Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/315313
Type: TESE DIGITAL
Title: Biodiversidade dos Echinodermata na porção sul do Embaiamento Sul Brasileiro
Title Alternative: Biodiversity of Echinodermata in the southern part of the South Brazilian Bight
Author: Bueno, Maristela de Lima, 1987-
Advisor: Borges, Michela, 1976-
Abstract: Resumo: Para a avaliação da diversidade dos Echinodermata na porção sul do Embaiamento Sul Brasileiro (ESB) foram realizados: (i) levantamento e padrão de ocorrência das espécies registradas para o litoral do Paraná nos ambientes: estuários, plataforma continental interna, externa e talude em substratos consolidados e não consolidados; (ii) elaboração de guia de identificação das espécies de Echinodermata do litoral paranaense, contendo diagnoses, informações ecológicas, geográficas e ilustrações e (iii) análise do padrão de distribuição espacial da diversidade dos Echinodermata presentes no Complexo Estuarino de Paranaguá- PR (CEP) e na Baía de Babitonga-SC (BB), investigando se existe diferenças na diversidade desses organismos dentro e entre os sistemas estuarinos e quais fatores ambientais influenciam no padrão encontrado Foram consultados artigos, registros em teses não publicadas, relatórios técnicos, base de dados, coleções de museus científicos com informações do litoral do Paraná e norte de Santa Catarina. Adicionalmente realizaram-se 12 coletas qualitativas em diferentes locais do litoral paranaense, para complementar as informações levantadas. Como resultado foram inventariados 65 espécies distribuídas em 5 classes, 13 ordens, 28 famílias e 43 gêneros, o que representa aproximadamente 19% das espécies conhecidas no Brasil. Ophiuroidea foi o grupo com maior número de espécies (38) seguido de Echinoidea (12 spp.), Asteroidea (11 spp.), Holothuroidea (2 spp.) e Crinoidea (2 spp.). Quanto à distribuição, Ophiuroidea foi registrado com maior frequência nos estuários, plataforma interna e externa. Echinoidea e Asteroidea apresentaram maior riqueza especifica na plataforma interna até 50 m. Holothuroidea e Crinoidea foram as classes com menor número de registros e foram encontradas habitando preferencialmente substratos consolidados da plataforma interna. Para avaliar a diversidade dos Echinodermata presentes no CEP e na BB, foram empregadas análises univariadas e multivariadas, utilizando como varáveis resposta: riqueza e composição de espécies e os índices de diversidade beta (?SIM, ?SOR e ?NES) em relação aos fatores: setor halino, latitude, longitude e distância da boca do estuário (km), tipo de sedimento, profundidade (m), salinidade, tamanho médio do grão, grau de seleção, temperatura, teor de carbonato de cálcio e de matéria orgânica. Foi observado que a riqueza de espécies aumenta à medida que aumenta a salinidade, entretanto, o gradiente de profundidade e a modificação do sedimento explicaram melhor a variação da riqueza e composição de espécies quanto nos padrões de diversidade total (?SIM) e hierarquíca (?NES) observados. A diversidade ? no CEP foi determinada por substituição e uma pequena proporção de aninhamento de espécies e na BB foi determinada essencialmente por substituição de espécies. Como conclusão, podemos afirmar que os equinodermos do Complexo Estuarino de Paranaguá e da Baía da Babitonga apresentam um alto grau de especificidade apresentando consistente estruturação espacial e ambiental. Os resultados obtidos nesse trabalho poderão contribuir para o melhor conhecimento da biodiversidade dos equinodermos no sul do Brasil, especialmente para o litoral paranaense, servindo de base para futuros monitoramentos dos impactos antrópicos, amparando estratégias conservacionistas nos diferentes ecossistemas marinhos e gerando subsídios para futuros estudos de taxonomia, ecologia e áreas afins

Abstract: Echinodermata¿s diversity of the southern part of the Bight South Brasileiro (SBB) was evaluated through: (i) checklist and occurrence patterns occurrence patterns of Echinodermata from estuaries, continental shelf and continental slope in consolidated and non-consolidated substratum; (ii) preparation an echinoderms identification guide; (iii) spatial distribution and diversity of echinoderm found in Estuarine Complex Paranaguá- PR (CEP) and Babitonga-SC Bay (BB), evaluating as environmental factors within and between estuaries may influence. To find echinoderms records were consulted, published articles, unpublished theses, technical reports, databases, collections of scientific museums, to the coast of Paraná and north of Santa Catarina. In addition, to complement the information gathered, 12 qualitative sampling campaigns were made in different regions of the Paraná coast. As a result were inventoried 65 species in five classes, 13 orders, 28 families and 43 genres, representing approximately 19% of known species in Brazil. Ophiuroidea was the group with the highest number of species (38) followed by Echinoidea (12 spp.), Asteroidea (11 spp.), Holothuroidea (2 spp.) and Crinoidea (2 spp.). Ophiuroidea was found more frequently in estuaries, continental shelf and slope on consolidated and unconsolidated substrates. Echinoidea and Asteroidea had greater specifies richness in the continental shelf (until 50 m). Holothuroidea and Crinoidea were the least records, inhabiting mainly consolidated substrates in the continental shelf. Univariate and multivariate analyses were performed, as response variable richness, species composition and beta diversity indices (?SIM, ?SOR and ?NES) in relation to the factors: estuarine sector, geographic coordinates, distance from the estuary mouth (km), sediment type, mean grain size, standard deviation (sorting), depth (m), salinity, calcium carbonate and organic matter. Echinoderms present in both estuaries showed variability dependent on depth and sediment. ? diversity in CEP was determined by turnover and a small proportion of nesting species and BB essentially by replacing species. This work contribute to a better knowledge of the echinoderm's biodiversity in southern Brazil. Providing the basis for future monitoring of human impacts, supporting conservation strategies in different marine ecosystems and generating insights for future studies taxonomy and ecology
Subject: Equinodermo - Brasil, Sul
Bentos
Estatística
Diversidade beta
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Bueno_MaristeladeLima_M.pdf15.89 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.