Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/313165
Type: TESE
Title: Desempenho da inspeção visual com acido acetico e da citologia oncologica no rastreamento do cancer do colo uterino
Author: Zuben, Marcus Vinicius von
Advisor: Zeferino, Luiz Carlos, 1955-
Abstract: Resumo: Introdução. Em regiões com grande carência de recursos de saúde, é pouco provável que em curto prazo seja possível implementar um programa de controle de câncer do colo uterino que alcance alta cobertura, com qualidade e resolutividade. Nestas condições, impõe-se pesquisar tecnologias alternativas que se ajustem aos recursos existentes. Objetivos. Avaliar o desempenho da inspeção visual com ácido acético e da citologia oncológica na detecção de lesões precursoras do carcinoma do colo uterino. Sujeitos e métodos. Este foi um estudo de corte transversal e de validação de teste diagnóstico que incluiu 2782 mulheres. Citologia oncológica e inspeção visual com ácido acético a 5% foram realizadas em todas as mulheres, e aquelas com pelo menos um exame positivo foram convocadas para colposcopia e biópsia das áreas anormais. Freqüências, prevalências, sensibilidade e especificidade, com seus respectivos intervalos de confiança a 95%, foram calculadas, assim como valores preditivos positivo e negativo para a inspeção visual e citologia oncológica. A associação das variáveis categóricas foi testada pelo Teste de Qui-quadrado. O software ¿Epi-info¿ versão 3.2.2 foi usado para as análises estatísticas. Resultados: A citologia oncológica foi positiva em 6,5% das mulheres e a inspeção visual em 19,8%. De acordo com o diagnóstico histológico, as prevalências de NIC 1, NIC 2, NIC 3, carcinoma escamoso invasor, adenocarcinoma in situ e adenocarcinoma invasor foram respectivamente de 0,5%, 0,6%, 2,2%, 0,5%, 0,1%, 0,1%. A sensibilidade, especificidade, valores preditivos positivo e negativo da citologia oncológica foram, respectivamente, 83,7%, 97,0%, 55,8% e 99,2% e da inspeção visual foram de 58,3%, 81,8%, 11,5% e 98,0%. Conclusão: O desempenho da citologia oncológica foi melhor do que a inspeção visual. A inspeção visual teve baixa sensibilidade e baixa especificidade, o que lhe conferiu baixo valor preditivo positivo. Contudo, a inspeção visual mostrou que pode detectar lesões precursoras do carcinoma do colo uterino, clinicamente significantes. Esta característica torna a inspeção visual uma alternativa a ser considerada em regiões onde não há condições para o rastreamento do câncer do colo uterino através da citologia oncológica

Abstract: Introduction. In regions with in low-resource settings for health care, it is very low the possibility of implementing in short term a cervical cancer screening reaching high coverage, with quality and resoluteness. In these conditions, alternative technologies adjusted to available resources should be tested. Objetives. To evaluate the performance of visual inspection with acetic acid and Pap test in detecting precursor lesions of cervical cancer. Subject and Methods. This was a cross-sectional study and validation of diagnostic test that included 2782 women. Pap test and visual inspection with 5% acetic acid were performed for all patients, and those having at least one abnormal test were called for colposcopical examination, and biopsy of abnormal areas. Frequencies, prevalences, sensitivity and specificity were calculated with their 95% confidence interval, as the positive and negative predictive values. The association of categorical variables was tested by Chi-Square Test. The software Epi-info version 3.2.2 was used for statistical analysis. Results. Pap test was abnormal in 6.5% of the women, and the visual inspection was abnormal in 19.8% of the women. According to histological diagnosis, the prevalences of CIN 1, CIN 2, CIN 3, invasive squamous cell carcinoma, adenocarcinoma in situ, and invasive adenocarcinoma were, respectively, 0.5%, 0.6%, 2.2%, 0.5%, 0.1%, 0.1%. The sensitivity, specificity, positive predictive value, and negative predictive value of Pap test were, respectively, 83.7%, 97.0%, 55.8%, and 99.2%, and visual inspection were 58.3%, 81.8%, 11.5%, and 98.0%. Conclusion. The performance of Pap test was better than the visual inspection with acetic acid. The visual inspection showed low sensitivity and low specificity, and then showed low positive predictive value. Nevertheless, the visual inspection showed that it could detect precursors lesions of cervical cancer, clinically significant. This characteristic becomes the visual inspection an alternative to be considered in regions where there are no conditions for cervical cancer screening based on Pap test
Subject: Colo uterino - Câncer - Prevenção
Estudos transversais
Neoplasia do colo uterino
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2005
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Zuben_MarcusViniciusvon_D.pdf238.1 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.