Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/313750
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Avaliação clínica e radiográfica do ombro de pacientes lesados medulares em programa de reabilitação
Title Alternative: Clinical and radiographic evaluation of the shoulder of spinal cord injured patients undergoing rehabilitation program
Author: Medina, Giovanna Ignácio Subirá, 1981-
Advisor: Cliquet Junior, Alberto, 1957-
Abstract: Resumo: A lesão da medula espinhal é uma afecção incapacitante e que é acompanhada de inúmeras complicações diretas e indiretas. No Brasil, ocorrem cerca de 6 a 8 mil novos casos por ano de LME e, desde o momento do trauma, os pacientes lesados medulares necessitam de cuidados direcionados que devem persistir mesmo após passados anos da lesão. A dor no ombro é o processo doloroso mais comum entre os pacientes com lesão medular que se queixam de dor nos membros superiores perfazendo 71% do total. Este é um estudo clínico e radiográfico que avaliou o ombro de pacientes tetraplégicos e paraplégicos que estavam em programa de reabilitação no Laboratório de Biomecânica e Reabilitação do Aparelho locomotor do Hospital das Clínicas da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Os objetivos foram estabelecer a utilidade da radiografia como exame de triagem para dor no ombro de pacientes lesados medulares. Trinta e dois ombros de 16 pacientes foram avaliados clinica e radiograficamente. Os pacientes foram divididos em 2 grupos: paraplégicos e tetraplégicos. Um grupo controle de 16 indivíduos normais, voluntários, foi selecionado. Dor no ombro foi encontrada em 89% dos tetraplégicos e em 43% dos paraplégicos. O tempo desde a lesão variou de 1.5-22 anos (média 7.88 anos); a média de idade dos pacientes foi de 35 anos (variou de 21-57 anos). A medida da articulação acromioclavicular variou de 0.03-0.7cm para o lado direito e 0.15-0.7cm para o lado esquerdo, com média de 0.37cm e 0.41cm respectivamente. Não foi encontrada correlação alguma entre dor no ombro e sexo, idade ou tempo da lesão. Houve uma tendência a correlação entre dor no ombro e tipo de lesão, com tendência dos tetraplégicos em apresentar sintomas dolorosos. Na média, os tetraplégicos apresentaram menores medidas da articulação acromioclavicular. Com os dados deste estudo, não houve confirmação da hipótese de que achados radiográficos pudessem indicar risco de desenvolver dor no ombro em pacientes lesados medulares

Abstract: Spinal Cord injury is a very disabling condition that has many direct and indirect complications. In Brazil, there are around 6 to 8 thousand new cases each year and the patients need specific care from the moment of the lesion even through years after the SCI. Shoulder pain is the most common painful process among SCI patients that complaint of pain in the upper extremities, representing 71% of the total. This was a clinical and radiographic study which evaluated the shoulders of tetraplegic and paraplegic patients who attend the rehabilitation program of the Biomechanics and Locomotor-System Rehabilitation Laboratory of the University Hospital of the Faculty of Medical Sciences of the State University of Campinas (UNICAMP). The objective was to establish the usefulness of radiography as a screening exam for shoulder pain in spinal cord injured patients. Thirty two shoulders of sixteen patients were evaluated by clinical exam and radiography. Patients were divided into two groups: paraplegic and tetraplegic. A control group of 16 normal volunteer subjects was selected. Shoulder pain was reported in 89% of tetraplegic and 43% of paraplegic. The time of injury ranged from 1.5 - 22 years (mean 7.88 years); patients had a mean age of 35 years (range, 21-57 years). The acromioclavicular joint space ranged from 0.03-0.7cm on the right side and 0.15-0.7cm on the left side, with a mean of 0.37 and 0.41cm respectively. No correlation was found between shoulder pain and gender, age or time since injury. There was a trend to correlation between shoulder pain and type of injury with tetraplegic having a tendency to pain symptoms. On average, tetraplegic had smaller acromioclavicular joint. With this study we were not able to confirm the hypothesis that radiography could be used to predict risk factor for developing shoulder pain among SCI patients
Subject: Ombro
Dor
Quadriplegia
Paraplegia
Radiografia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: MEDINA, Giovanna Ignácio Subirá. Avaliação clínica e radiográfica do ombro de pacientes lesados medulares em programa de reabilitação. 2011. 164 p. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/313750>. Acesso em: 19 ago. 2018.
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Medina_GiovannaIgnacioSubira_M.pdf4.39 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.