Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/313875
Type: TESE
Title: Caracteristicas morfologicas e biologicas do Schistosoma mansoni oriundo de populações de moluscos selecionados geneticamente
Author: Zuim, Nadia Regina Borim
Advisor: Zanotti-Magalhães, Eliana Maria, 1953-
Abstract: Resumo: Tendo por objetivo verificar as características morfológicas e biológicas do S. mansoni oriundo de moluscos suscetíveis e resistentes à infecção, utilizaram-se progênies de B. glabrata e B. tenagophila obtidas por autofecundação de exemplares suscetíveis e/ou resistentes ao S. mansoni das linhagens BH e SJ, respectivamente. Como hospedeiros definitivos foram utilizados camundongos Swiss, expostos às cercárias originadas em moluscos selecionados geneticamente. Foram estudados ovos, miracídios, cercárias e vermes adultos. Verificou-se também a capacidade de penetração das cercárias e o número de vermes recuperados 60 dias após a infecção. As características morfológicas de S. mansoni da linhagem BH, foram obtidas das gerações Parental, F1S (Suscetível), F1R(Resistente), F2S e F2R; da linhagem SJ: geração Parental,F1S , F1R e F50S. A seleção por autofecundação dos moluscos suscetíveis e resistentes ao trematódeo revelou que a suscetibilidade à infecção foi mais facilmente obtida do que a resistência. A resistência absoluta ao trematódeo nunca foi obtida nas duas espécies de moluscos expostas às respectivas linhagens simpátricas. As gerações F1R de B. glabrata e B. tenagophila apresentaram taxas de infecção semelhantes às gerações parentais (não selecionadas), enquanto as gerações F1S, de ambas as espécies apresentaram taxas de infecção significativamente maiores do que as gerações parentais. Taxa de infecção menor do que aquela apresentada pela geração parental, só foi obtida na geração F2R de B. glabrata. A maior resistência de B. glabrata (F2R) implicou em menor capacidade de penetração das cercárias e menor número de vermes recuperados, enquanto a maior suscetibilidade de B. tenagophila resultou somente na maior capacidade de penetração das cercárias. Em relação aos aspectos morfológicos verificou-se que o aumento da resistência a infecção em B. glabrata resultou em cercárias mais longas, ovos mais largos, miracídios menores, vermes machos com maior número de lobos testiculares e um menor número de remeas continham um ovo no útero. A maior suscetibilidade de B. glabrata correspondeu machos e remeas com menor comprimento e ovos mais estreitos. O aumento da suscetibilidade de B. tenagophila (F50S e F1S) resultou em maior capacidade de penetração das cercárias, em vermes machos e remeos mais longos e em ovos de S. mansoni maiores, tanto na largura como no comprimento e no tamanho do espículo. Em B. tenagophila selecionadas não se observaram alterações no comprimento dos miracídios, porém miracídios oriundos de moluscos selecionados (F50S e F1) foram mais estreitos.Vermes oriundos de B. tenagophila selecionadas para a resistência apresentaram menor número de lobos testiculares. Na comparação (geração Parental, F1S e F1R) entre as linhagens BH e SJ de S. mansoni, foi possível verificar uma superioridade da linhagem mineira em relação à linhagem paulista nos aspectos: largura dos ovos, comprimento dos miracídios, tamanho das cercárias, capacidade de penetração das cercárias, número de vermes recuperados, comprimento dos vermes e distância entre as ventosas e percentagem de remeas com um ovo no útero

Abstract: The objective of this work was to evaluate morphological and biological characteristics of the S. mansoni originated from mollusks susceptible and resistant to the infection. It were used progenies of B. glabrata and B. tenagophila obtained by self-fertilization of copies susceptible and/or resistant to the S. mansoni of the strains BH and SJ, respectively. As definitive hosts were used Swiss mice exposed to the cercariae originated in mollusks selected genetically. It was analyzed eggs, miracidia, cercariae and adult worms. It was also verified the cercariae capacity of penetration and the number of worms recovered 60 days after the infection. The morphologic characteristics of S. mansoni from the BH strain were obtained from the Parental generations F 1S (Susceptible), FIR (Resistent), F2S and F2R; from SJ strain: Parental, F1S, F1R and F50S. The selection of the susceptible and resistant mollusks to the trematode using self-fertilization revealed that the infection susceptibility was more easi1y obtained than the resistance. The absolute resistance to the trematode was never obtained in the two species of mollusks exposed to the respective simpatric strains. The generations F IR of B. glabrata and B. tenagophila presented 1ft infection rates similar to the parental generations (not selected), while the generations F IS on both species presented infection rates significant1y larger than the parental generations. Rate of smaller infection than that presented by the parental generation, it was only obtained in B. glabrata of the generation F2R The largest resistance of B. glabrata (F2R) implicated in smaller cercariae penetration capacity and smaller number of recovered worms, while the largest susceptibility of B. tenagophila resulted in the largest cercariae penetration capacity. In relation to the morphological aspects, it was verified that the increasing infection resistance in B. glabrata "resulted in longer cercariae, wider eggs, smaller miracidia, male worms with larger number of lobe testicular and a smaller number of females contained an egg in the uterus. The largest susceptibility of B. glabrata corresponded males and females with smaller length and more narrow eggs. The increase of the susceptibility of B. tenagophila (F50 S and F1S) resulted in larger cercariae penetration capacity, in longer male and female worms and in larger eggs of S. mansoni, as much in width as in the length and the size of the spine. In selected B. tenagophila it were not observed alterations in the miracidia length. However, miracidia deriving from selected mollusks (F50S and FI) were narrower. Worms originating from B. tenagophila selected for infection resistance presented smaller number of lobe testicular. Comparing (generations Parental, FI S and F IR) the strains BH and SJ of S. mansoni, showed a superiority of the Belo Horizonte strain in relation to the São Paulo strain in the following aspects: eggs width, miracidia length, cercariae size, cercariae penetration capacity, number of recovered worms, worms length and distance between the suckers and percentage of females with an egg in the uterus
Subject: Schistosoma mansoni
Biomphalaria glabrata
Biomphalaria tenagophila
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2003
Appears in Collections:IB - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Zuim_NadiaReginaBorim_M.pdf6.85 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.