Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/313872
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Ocorrencia de cistos de Giardia spp. e oocistos de Cryptosporidium spp. no rio Atibaia, bacia do rio Piracicaba, Campinas, São Paulo
Author: Oliveira, Paula Vilma de
Advisor: Franco, Regina Maura Bueno, 1958-
Abstract: Resumo: Giardia spp. e Cryptosporidium spp. estão amplamente dispersos no ambiente aquático e foram responsáveis por diversos surtos de giardiose e criptosporidiose por veiculação hídrica em vários países. A presença destes patógenos em água utilizada para consumo humano é um fator de risco para aquisição destas parasitoses porque cistos e oocistos são resistentes aos processos de tratamento e às condições ambientais. Deste modo, a preocupação em relação à contaminação das fontes de água para uso humano por estes protozoários é crescente. No Brasil, há registros da ocorrência de ambos organismos em água superficial e subterrânea e em esgoto bruto e tratado. Atualmente, há uma recomendação oficial para a implantação da pesquisa de cistos e oocistos em água tratada. Assim, é necessário ter conhecimento sobre a freqüência e a distribuição destes parasitos nos mananciais. Os objetivos do presente estudo foram: i) verificar a ocorrência de cistos de Giardia e oocistos de Cryptosporidium em amostras de água bruta superficial do Rio Atibaia (Campinas, São Paulo) utilizando a técnica de filtração em membrana (47 mm diâmetro; 3 ?m de porosidade nominal); ii) avaliar a influência do desaguamento do Ribeirão Pinheiros na qualidade da água do Rio Atibaia mediante a comparação e a correlação entre parâmetros microbiológicos, físicos, pluviométricos e concentração de cistos e oocistos em dois pontos: à montante (A1) e à jusante (A2) do desaguamento do Ribeirão Pinheiros; e iii) verificar a ocorrência de variação sazonal destes protozoários na água superficial do Rio Atibaia. De março de 2002 a abril de 2003, 50 amostras de água foram analisadas. No ponto A1, cistos de Giardia foram detectados em 52,0% das amostras (concentração = 25,12 cistos/l), enquanto no ponto A2, a positividade foi de 76,0% (64,16 cistos/l). Oocistos de Cryptosporidium foram detectados somente no ponto A2, em 0,04% das amostras (0,8 oocistos/l). Houve diferença significativa na concentração de cistos entre os pontos A1 e A2 (p = 0,011) e correlação entre a pluviosidade e os parâmetros: concentração de cistos de Giardia (r = 0,611); coliformes totais (r = 0,467) e fecais (r = 0,467) no ponto A2. Em ambos os pontos, não foi encontrada correlação entre concentração de cistos de Giardia e as variáveis: coliformes totais (A1: r = -0,276; A2; r = -0,201), fecais (A1: r = -0,187; A2: r = -0,201) e turbidez (A1: r = -0,252; A2: r = -0,055). Dentre estes parâmetros, apenas a turbidez teve variação entre verão/inverno e verão/outono (p = 0,06). A técnica de filtração em membrana apresentou uma eficiência de recuperação de 72,2% para cistos de Giardia e de 65,1% para oocistos de Cryptosporidium. Os resultados obtidos neste estudo são relevantes porque o Rio Atibaia é o manancial que abastece a cidade de Campinas e outros municípios da região e o conhecimento da epidemiologia ambiental destes protozoários é importante do ponto de vista da Saúde Pública e também das companhias de tratamento de água

Abstract: Giardia spp. and Cryptosporidium spp. are widely dispersed in the aquatic environment and are responsible for several waterborne outbreaks of giardiosis and cryptosporidiosis in many countries. The occurrence of these pathogens in drinking water is a risk factor for human infection because of the resistance of cyst and oocyst to water treatment processes and to the environment. Nowadays, there is an increasing concern about drinking water contamination by these protozoans. In Brazil, the presence of both organisms was registered in groundwater and superficial water and in raw and treated sewage. Currently, there is an official recommendation for monitoring the presence of Giardia and Cryptosporidium in drinking water samples; thus a federal decree aims to establish researches for (oo)cysts detection in treated water. The knowledge about the frequency and distribution of these protozoan parasites in water sources is necessary to establish policies on public health. The aims of the present study are: i) to verify the occurrence of Giardia cysts and Cryptosporidium oocysts in Atibaia River¿s (Campinas City, São Paulo State) superficial raw water samples using a membrane filtration method (47 mm diameter; 3 ?m of nominal porosity; ii) to evaluate the influence of the discharge of Pinheiros Stream on the water quality of the Atibaia River by the correlationship among microbiological and physical parameters, rainfall and oocysts levels in two points: upstream (A1) and downstream (A2) of Pinheiros Stream; and iii) to verify the seasonal variation of these protozoa occurrence in the superficial water of Atibaia River. From March 2002 to April 2003, 50 water samples were collected. In point A1, Giardia cysts were detected in 52,0% of the samples (concentration = 25,12 cysts/l) while in point A2 the positivity for this parasite was 76,0% (concentration = 64,16 cysts/l). Cryptosporidium oocysts were detected only in A2 point, in 0,04% of the samples (concentration = 0,8 oocysts/l). There was a significant difference for cysts concentration between A1 and A2 points (p = 0,011) and among rainfall and the parameters: cyst concentration (r = 0,611); total (r = 0,467) and fecal coliforms (r = 0,467) in A2 point. In both points, it was not found a correlationship among cyst concentration and the following parameters: total coliforms (A1: r = -0,276; A2; r = -0,201), fecal coliforms (A1: r = -0,187; A2: r = -0,201) and turbidity (A1: r = -0,252; A2: r = -0,055). The turbidity showed a variation between summer and winter periods as well as summer and fall periods (p = 0,06). The membrane filtration technique attained recovery efficiency rates of 72,2% for Giardia cysts and 65,1% for Cryptosporidium oocysts. The data obtained in this study are relevant because the Atibaia River is the major water source found in Campinas and other cities in the region. Thus, the knowledge about the environmental epidemiology of these protozoa is of very important to policies on to the Public Health and to the drinking water industry
Subject: Giardia
Cryptosporidium
Atibaia, Rio (SP)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2005
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Oliveira_PaulaVilmade_M.pdf3.09 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.