Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/313327
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Efeitos de fisioterapia na recuperação e complicações no pos-operatorio por cancer de mama : exercicios limitados versus não limitados
Author: Silva, Marcela Ponzio Pinto e
Advisor: Derchain, Sophie Françoise Mauricette, 1959-
Abstract: Resumo: O objetivo deste estudo foi comparar a recuperação do movimento na flexão e abdução do ombro e a presença de seroma e deiscência aos 42 dias segundo a aplicação da fisioterapia precoce com movimentos livres ou limitados a 90º em mulheres submetidas à mastectomia ou quadrantectomia com linfadenectomia axilar, controlado por algumas variáveis relacionadas à mulher, ao tumor e à cirurgia. Sujeitos e métodos: para este ensaio clínico randomizado foram convidadas a participar do estudo 59 mulheres internadas na Enfermaria de Oncologia do Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher da Universidade Estadual de Campinas, que cumpriram os critérios de inclusão e exclusão. Foram alocadas aleatoriamente em um dos dois grupos: Grupo 1, com movimentação livre do ombro, do primeiro dia após a cirurgia em diante (n=30) e Grupo 2, com movimentação limitada a 90º nos primeiros 15 dias após a cirurgia e livre após este período (n=29). No primeiro contato à internação, foi feita uma avaliação fisioterápica pré-operatória da paciente, incluindo a flexão e abdução do ombro. Foram feitas reavaliações no 14º, 28º e 42º dias do pós-operatório no Ambulatório de Fisioterapia, utilizando-se o mesmo instrumento para as mulheres que realizaram a movimentação com exercícios livre ou limitado a 90º. Também foram avaliadas as complicações pós-cirúrgicas como seroma e deiscência. A técnica de fisioterapia utilizada foi a cinesioterapia. As médias da amplitude de abdução e flexão do ombro e o déficit aos 42 dias foram comparadas pela diferença entre elas, com seus respectivos intervalos de confiança a 95%. Foi avaliada a taxa de incidência de seroma e deiscência nos grupos com exercício livre e limitada a 90º, comparadas por razões de taxas de incidência bruta com intervalo de confiança a 95%. Posteriormente, as razões de taxas de incidência foram ajustadas segundo o tipo da cirurgia, tempo de permanência do dreno, número total de linfonodos dissecados e número de linfonodos comprometidos, através do modelo de regressão de Breslow-Cox. Também foram comparadas as médias de idade e índice de massa corpórea entre as mulheres com ou sem seroma ou deiscência. A análise dos dados utilizou o programa SAS® versão 8.2. Resultados: foi possível demonstrar que tanto a recuperação dos movimentos de flexão e abdução do ombro, a razão de taxas de incidências de seroma e deiscência com 42 dias, segundo a realização dos exercícios livres ou limitados a 90º foram semelhantes. A semelhança nos dois grupos também permaneceu quando foram ajustados segundo o tipo da cirurgia, tempo de permanência do dreno, número total de linfonodos dissecados, número de linfonodos comprometidos, índice de massa corpórea e idade. Conclusão: a fisioterapia precoce com movimentação livre do ombro da mulher não esteve associada com o aumento ou diminuição da capacidade funcional e.nem com maiores complicações pós-cirúrgicas

Abstract: The objective of this study was to compare the recovery of movement in shoulder flexion and abduction and the presence of seroma and dehiscence, in women who underwent radical mastectomy or quadrantectomy with axillary lymphadenectomy, according to the application of early physiotherapy with free or limited movement in shoulder, controlled by some variables of the women, of the tumour and of the surgery. Subjects and methods: after being screened for criteria of inclusion and exclusion, 59 women interned in the Oncology Ward of the Centre for Integral Attention to Women¿s Health of the State University of Campinas (CAISM-UNICAMP) were invited to participate in this random clinic assay. They were randomly placed in one of two groups: Group 1, with free shoulder movement from the first day after surgery on (n=30), or Group 2, with shoulder movement limited to 90º in the first fifteen days after surgery and free movement after that (n=29). After being interned, but before the surgery, the women underwent physiotherapic evaluation to ascertain shoulder flexion and abduction. Re-evaluations were made in the Day Care Clinic of the Physiotherapy Department on the 14th, 28th and 42nd day after the surgery, using the same instrument for women with free and with limited movement. Post-surgical complications like seroma and dehiscence were also evaluated. The physiotherapic technique used was kinesiotherapy. The averages in shoulder abduction and flexion and the deficit on the 42nd day were compared as to the difference between them, with the respective 95% interval confidence. The incidence of seroma and dehiscence was evaluated for the women with free and with limited movement, and the results for the two groups were compared according to gross incidence ratio rate with 95% interval confidence. Later the incidence ratio rate were adjusted according to the type of surgery, time in which drainage was used, total number of lymph nodes removed and number of positive lymph nodes, through the regression model of Bewslow-Cox. The average age and body mass index were compared in women who had or not seroma and dehiscence. Data analysis was done with the help of the SAS® software, version 8.2. Results: it was possible to demonstrate that the distribution of women in relation to shoulder flexion and abduction, and the presence of seroma and dehiscence at the 42nd day, was similar whether they performed free exercises or exercises in which movement was limited to 90º. There was also similarity in the results for the two groups when they were adjusted by the type of surgery, time in which drainage was used, total number of lymph nodes removed, number of positive lymph nodes, age and body mass index. Conclusion: Early physiotherapy with free movement of the women¿s shoulder was associated neither with functional capacity nor with higher post-surgical complications
Subject: Exercícios terapêuticos
Mastectomia
Ombro
Fisioterapia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2002
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Silva_MarcelaPonzioPintoe_M.pdf1.58 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.