Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/315030
Type: TESE
Title: Estudo filogenetico de Hymenaea L. baseado em proteinas de semente
Author: Rocha, Dulce Maria Sucena da
Advisor: Shepherd, George John, 1949-
Abstract: Resumo: Com o intuito de estudar e comparar a variação em proteínas de sementes foram analisadas as proteínas de reserva de 10 taxas (7 espécies e 3 variedades) de Hymenaea L. (Leguminosae, Caesalpinoideae, tribo Detarieae). As espécies e variedades estudadas foram: H. courbaril (variedades: courbaril, stilbocarpa, , subsessilis e altíssima), H. stigonocarpa, H. martiana, H. intermédia, H. parvifolia, H. áurea e H. oblongifolia. O método empregado na separação de proteínas foi eletroforese em gel de acrilamida com SDS e com B mercaptoetanol. Foram consistentemente reconhecidas 31 bandas protéicas. Constatou-se a presença de uma variação muito grande de padrões protéicos dentro das espécies ¿ sementes de um mesmo fruto freqüentemente apresentam padrões protéicos distintos, e dentro e entre indivíduos de uma mesma população, extensa variação foi encontrada. Por outro lado, padrões idênticos foram encontrados entre sementes de populações, extensa variação foi encontrada. Por outro lado, padrões idênticos foram encontrados entre sementes de populações distintas e mesmo de espécies diferentes. A variação infraespecífica não está correlacionada com distribuição geográfica e não houve qualquer evidência de separação de variedades da mesma espécie. A variação interespecífica foi menor do que a variação infraespecífica e, em geral, bandas características de uma única espécie não foram observadas. Ánálises de agrupamentos de sementes individuais usando o coeficiente de Jaccard, não evidenciaram a separação de grupos naturais e freqüentemente encontrou-se indivíduos de diversas espécies misturados no mesmo grupo...Observação: O resumo, na íntegra, poderá ser visualizado no texto completo da tese digital

Abstract: Variation in seed protein composition was studied in 10 taxa (7 species and 3 varieties) of the genus Hymenaea L. (Leguminosae, Caesalpinoideae, tribe Detarieae). The species and varieties include were H. courbaril (varieties cousbaril, stilbocarpa, subsessilis and altissima), H. stigonocarpa, H. martiana , H. intermedia, H. parvifoilia, H. aurea and H. oblongifolia. The technique used was electrophoresis in acrylamide gel in the presence of SDS and B ¿ mercaptoethanol. In all, 31 protein bands could be detected and recognized consistently. Extnesive intraspecific variation in band patterns was encountered, with seeds from a single fruit often showing quite distinct patterns and with considerable variation within and between individuals in the same population. On the other hand, identical patterns were found in seeds originating in different populations and even different species. Intraspecific variation was apparently not correlated with geographical distribution, and there was no evidence for separation of varieties within a species. Interspecific variation was apparently not correlated with geographical distribution, and there was no evidence or separation of varieties within a species. Interspecific variation was less extensive than intraspecific variation, and, in general, bands exclusive to a single species were very rare. Cluster analysis of individual seed patterns using the Jaccard coefficient and various clustering methods did not produce natural groups, and resulted in heterogeneous assemblages which united individuals from several species ...Note: The complete abstract is available with the full electronic digital thesis or dissertations
Subject: Hymenaea martiana
Proteínas - Separação
Sementes
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1988
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Rocha_DulceMariaSucenada_M.pdf10.13 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.