Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/315324
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Estudo sobre a matriz extracelular de diferentes regiões de tres tendões de ratos
Author: Covizi, Daniela Zanin
Advisor: Pimentel, Edson Rosa, 1949-
Abstract: Resumo: o tendão é um tipo de tecido conjuntivo denso onde há um predomínio de matriz extracelular (MEC) em relação a quantidade de células. Sua principal função é transmitir as forças de tensão geradas pela contração do músculo onde ele se origina ao osso no qual ele se insere. Os principais componentes da MEC de tendões são o colágeno do tipo I, os pequenos proteoglicanos (PGs) e as proteínas não colagênicas (PNC). Existem tendões que passam próximo a um osso em uma articulação antes da inserção, que ocorre numa direção diferente do músculo, e neste caso são denominados "wrap around", e no local em que estão sob a articulação recebem forças de compressão e fricção adicionais às forças de tensão. Neste local geralmente ocorre o desenvolvimento de uma estrutura fibrocartilaginosa com feixes de colágeno espessos, quantidade elevada de PG e células semelhantes a condrócitos. O objetivo deste trabalho foi analisar a composição de PNC e pequenos PGs da MEC de diferentes regiões do tendão do músculo flexor digital profundo (TFDP), do tendão do músculo flexor digital superficial (TFDS) e do tendão calcanear (TC), que por apresentarem trajeto não linear provavelmente estão sob a ação de forças de compressão e fricção além das forças de tensão. O TFDP e o TFDS foram divididos em regiões denominadas proximal, intennediária e distal, enquanto o TC foi dividido nas regiões proximal e distal. Todas as regiões dos três tendões foram extraídas com 25 volumes de c1oridrato de guanidina (GuRCI) 4M com inibi dores de proteases. As dosagens de proteínas realizadas em cada extrato mostraram que no TFDP havia uma maior presença de proteínas não colagênicas/mg de tecido, sendo que nas regiões intennediária e distal esta proporção foi maior. Com relação às dosagens de glicosaminoglicanos (GAGs) sulfatados, após digestão com papaína, foi verificado que a região distal do TC apresentou uma maior quantidade de GAG/mg de tecido, comparando com as regiões dos TFDP e TFDS. De um modo geral, a quantidade de GAG/mg de tecido, nos três tendões, foi sempre maior nas regiões em que os tendões contornam a articulação. O GAG dermatam sulfato foi encontrado em todas as regiões nos três tendões na eletroforese em gel de agarose, enquanto condroitim sulfato foi encontrado apenas nas regiões que estão sob forças de compressão do TFDP e do TC. Amostras de todos os extratos foram fracionadas em coluna de DEAE-celulose. O material ligado à resina foi eluído da coluna em gradiente linear de NaO de O a 1 M, e as frações analisadas em SDS-PAGE 4 a 16 % com e sem 2-mercaptoetanol (2-Me). Em todas as regiões dos três tendões observou-se a presença de componentes com Mr entre 94 kDa e 232 kDa. O pequeno PG fibromodulim foi encontrado em todas as regiões dos TFDP, TFDS e TC, e pelo resultado do teste imunoquímico podemos deduzir que possui duas isoformas do PG. Uma característica interessante deste fibromodulim foi seu comportamento em SDS-PAGE migrando mais lentamente quando não era previamente incubado com 2-Me. O componente poli disperso com Mr na faixa de 67 a 115 kda, provavelmente decorim, também foi encontrado em todas as regiões dos tendões TFDP, TFDS e Te. A presença desses pequenos PGs em tecidos tipicamente fibrosos deve-se à sua provável função de regular a fibrilogênese das moléculas de colágeno. As propriedades de intumescimento apresentadas pelos três tendões foram típicas de uma matriz colagênica fibrosa

Abstract: Tendon is a typical example of done connective tissue, with a predominance of extracellular matrix (ECM). Its main function is transmitting tension from the musc1e to the bone. The main ECM component of tendons are type I collagen, small proteoglycans and non collagenous proteins. Tendons which pass under bones are called a wrap around tendon, and way receive compression and frictional forces in adhesion to tensile forces. Normally, this region has a structure similar to a fibrocartilage with collagen fibers and elevated levels of g1ycosaminoglycans, with cells resembling chondrocytes. The purpose of this work was to analyse the composition of non collagenous proteins and small proteoglycans present in the ECM of different regions of the deep digital flexor tendon (DDFT), superficial digital flexor tendon (SDFr) and calcanear tendon (CT). These tendons probably experience compressive and frictional forces in addition to tensile forces. The DDFr and SDFr were divided in proximal, intermediate and distal regions, while the CT was divided in proximal and distal regions. Every region was treated with 25 volumes of 4M guanidine hydrochIoride (GuHCI) with proteases inhibitors. Quantitation of proteins in each extract showed that in DDFr there was a larger presence of non collagenous protein/ .g of tissue than in the other two tendons. In the intermediate and distal region of the DDFr, the proposition of this protein was higher. In relation to the presence of sulfated glycosaminog1ycans (GAGs), after papain digestion, more GAG/mg of tissue was found in the distal region of CT, compared to the regions of the DDFr and SDFr. In general, the amount of GAG/mg of tissue, was always higher in regions where the tendon passed under the joint. Eletrophoresis in agarose gel showed the presence of sulfate dermatan, in alI regions of the three tendons, whi1e chondroitin sulfate was found only in regions passing under bone, in DDFf and CT. Samples of every extract were fractioned on a DEAE-celulose column. The bound material was eluted with a linear gradient of O-1M NaCI, and fractions analysed in SDS-PAGE in presence and absence of 2-mercaptoethanol. In alI regions of the three tendons components with Mr between 94 and 232 kDa were delected. The small proteoglycan fibromodulin was present in every region of the DDFf, SDFf and CT. The immunochemical test inc1inated tqat fibromodulin may be present in two isoforms of the proteog1ycan. A interesting characteristic of this fibromodulin was its behaviour in SDS- P AGE, migrant more slowly when electrophoresis was in non reducing conditions. The polydisperse component with Mr in the range of 67 to 115 kDa, probably corresponding to decorin, was found in every region of the three tendons. The presence of these two small proteoglycans in fibrous tissues it is probable due to the function of regulating collagen fibrilogenesis. The swelling properties demonstrated for the three tendons were tipical of a collagenous fibrous matrix
Subject: Tendões
Matriz extracelular
Proteoglicanos
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1995
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Covizi_DanielaZanin_M.pdf5.37 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.