Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/313479
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Avaliação do transporte de oxigenio e da concentração do 2,3-DPG em pacientes com traumatismo craniencefalico grave submetidos ao controle da hipertensão intracraniana por um protocolo de ventilização otimizada
Author: Torres, Rayne Borges
Advisor: Terzi, Renato Gouseppe Giovanni, 1937-
Abstract: Resumo: A ventilação otimizada é um recurso utilizado no tratamento dos pacientes com traumatismo craniencefálico grave. Essencialmente, a ventilação alveolar é ajustada para manter a pressão intracraniana abaixo de 20mmHg e a extração cerebral de oxigênio (ECO2) dentro de limites recomendados (24 e 42%). A determinação da ECO2 depende da saturação da hemoglobina. A saturação da hemoglobina, por sua vez, pode ser medida por hemo-oximetria ou calculada a partir da pressão parcial de oxigênio do sangue arterial. A saturação calculada não leva em consideração alterações da concentração do 2,3-difosfoglicerato nos eritrócitos (2,3-DPG/Hct). Em pacientes críticos, diversas causas podem estar alterando a concentração do 2,3-DPG/Hct. Tem sido descrito que a alcalose respiratória associada à hiperventilação pode induzir um aumento da concentração do 2,3-DPG/Hct. Baseado nessa resposta fisiológica, o objetivo deste estudo é identificar se há aumento da concentração do 2,3-DPG nos eritrócitos associado à hiperventilação e avaliar as suas repercussões na saturação da hemoglobina e no cálculo da extração cerebral de oxigênio. Entretanto, não ocorreu aumento sistemático do 2,3-DPG, associado ao tempo de hiperventilação. Esse fato foi atribuído a vários fatores, entre os quais a hiperventilação não sustentada, a transfusão de sangue e a hipofosfatemia. Contudo, houve alterações individuais aleatórias da concentração do 2,3-DPG/Hct, cujos valores se correlacionaram tanto com o pH como com a PCO2 do sangue arterial. Também ficou demonstrada uma diferença significativa entre a ECO2 obtida pela saturação da hemoglobina medida e a obtida a partir da saturação da hemoglobina calculada (?ECO2). Finalmente, observou-se correlação estatística entre a concentração do 2,3-DPG/Hct e o ?ECO2. A concentração do 2,3-DPG/Hct é um fator que interfere na acurácia do cálculo da saturação da hemoglobina e da ECO2. Conclui-se, portanto, que para o cálculo da ECO2 deva sempre ser empregada a saturação da hemoglobina medida por hemo-oximetria

Abstract: Optimized ventilation is a therapeutic modality for severe traumatic brain injury. Essentially, alveolar ventilation is adjusted to optimal levels in order to keep intracranial pressure below 20mmHg and cerebral oxygen extraction (CEO2) within recommended limits (24 to 42%). Determination of CEO2 is based on blood oxygen saturation. Hemoglobin oxygen saturation is measured directly by blood oxymetry. Alternatively, hemoglobin saturation may be calculated from the oxygen partial pressure of blood. In this case, 2,3-DPG/Hct is not considered. In critical patients there are several causes that may alter 2,3-DPG in red blood cells. Respiratory alkalosis induced by hyperventilation has been reported to increase 2,3-DPG/Hct. Based on this physiologic response, the objective of this investigation was to evidence a progressive increase in 2,3-DPG/Hct in association with hyperventilation and to assess their repercussion in the hemoglobin saturation and in the CEO2. However, a progressive increase in 2,3-DP/Hct did not happen. This apparent inconsistency was attributed to intermittency of hyperventilation, to blood transfusions and to hypophosphatemia. Nevertheless, individual variations of 2,3-DPG/Hct correlated with arterial pH and PCO2. Significant individual differences between CEO2m and CEO2c (?CEO2) were found. The concentration of 2,3-DPG/Hct exhibited a significant statistical correlation with ?CEO2. In conclusion, as 2,3-DPG/Hct interferes with the accuracy of calculated CEO2, this variable must always be derived from blood oximetry saturation
Subject: Hemoglobinas
Oxigenio - Transporte fisiologico
Traumatismos craniocerebrais
Traumatismos encefálicos
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2003
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Torres_RayneBorges_M.pdf1.16 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.