Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/314392
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Processo de decomposição e padrão sucessional de artrópodes em carcaças de suínos expostas em locais abrigados e desabrigados
Title Alternative: The process decomposition and the successional pattern of arthropods in pig carcasses exposed to unsheltered environments
Author: Stoppa, Laila Silva Leonel de Ávila, 1986-
Advisor: Linhares, Arício Xavier, 1950-
Abstract: Resumo: A entomologia forense utiliza principalmente dados de insetos necrófagos para estimar o intervalo pós-morte (IPM). A oviposição destes insetos pode ser influenciada por vários fatores, tais como se o corpo está envolto por algum material, se está enterrado, carbonizado, em ambiente aberto ou fechado, podendo assim alterar o cálculo do IPM. O propósito deste trabalho foi estudar as diferenças na exposição de carcaças abrigadas e desabrigadas, no processo de decomposição, na atratividade e oviposição pelos artrópodes e na sucessão entomológica. A influência do modo de exposição das carcaças em relação à abundância das espécies que as coloniza também foi reportado. Os experimentos foram realizados em duas estações do ano, quente e úmida e na seca e fria. Foram utilizadas três carcaças de suínos (Sus scrofa L.), fêmeas de aproximadamente 10kg, em cada estação. A fim de se evitar a predação por animais de grande porte, as carcaças foram colocadas em gaiolas de ferro e expostas em um arboreto, nas dependências da UNICAMP, situado entre os paralelos 22°48'57"S, 47°03'33"W, 640 metros de altitude. Uma carcaça ficou desabrigada (controle) e as outras duas (réplicas) dentro de barracas de camping de dimensões 2,05m x 1,45m x 1,00m, abrigadas, uma na sombra e outra no sol. Os insetos adultos alados foram coletados com puçá e os imaturos direto da bandeja de cada carcaça, todos os dias no mesmo horário. Amostras de solo também foram coletadas no local do experimento ao redor de cada carçaca. Foi obtido um total de 37.787 espécimes pertencentes ao Filo Arthropoda, distribuídos em 11 diferentes ordens, sendo que desse total 8.842 foram coletados e 28.945 foram criados, ou seja, os imaturos foram levados ao laboratório e mantidos em câmaras de criação (±26°C) até sua emergência. Dos coletados, 92,2% pertencem à ordem Diptera, onde se destacaram as famílias Calliphoridae (28,7%) e Muscidae (34,6%). Outras ordens coletadas foram Coleoptera (4,5%), Hymenoptera (1,9%), Lepidoptera (0,5%) e Hemiptera (0,3%). Foram coletados menos de 1% de artrópodes ocasionais pertencentes às ordens Blattodea, Mantodea e Neuroptera, além de Acari, Opiliones e Araneae. Dos criados, 99,8% pertenciam a ordem Diptera onde se destacaram as famílias Calliphoridae (93,2%) e Muscidae (5,4%). A ordem Coleoptera foi responsável por 0,2% restantes. Considerando-se diferentes tipos de exposição, observou-se diferença no tempo de decomposição, modo e duração de cada estágio entre as carcaças, sendo que na carcaça controle a decomposição foi muito mais rápida e obteve maior abundância de artrópodes que nas carcaças abrigadas, embora a composição de espécies ter sido similar em todas elas. Fatores abióticos exerceram influência retardando ou acelerando a atividade dos insetos necrófagos nas carcaças. Chrysomya albiceps foi à espécie mais abundante e juntamente com Hemilucilia segmentaria e Peckia (Euboetcheria) collusor podem ser considerados indicadores forenses para estimativa de IPM, enquanto Hemilucilia segmentaria e Hemilucilia semidiaphana podem ser usadas como indicador forense para região de mata, modo de exposição e estação fria e seca. Tais resultados demonstram a importância da utilização da entomologia forense como ferramenta nas investigações legais

Abstract: Forensic Entomology uses data, mainly from carrion insects, to estimate the Post Mortem Interval (PMI). The oviposition pattern of these insects can be influenced by several factors, such as the presence of materials in the vicinity of the body, whether the corpses are buried, burned or disposed in open or closed environments, etc. These factors can affect the PMI estimate. The purpose of this work was to study the differences in decomposition, attractiveness and oviposition patterns between carcasses exposed in sheltered and open environments. The influence of the mode of exposure in relation to the abundance of the species that colonized were also been studied. The experiments were conducted in two seasons: warm and wet (summer), and dry and cool (winter). Three carcasses of female pigs (Sus scrofa L.), weighing aproximatelly 10 kg were used per season. The carcasses were placed in iron cages in order to avoid predation by large animals, and exposed in an arboretum located on the State University of Campinas campus, (22 ° 48'57 "S 47 ° 03'33" W), at 640 m above sea level. One pig was placed in and unsheltered area (control) and the other two were exposed inside camping tents measuring 2,05 m x 1,45 m x 1,00 m. One tent was set in a shaded area and the other one was places under direct sunlight. Adult insects visiting the carcasses were collected with an insect net. The immatures leaving the carcasses to pupate were collected in trays placed beneath each carcass, taken to the laboratory, reared at 26 °C in growth chambers until adult emergence, and identified. Soil samples were also collected at the site of the experiment around each carcass. A total of 37.787 specimens of Arthropoda was obtanined, distributed in 11 different orders. Of this total, 8.842 were collected and 28.945 were reared from the collected larvae. Diptera totaled 92.2% of the adults collected (Calliphoridae-28.7% and Muscidae-34.6%). The other collected orders were: Coleoptera (4.5%), Hymenoptera (1.9%), Lepidoptera (0.5%) and Hemiptera (0.3%). Les than 1% of occasional arthropods belonging to the orders Blattodea, Mantodea and Neuroptera, and Acari, Opiliones and Araneae were also collected. More than 99% of the reared insects belonged to the order Diptera, Calliphoridae (93.2%) and Muscidae (5.4%) were the most abundant families. The order Coleoptera accounted for the remaining 0.2%. Considering the different types of exposure, there was a difference in the decomposition time, mode and duration of each decomposition stage of the carcasses. The decomposition process in the control carcasses was much faster and had greater abundance of arthropods in the sheltered carcasses, but species composition was similar. Abiotic factors exerted influence by delaying or accelerating the activity of insects in the carcasses. Chrysomya albiceps was the most abundant species and, together with Hemilucilia segmentaria and Peckia (Euboetcheria) collusor can be considered important indicators in the estimation of PMI, while Hemilucilia semidiaphana and Hemilucilia segmentaria can be also used as indicators for wooded areas, mode of exposure and season. These results evidence the importance of using forensic entomology as a tool in legal investigations
Subject: Entomologia forense
Moscas necrófagas
Decomposição
Intervalo pós-morte
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: STOPPA, Laila Silva Leonel de Ávila. Processo de decomposição e padrão sucessional de artrópodes em carcaças de suínos expostas em locais abrigados e desabrigados. 2011. 83 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/314392>. Acesso em: 19 ago. 2018.
Date Issue: 2011
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Stoppa_LailaSilvaLeoneldeAvila_M.pdf2.83 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.