Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/313418
Type: TESE
Title: Estudo de cepas clinicas e de microbiota de Staphylococcus epidermidis isoladas de colonização/infecção hospitalar relacionadas a cateter vascular
Author: Menezes, Dulcinea Blum
Advisor: Moretti, Maria Luiza, 1953-
Abstract: Resumo: A inserção de cateter venoso central (CVC) representa um importante risco para as infecções sistêmicas nosocomiais, e para estas infecções, Staphylococcus epidermidis é o patógeno mais importante. Com o objetivo de analisar os perfis de DNA genômico, detectar a presença e expressão de gene responsável pela produção de biofilme e estudar a dinâmica da colonização, cepas de S. epidermidis obtidas de episódios de isolamento deste microrganismo em culturas microbiológicas de ponta de CVC e/ou hemoculturas foram comparadas com cepas coletadas da microbiota do paciente hospitalizado no Hospital das Clínicas da UNICAMP. Este estudo também objetivou analisar os procedimentos médico-hospitalares intervencionais destes pacientes. Pacientes com culturas microbiológicas de ponta de CVC (>15 UFC) e/ou hemoculturas positivas para S. epidermidis foram selecionados para a coleta de microbiota presente na pele e mucosa nasal, através de coleta local com zaragatoas umedecidas. As cepas de S. epidermidis foram analisadas através do método de PFGE; teste de sensibilidade a antimicrobianos; detecção da presença do gene ica, através da técnica de PCR e detecção de biofilme, através do método CRA. Fizeram parte deste estudo 247 cepas obtidas de 12 pacientes selecionados em 18 episódios estudados. Foram encontrados 26 distintos perfis genotípicos e 4 perfis fortemente relacionados. Em 10 episódios o mesmo perfil genotípico de DNA foi detectado simultaneamente em cepas clínicas e de microbiota, onde 6 destes episódios ocorreram quando o período de implantação da CVC foi superior a 15 dias. Nos 7 episódios em que não houve concordância entre os perfis genotípico de DNA em cepas clínicas e de microbiota, 5 destes episódios ocorreram igualmente em período inferior a 15 dias, não havendo diferença estatística entre os grupos. Por PFGE foram identificados 6 perfis genotípicos predominantes nas cepas de microbiota. Estes perfis representaram 68% (132/193) das cepas de microbiota, e um destes perfis se mostrou prevalente (77/193) nas cepas de microbiota. Em 10 episódios (8 pacientes), o perfil genotípico prevalente foi identificado compondo a microbiota. Foi comprovado, por comparação da diversidade dos perfis genotípicos, que durante o período de hospitalização o perfil geral da microbiota sofre mudanças de um perfil de diversidade genotípica policlonal para um perfil de diversidade oligoclonal, com predominância de um perfil genotípico. A mudança de diversidade genotípica foi relacionando a administração prévia de ciprofloxacina. As cepas com perfis genotípicos predominantes não apresentaram maior prevalência da presença do gene ica, em relação às cepas não predominantes, o que não foi justificado que cepas potencialmente produtoras de biofilme se sobrepusessem em relação às cepas desprovidas deste gene. Oito dos 12 pacientes apresentaram concomitante ou posterior infecção por bacilos Gram negativos, destes 2 foram a óbito por septicemia. De acordo com os resultados, nós concluímos que pacientes submetidos a longos períodos de hospitalização são colonizados por microbiota de diversidade oligoclonal de S. epidermidis e a colonização ou infecção de CVC por destas cepas, potencialmente produtoras de biofilme em contato com a corrente sanguínea, pode ser uma oportunidade para infecções posteriores por outros microrganismos devido a potencial produção de biofilme inerente a S. epidermidis

Abstract: Central vascular catheters (CVC) represent an important risk for nosocomial bloodstream infections and Staphylococcus epidermidis is the most important pathogen of these systemic infections. To analyze the genomic DNA profiles, to detect the presence and expression of the responsible gene for biofilm production and to study the colonization dynamic, S. epidermidis strains isolated from tip CVC and blood positive cultures were compared with the strains isolated from skin and nasal swab in patients hospitalized in a tertiary care university hospital, the Hospital das Clínicas of UNICAMP. It was analyzed the previous medical care proceedings that the same patients underwent. Patients with microbiologic cultures for S. epidermidis from blood and/or catheter tip (>15 CFU) were selected to have swabs from skin and nasal. S. epidermidis were typed using PFGE, antibiotic susceptibility testing, presence of ica gene detection, by PCR, and biofilm detection, by Congo red method, were performed. Twelve patients with 18 episodes of colonization or catheter-related infection were included in this study and 247 strains were analyzed. It was found 26 distinct genotypic profiles and 4 strongly related genotypic profiles. In 10 episodes, the same DNA profile was detected in clinical and in microbiota strains, 6 of them occurred when the period of catheter implantation were higher than 15 days. In 7 episodes, there was not concordance among genotypic profiles from clinical and microbiota strain, and 5 of them occurred when the period of catheter implantation were lower than 15 days, too. It was not found statistic difference between the groups. PFGE identified six predominant genotypic profiles that were present in 68 % (132/193) of microbiota strain, and one of them was prevalently present (77/193). The prevalent genotypic profile was found compounding the microbiota in 10 episodes (8 patients). It was proofed, by comparison of the diversity of genotypic profiles, that during the hospitalization period the microbiota general profile changes from the diversified genotypic profile (polyclonal) to a poorly diversified genotypic profile (oligoclonal), with a predominant genotypic profile. It found was related with the previous ciprofloxacin administration. The predominant DNA profiles strains did not presented higher prevalence according to the presence of ica gene when comparing to non predominant strains, what it was not justified that potentially biofilm producers can superpose over non ica strains. Eight of 12 patients presented concomitant or posterior infection by negative Gram rots, whose 2 were to obit by sepsis. According to the results, we concluded that patients with long-term hospitalization were previously colonized by oligoclonal-diversified microbiota S. epidermidis and CVC colonization or infection by this agent, potentially biofilm producer present at bloodstream can be an opportunity to other microorganism posterior infections, due to potential biofilm production inherent to S. epidermidis
Subject: Microbiota (Medicina)
Biofilme
Infecção hospitalar
Genotipagem
Staphylococcus epidermidis
Reação em cadeia da polimerase
Eletroforese em gel de campo pulsado
Cateterismo venoso central
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2005
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Menezes_DulcineaBlum_D.pdf1.58 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.