Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/314826
Type: TESE
Title: Aspectos fisiologicos de cultivares de arroz (Oryza sativa L.) em condições de deficiencia hidrica
Author: Gomes, Mara de Menezes de Assis
Advisor: Lagoa, Ana Maria Magalhães Andrade
Abstract: Resumo: Uma das principais metas para seleção das variedades de arroz de sequeiro (Oryza sativa L.) é a resistência a déficits hídricos. O fechamento mais rápido dos estômatos em resposta ao estresse hídrico e o enrolamento foliar nas horas mais quentes do dia, características bem marcantes nas variedades de sequeiro, na verdade são mecanismos que também auxiliam as plantas a perder menos água. O objetivo deste trabalho foi estudar a influência da deficiência hídrica no desenvolvimento de duas cultivares de arroz de sequeiro (IAC 165 e IAC 201), desenvolvidas no Instituto Agronômico de Campinas. As plantas foram cultivadas em condições hidropônicas e aos 50 dias de desenvolvimento foram submetidas à deficiência hídrica pela aplicação direta e crescente de polietilenoglicol (PEG) na solução nutritiva. Fotossíntese, transpiração, condutância estomática e potencial hídrico de folhas foram medidos diariamente, com irradiação de 900 µmol.m-2.s-l. Quando o potencial hídrico da solução atingiu valores que modificaram substancialmente a fotossíntese, raízes e folhas foram coletadas para análise de massa e determinação de ácido abscísico (ABA). Após o fim do estresse também houve coleta de material. A quantificação de ABA foi feita pelo método ELISA (enzyme-linked-immunosorbent-assay) . Em relação aos parâmetros analisados, é provável que a cultivar IAC 165 tenha maior capacidade de adaptação às condições de seca quando comparada com a cultivar IAC 201

Abstract: One of the main goals for the selection of rice varieties (Oryzasativa L.) is the resistance to water stress. Midday stomatal closure and leaf rolling are common characteristics that enable the plants to lose less water. The purpose of this work has been to study the development of two rice cultivars (IAC 165 and IAC 201 ) which were developped at Instituto Agronômico de Campinas (IAC). The plants were cultivated under hidroponic conditions and on the fiftieth day of development were submitted to water stress by the application of polyethilene glicol (PEG) in the nutrient solution. Photosynthesis, transpiration, stomatal conductance and leaf water potential were measured every day under irradiation by 900 µmol.m-2.s-l. When the water potential of the nutrient solution decreased till reach values that modified substantially the photosynthesis, root and shoot were collected to abscisic acid (ABA) and dry weight determination. After the nutrient solution was changed to a nutrient solution without PEG, there as also plant harvesting. The ABA quantification has been made by the ELISA method (enzyme-linked-immunosorbent-assay). In relation to the parameters studied, the cultivar IAC 165 seems to have best capacity to adaptation to water stress when compared to the cultivar IAC 201
Subject: Arroz
Acido abscisico
Plantas - Efeito da seca
Fotossíntese
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1996
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Gomes_MaradeMenezesdeAssis_M.pdf6.01 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.