fracionados das sementes, não forneceram indicações da presença de inibidores. Os resultados são discutidos em termos de que a dormência das sementes de C. glandulosus e C. lundianus pode se dar através de barreira mecânica imposta pelo tegumento, sobre o crescimento do embrião. A escarificação na região da carúncula, a remoção total do tegumento, como também tratamentos de temperatura alternada poderiam eliminar este impedimento a germinação das sementes das duas espécies estudadas

Abstract: Not informed.
Subject: Germinação
Crescimento (Plantas)
Sementes
Ecologia vegetal
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1988
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Almeida_VilmaPalazettide_M.pdf5.61 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.