Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/313282
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Orientação domiciliar : uma proposta de reabilitação fisica para mulheres tratadas por cancer de mama
Author: Amaral, Maria Teresa Pace do
Advisor: Teixeira, Luiz Carlos, 1949-
Abstract: Resumo: Objetivo: comparar a eficácia de dois programas de reabilitação física do membro superior homolateral à mastectomia ou quadrantectomia: 1) Grupo 1- supervisionado por fisioterapeuta, na Policlínica Municipal e 2) Grupo 2- domiciliar, que recebeu orientação e treinamento para fazer os exercícios em casa, utilizando um manual de exercícios. Sujeitos e métodos: ensaio clínico randomizado com 56 mulheres internadas na Santa Casa de Saúde e no Hospital Unimed, em Sorocaba, no período de junho de 2001 a dezembro de 2002. Após avaliação pré-operatória foram alocadas aleatoriamente em: Grupo 1, que participou de um programa de reabilitação supervisionado por fisioterapeuta, na Policlínica Municipal de Sorocaba, com início até dois dias após a retirada do dreno (n=28) ou Grupo 2, que recebeu orientação e treinamento da fisioterapeuta para fazer os exercícios em domicílio utilizando um manual elaborado para o estudo (n=28). A cada 15 dias, durante dois meses, todos os sujeitos tinham retorno marcado na Policlínica para avaliação da amplitude de movimento do ombro, complicações pós-cirúrgicas, fatores sociodemográficos e as dificuldades para realizar os exercícios em domicílio ou comparecer às sessões de fisioterapia na Policlínica. Utilizou-se o mesmo instrumento para as mulheres de ambos os grupos e os exercícios foram feitos bissemanalmente. A técnica fisioterápica utilizada foi a cinesioterapia. Resultados: em relação à flexão e abdução do ombro houve uma diminuição acentuada do grau de mobilidade em ambos os grupos no primeiro retorno, com recuperação progressiva nos retornos subseqüentes. No quarto retorno, a média da flexão do grupo supervisionado foi de 6º mais que a média do grupo domiciliar, e a média da abdução do grupo supervisionado foi de 1º a menos que a média do grupo domiciliar. Comparando a diferença da flexão e abdução entre o pré-operatório e o quarto retorno, observamos que para o grupo supervisionado a diferença da flexão foi de 6º e da abdução 14º, e para o grupo domiciliar essa diferença foi de 7º e 8º para flexão e abdução, respectivamente. A aderência cicatricial foi observada em uma mulher em cada grupo. As atividades que apresentaram maior grau de dificuldade foram relacionadas com o ato de vestir-se e higiene. A dificuldade em entender os exercícios do manual foi relatada por 46% das mulheres. Efeito colateral da quimioterapia foi justificativa para as faltas de 55% das mulheres do grupo supervisionado. Das 56 mulheres do estudo, 21 perderam o seguimento, sendo 9 do grupo supervisionado e 12 do grupo domiciliar. Conclusão: a recuperação da amplitude de movimento do ombro foi similar nos dois grupos. Entretanto, somente o uso do manual de exercícios não é suficiente para a recuperação destas mulheres. É indispensável que elas sejam orientadas adequadamente pelo fisioterapeuta no entendimento do manual, além de ser necessário um acompanhamento deste grupo.

Abstract: Objective: to compare the efficacy of two physical rehabilitation group for upper extremity, ipsilateral, of women who underwent mastectomy or quadrantectomy with axillary lymphadenectomy: 1) group 1, under the supervision of a physical therapist at Policlínica Municipal and 2) group 2, that received orientation and training on how to carry out the exercises at home, using a booklet. Subjects and methods: for this randomized clinic assay, 56 women interned in the Santa Casa de Saúde and in the Unimed hospitals (Sorocaba, São Paulo state, Brazil), between June, 2001 and December, 2002 were included. Women were randomly allocated to one of two groups. Group 1 ¿ women participated of a rehabilitation program twice weekly, in the Policlínica Municipal, under the supervision of a physical therapist (n=28). Group 2 - women received orientation and training on how to carry out the exercises at home (n=28). A booklet with instructions was prepared for this group. Rehabilitation was initiated up to two days after withdrawal the drain. During two months, all the subjects were scheduled to return to the Policlínica every 15 days, for assessment of their shoulder¿s range of motion, pos-surgical complications, adherence of wound incision and the difficulties to carry out the exercises at home or to attend the twice weekly visits at the Policlínica. The physiotherapeutical technique used was kinesiotherapy. Results: an accentuated loss of the degree of motion, of shoulder flexion and abduction, was observed in both groups, during the first visit. A progressive recuperation was observed during the subsequent visits. On the fourth visit the average flexion of twice weekly group, was six degrees more than average of the group that carried out the exercises at home. The average of abduction of twice weekly group was one degree less than the average of the Group 2. The pre-surgical and fourth visit flexion and abduction degrees were compared. For the supervised group the flexion, on the fourth visit, was 6o less and the abduction was 14º less than pre-surgery. For Group 2 these differences were 7º and 8º less for flexion and abduction, respectively. Adherence of the wound incision was observed in one woman of each group. The most painful movements were related to dressing and hygiene. Difficulty understanding the exercises described in the booklet, was mentioned for less than half (46%) of the women during the first visit. Collateral effects of chemotherapy were the principal reason for women in the supervised group missing visits. Conclusion: The recovery of the range of motion of the shoulder was similar in both groups. However, the booklet alone cannot be provided to the women. It is necessary for a physiotherapist to teach them how to carry out the exercises. Follow up is also required for this group.
Subject: Fisioterapia
Mastectomia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2003
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Amaral_MariaTeresaPacedo_M.pdf1.5 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.