Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/314095
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Análise do perfil metabólico e cardiovascular de ratos alimentados com dieta hiperlipídica por quatro semanas
Title Alternative: Metabolic and cardiovascular analysis in rats fed with high-fat diet during four weeks
Author: Crege, Danilo Roberto Xavier de Oliveira, 1981-
Advisor: Grassi-Kassisse, Dora Maria, 1964-
Kassisse, Dora Maria Grassi, 1964-
Abstract: Resumo: A mudança no estilo de vida, principalmente por conta do sedentarismo e da ingestão de dietas com grandes quantidades calóricas, tem aumentado significativamente a prevalência de doenças crônico-degenerativas na população. Diversas pesquisas mostram que a obesidade é responsável por predispor uma grande variedade de distúrbios metabólicos que muitas vezes aparecem combinados levando a chamada síndrome metabólica. A síndrome metabólica é caracterizada pela presença de um grupo de fatores de risco como obesidade central, resistência à insulina, aumento da pressão arterial e esteatose hepática. Nosso laboratório realiza desde 1996, estudos envolvendo a utilização de dietas hiperlipídicas e as implicações nestes tecidos, a fim de contribuir para o esclarecimento de como cardiopatias e alterações metabólicas são instaladas nestes modelos. O objetivo deste trabalho foi avaliar as alterações metabólicas e cardiovasculares em ratos submetidos ao tratamento com dieta hiperlipídica por quatro semanas e comparar com outros modelos estudados no laboratório. Para análise das alterações metabólicas nos ratos que fizeram ingesta da dieta hiperlipídica foram utilizadas técnicas de: clamp euglicêmicohiperinsulinêmico, isolamento de adipócitos do panículo epididimal para verificação da captação de glicose e produção de lactato e glicerol, além da análise morfométrica destes adipócitos. A análise das alterações cardiovasculares foi realizada utilizando parâmetros eletrocardiográficos e procedimentos de histologia cardíaca. Nossos resultados mostraram que ratos, que fizeram ingesta da dieta hiperlipídica por quatro semanas, apresentaram resistência à insulina verificada pela redução na taxa de infusão de glicose durante o clamp euglicêmico-hiperinsulinêmico. Além disso, a captação de glicose pelos adipócitos isolados da região epididimal também foi significativamente menor. A redução na captação de glicose, provavelmente, foi responsável pela diminuição na produção de lactato por estes adipócitos isolados dos ratos hiperlipidêmicos. A lipólise basal não foi alterada, entretanto, a estimulada por agonistas adrenérgicos apresentou-se diminuída, sendo que estas alterações não comprometeram a morfometria dos adipócitos epididimais. Os ratos dislipidêmicos também apresentaram alterações cardíacas, como a hipertrofia, avaliada pela análise histológica do coração. Estes resultados demonstram que a ingesta de dieta hiperlipídica por quatro semanas é capaz de promover alterações metabólicas, sugerindo instalação do quadro de resistência à insulina, sem causar alterações na glicemia, além de levar a hipertrofia cardíaca, sendo, portanto, um modelo útil para o estudo de complicações iniciais decorrentes da ingestão de dieta hiperlipídica

Abstract: Changes in lifestyle, especially due to sedentarism and intake of high caloric diets have significantly increased the prevalence of chronic diseases in the population. Many researches show that obesity is responsible to a huge variety of metabolic disorders that usually appears combined leading to a disease known as the metabolic syndrome. Metabolic syndrome is characterized by the presence of a group of risk factors such as central obesity, insulin resistance, increase in blood pressure and hepatic steatosis. Our laboratory conducts, since 1996, studies involving the use of high-fat diet and the implications in these tissues in order to contribute to the comprehension of how cardiopathies and metabolic disorders are installed in these models. The aim of this study was to evaluate the metabolic and cardiovascular disorders in rats fed with highfat diet during four weeks and to compare this information with other models used in our laboratory. To analyze the metabolic changes in rats that were fed with high-fat diet, we used the following techniques: euglycemic-hyperinsulinemic clamp, adipocytes isolation from epididymal panniculus, for the verification of glucose uptake, lactate and glycerol production, besides morphometric analysis of these adipocytes. The analyses of cardiovascular disorders were performed using electrocardiographic parameters and cardiac histology procedures. Our results demonstrated that, rats, fed with high-fat diet during four weeks showed insulin resistance, verified by reduction in the rate of glucose infusion, during euglycemic-hyperinsulinemic clamp. In addition, glucose uptake by isolated adipocytes from epididymal tissue was significantly lower. The reduction in glucose uptake probably was the responsible for diminish lactate production by these isolated adipocytes of hyperlipidemic rats. Basal lipolysis was not altered, however, the one stimulated by adrenergic agonists was reduced, and these changes did not affect the morphometry of epididymal adipocytes. The dislipidemic rats also showed cardiac alterations, such as hypertrophy, observed in a hystologic analyses of the heart. These results demonstrate that the intake of high-fat diet during for weeks is able to promote metabolic disorders, suggesting insulin resistance development, however, without promotes glycemic alterations, besides leads to cardiac hypertrophy, and is therefore, a useful model to study these initial complications resulting from the ingestion of high-fat diet
Subject: Dieta hiperlipídica
Adipócitos
Lactatos
Ratos
Coração - Hipertrofia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2012
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Crege_DaniloRobertoXavierdeOliveira_D.pdf1.04 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.