Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/313153
Type: TESE
Title: Avaliação de alguns fatores de risco femininos e masculinos no resultado da peniscopia dos parceiros sexuais de mulheres com infecção pelo papilomavirus humano
Author: Tiago, Douglas Bernal
Advisor: Bedone, Aloísio José, 1947-
Abstract: Resumo: O objetivo deste trabalho foi estudar a prevalência, manifestações clínicas e subclínicas da infecção pelo papilomavírus humano, bem como a influência de alguns fatores de risco feminino e masculino sobre o resultado da peniscopia alargada. Realizou-se estudo descritivo de 257 parceiros sexuais de mulheres com infecção genital pelo papilomavírus humano, no período de setembro de 1997 a abril de 2000, atendidos no Hospital e Maternidade Celso Pierro da Pontifícia Universidade Católica de Campinas. A prevalência da infecção genital masculina comprovada histologicamente pela peniscopia foi de 60,4% dos casos examinados. A forma subclínica da doença foi predominante em 61,1% dos casos, sendo que em quatro casos houve a ocorrência de neoplasia intraepitelial peniana. Não se observou relação positiva entre os fatores de risco feminino estudados e o resultado da peniscopia. Contudo, a idade da primeira relação do homem até os 15 anos, a citologia peniana, os antecedentes de doença sexualmente transmissível e o tabagismo apresentaram significância estatística com o resultado da peniscopia. Os fatores de risco masculino, como idade do primeiro coito, hábito de fumar, resultado da citologia peniana e antecedentes de doenças sexualmente transmissíveis, estão relacionados com os resultados positivos da peniscopia alargada para infecção pelo papilomavírus humano, não existindo qualquer relação dos fatores femininos sobre o resultado da peniscopia. A maioria dos indivíduos possuía doença subclínica, sugerindo-se que a peniscopia deve também ser indicada em indivíduos assintomáticos. Como as lesões são inespecíficas, a realização da biópsia é imperativa para o diagnóstico de lesões neoplásicas do pênis. A importância da peniscopia alargada no diagnóstico das infecções produzidas pelo papilomavírus humano poderá representar uma maneira simples e barata de rastrear o parceiro portador de infecção virótica, permitindo, desse modo, melhor propedêutica na prevenção do câncer de pênis devido às implicações da infecção pelo papilomavírus humano na carcinogênese genital

Abstract: To study the prevalence, clinical and subclinical manifestation of HPV infection, as well as the influence of some male and female risk factors over the result of the broad peniscopy. Subjects and methods: Descriptive study of 257 sexual partners of women with HPV genital infection, during the period of september 1997 to abril 2000, at Celso Pierro Hospital. Results: The prevalence of male genital infection histologic proven by peniscopy was 60,4%. The subclinic manifestation of the disease was predominant in 61,1% of the cases, being diagnosed the occurance of penile intra epithelium neoplasia. We did not observe a positive relationship between the female risk factors studied and the results of peniscopy. However, age at first sexual relationship before 15 years old, penis citology, history of sexual transmitted disease and cigarette smoke presented. Conclusion: Male risk factors such as age at the first sexual relatioship, smoking habits, results of penis citology and history of sexual transmitted desease are related to the postive results of peniscopy for HPV infection. There are no female factors related to the results of peniscopy. Since the majority of men present subclinic desease, peniscopy should be indicated for assimptomatic patients. Since the importance of considering peniscopy in the diagnoses of infections caused by human papilloma virus may represented a simple and cheap method to screen partners who carry the virus infection, offering better propedeutic on penile cancer prevention because of the association of human papilloma virus and genital cancer the lesions are inespecific, biopsy is essential for the diagnosis of penis neoplasia
Subject: Colo uterino - Câncer
Penis - Doenças
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2001
Appears in Collections:FCM - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Tiago_DouglasBernal_M.pdf172.24 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.