Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/314588
Type: TESE
Title: Ação das drogas trifluoperazina e papaverina e do estresse oxidativo em eritrocitos
Author: Ruggiero, Ana Celia
Advisor: Meirelles, Nilce Correa, 1943-
Abstract: Resumo: As drogas fenotiazínicas são amplamente utilizadas clinicamente como neuroléticos e antipsicóticos. A interação dessas drogas com a membrana eritrocitária induz a mudanças na forma bem como na permeabilidade do eritrócito. A atividade biológica dos fenotiazínicos pode perturbar a estrutura da membrana por ligação direta com os lipídios ou pela interação com as proteínas, perturbando a interação lipídio-proteína. Nesse trabalho estudamos o efeito de duas drogas de efeitos clínicos diversos e de estruturas químicas diferenciados, a trifluoperazina, um derivado fenotiazínico e a papaverina, um vaso dilatador inespecífico (Goodman & Gilman, 1975), sobre os eritrócitos. Através de medidas supressão de fluorescência, dos resíduos de triptofano das proteínas da membrana eritrocitária, em suspensões de ghosts, causada pela sonda de membranas ANS, observamos que a trifluoperazina interage com as proteínas da membrana eritrocitária. Nessa interação ocorre um rearranjo na membrana, expondo os resíduos de triptofano das proteínas da membrana, ao meio mais hidrofílico alterando de alguma forma a interação lipídio-proteína. Além disso, através de medidas de Ressonância Paramagnética Eletrônica com marcadores de spin derivados do ácido esteárico verificamos um aumento na fluidez da membrana, pela ação da trifluoperazina. Em condições semelhantes, a papaverina, apresentou efeitos discretos sobre a fluidez da membrana, não sendo possível assinalar alterações na ordem ou mobilidade da membrana eritrocitária. Em ghosts isolados de eritrócitos depletados de ATP ou em suspensões de células íntegras depletadas também foram detectadas alterações, na fluidez da membrana, sendo que essas modificações não parecem estar relacionadas a regiões específicas da membrana eritrocitária. Numa segunda abordagem, avaliamos o efeito da TFP sobre a oxidação da hemoglobina provocada por peróxido de hidrogênio. Nos processos oxidativos a que a Hb foi submetida pelo peróxido de hidrogênio obtivemos um efeito protetor da TFP. Esse efeito é mais evidente para a hemoglobina oxigenada (oxiHb). A TFP se liga à oxiHb, protegendo a proteína da ação do peróxido de hidrogênio, antes da formação de qualquer intermediário, sendo que somente 10% da quantidade relativa inicial da Hb é transformada nas espécies oxidadas: meta e ferrilHb

Abstract: Phenothiazines drugs are mainly used as neuroleptics and antihistamines. These drugs disturb biological membranes, modifying the form and permeability of the membranes. Biologically active phenothiazines may perturb membrane lipid structure through two possible mechanisms, a direct interaction of the drug with membrane proteins, reflected in the lipid bilayer, and a perturbation of lipid structure that leads to perturbation of proteins via lipidprotein interactions. In this work we studied the effect of two drugs with different clinical and chemical structure: trifluoperazine (TFP) a phenothiazine derivative, and papaverine, an inespecific vasodilator (Goodman & Gilman, 1975), upon erythrocytes. Measurements of the quenching of tryptofan residues of the proteins of the erythrocyte membrane, by ANS, a membrane probe, proved that TFP interactes with membrane proteins of the erythrocytes membrane. In this interaction, a change in the protein were tridimensional arranjement exposes the tryptophan residues to a more hydrofilic region, and caused changes on the lipid-protein interaction of the erythrocyte membrane. Also the membrane fluidity in increase, as demonstrated by spin labeliing, Eletron Paramagnetic Ressonace experiments. At the same conditions papaverine was demonstrated, papaverine demonstrated a slight effect, that can not be assigned to a change in the membrane tluidity. In the ghosts depletead from A TP or in suspensions ot erythrocytes (also submited to the ATP depletion) we found alterations in the membrane fluidity. This changes seens to be different, dependig on the membrane regions, as seeen by EPR experiments. Hemoglobin, treated with TFP, and submited to the action ot hydrogen peroxide, showed a protective effect of this phenothiazine drug on its oxidation, this effect being more pronounced for oxigenated Hb (oxiHb). TFP interacts with Hb and protect the protein from the peroxide action, before the formation of any intermediary species. Only 10% of the Hb was transformed in the oxidated species: meta and ferril Hb
Subject: Eritrócitos
Bioquímica
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1994
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Ruggiero_AnaCelia_D.pdf6.05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.