Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/314222
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Envolvimento da triparedoxina peroxidase na resposta do Trypanosoma cruzi ao estresse oxidativo
Author: Chiavegatto, Camila Whonrath Morisco
Advisor: Gadelha, Fernanda Ramos, 1964-
Abstract: Resumo: Em resposta a invasão pelo Trypanosoma cruzi (T.cruzi) a célula libera uma série de espécies reativas de oxigênio e ao mesmo tempo ocorre um aumento de concentração de cálcio no citosol indispensável para a penetração do parasita. O T.cruzi apresenta uma capacidade limitada em lidar com o estresse oxidativo, levando esta área a ser de grande interesse para a terapêutica. A triparedoxina peroxidase (TXNPx) é uma enzima antioxidante que participa de uma cascata enzimática para a detoxificação de hidroperóxidos descrita em T.cruzi que oferece novas opções para o desenvolvimento de agentes tripanossomicidas mais específicos. Duas cepas com diferentes resistências ao estresse oxidativo gerado pelo peróxido de hidrogênio foram utilizadas nesse trabalho. A cepa Tulahuen 2 apresenta menor tempo de geração e uma maior resistência ao estresse oxidativo, além de um maior índice de crescimento e concentração de TXNPx em relação a cepa Y. Correlacionando o número de células com o conteúdo protéico total, a cepa Tulahuen 2 apresenta uma relação maior do que a outra cepa estudada. Durante a fase lag, em ambas as cepas, ocorre um aumento da expressão da TXNPx. Nas condições testadas, as duas cepas metabolizaram o H2O2 na mesma velocidade. Baixas concentrações de H2O2, levaram a um estímulo da proliferação celular (cepa Y) dando suporte a idéia que este agente pode agir como segundo mensageiro. Essas células são capazes de se adaptar ao estresse oxidativo quando tratadas inicialmente com uma concentração citotóxica e depois desafiadas com uma dose citostática. Esta adaptação é temporária, induzindo a resistência até l h 30min após o pré- tratamento. A triparedoxina peroxidase está envolvida na adaptação ao estresse oxidativo de células epimastigotas de T. cruzi uma vez que tratando-se as células com baixas e altas concentrações de H2O2 observa-se um aumento da expressão desta proteína

Abstract: In response to invasion by T. cruzi, cells generate reactive oxygen species (ROS), occurring at the same time an increase in cytosolic calcium concentration that is essential for invasion. T. cruzi has a limited capacity to deal with oxidative stress, being this area of great interest for therapeutics. Typaredoxin peroxidase (TXNPx) is an antioxidant protein that participates in an enzymatic cascade for hydroperoxide detoxyfication in T. cruzi offering new options for the development of more specific drugs. Two T. cruzi strains with different resistance to the oxidative stress generated by H2O2, were used in this study. Tulahuen 2 strain has a smaller doubling time and a higher growth index, tryparedoxin peroxidase expression and resistance to oxidative stress. The correlation between cell number and total protein content was also higher in this strain. During the lag phase, for both strains, there is a higher expression of TXNPx. In the conditions used, both strains metabolized H2O2 at the same rate. Low concentrations of H2O2 were able to stimulate cell growth in T. cruzi (Y strain) giving support to the idea that it can act as a second messenger. These cells were also able to adapt to oxidative stress when treated with atoxic H2O2 concentrations and then challenged with citostatic concentrations. This adaptation is transient inducing resistance to challenging for a maximum of 1 h 30 min. Tryparedoxin peroxidase is involved in the adaptation of T. cruzi (Y strain) to oxidative stress since treatment with lower and higher H2O2 doses induced an increase in its expression
Subject: Trypanosoma cruzi
Chagas, Doença de
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2001
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Chiavegatto_CamilaWhonrathMorisco_M.pdf6.16 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.