Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/313099
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Análise institucional e política de educação permanente : ferramentas de gestão e institucionalização da atenção básica no município de Sorocaba/SP
Title Alternative: Institutional analysis and permanent education : management tools and institucionalization of the primary care policy in the municipality of Sorocaba/SP
Author: Vivot, Claudia Cristiane, 1974-
Advisor: L'Abbate, Solange, 1942-
Abstract: Resumo: A Secretaria Municipal de Saúde de Sorocaba/SP, por meio da Diretoria de Área da Assistência e Educação em Saúde, responsável pelo direcionamento do modelo de atenção à saúde e gestão das Unidades Básicas de Saúde, vem adotando diferentes estratégias de trabalho para o fortalecimento da Atenção Básica em Saúde em seu território. Em 2010, foram criados seis Colegiados de Gestão, compostos por cinco Unidades Básicas de Saúde cada. Foram constituídos também três Núcleos Técnicos, compostos por profissionais do nível central designados para apoiar a gestão das Unidades Básicas de Saúde. Nesse novo formato, houve uma revisão do papel dos apoiadores técnicos e a implementação de reuniões com coordenadores das Unidades Básicas de Saúde. A adesão dos técnicos da Diretoria de Área da Educação em Saúde a este modelo organizacional não ocorreu de modo homogêneo em todos os Colegiados. Nos Colegiados Leste e Centro Sul, as diferentes estratégias de trabalho foram discutidas em reuniões periódicas orientadas pelos princípios da Política Nacional de Educação Permanente em Saúde. Assumiu-se a premissa de que o desenvolvimento técnico-científico e ético dos coordenadores das Unidades Básicas de Saúde favoreceria o fortalecimento da Política Nacional de Atenção Básica. O objetivo geral dessa investigação de caráter qualitativo foi analisar essas reuniões, ocorridas de junho de 2010 a dezembro de 2012, como espaços de discussão de práticas relativas à qualificação da gestão e seus possíveis desdobramentos em relação aos coordenadores das Unidades Básicas de Saúde. As informações foram obtidas a partir da leitura das Atas das reuniões, dos relatos da autora que atuou como uma das apoiadoras dos referidos colegiados, complementadas por entrevistas semiestruturadas com os coordenadores das Unidades Básicas de Saúde e com os diretores da Diretoria de Área da Assistência e Educação em Saúde, que atuaram de 1998 a 2012. A análise das informações levou em conta os pressupostos da Educação Permanente, baseou-se no referencial teórico-metodológico da Análise Institucional, sobretudo os conceitos de instituição, implicação e analisador. Os resultados da investigação apontaram que nestes Colegiados de Gestão Leste e Centro Sul houve um expressivo avanço na construção coletiva de conhecimentos e ações voltadas ao enfrentamento dos problemas do cotidiano do trabalho, resultando numa maior aproximação entre a gestão e a assistência. Evidenciou-se também um aumento do vínculo entre os próprios coordenadores e entre estes e os apoiadores, construindo uma nova intersubjetividade. Esta investigação pretende contribuir para a institucionalização e difusão dessa estratégia de caráter inovador e estimular movimentos semelhantes em outros equipamentos das Secretarias Municipais de Saúde, buscando sempre o aprimoramento do Sistema Único de Saúde

Abstract: The Municipal Health Department of Sorocaba, SP, Brazil, through its Division for Health Treatment and Education, is responsible for managing the model of treatment dispensed at basic health units. In effect, the department has adopted different working strategies for strengthening primary health care in the municipality. In 2010, six management teams were set up, each one responsible for five basic health units. Three technical groups were also implemented, comprised of middle-level professionals assigned to back up the management of basic health units. With this new format the role of technical backers was revised and meetings were held with coordinators of basic health units. Acceptance of this model by technicians in the Division for Health Treatment and Education was far from homogeneous among the teams. In the eastern and south-central teams the different working strategies were discussed at periodic meetings, based on the principles found in the Brazilian National Policy for Continuing Education in Health. The premise was accepted that the technical, scientific and ethical training of the coordinators of basic health units favored the strengthening of the National Primary Care Policy. The overall objective of this qualitative investigation was to analyze these meetings, which were held between June 2010 and December 2012, as spaces for discussing practices related to training in management and the possible results for coordinators of basic health units. The information was obtained from the minutes of these meetings and from reports by the author, who served as one of the backers of the above-mentioned teams. The information was completed with semi-structured interviews with coordinators of basic health units and with persons who had served as supervisors of the Division for Health Treatment and Education between 1998 and 2012. The analysis of the information took into account the premises of continuing education and the theoretical and methodological framework of institutional analysis, especially the concepts of institution, implication, and analyzer. Research results showed that there was a significant advance in the collective construction of knowledge and actions in the eastern and south-central teams, aimed at addressing everyday problems of work. This resulted in a closer relationship between management and treatment. Closer ties also resulted among the members themselves and between them and the backers, which led to new intersubjectivity. This study is intended as a contribution to the institutionalization and dissemination of this innovative strategy. The authors also hope that it will encourage similar movements in other areas of municipal health departments in the improvement of the Brazilian Federal Health System
Subject: Educação permanente
Análise institucional
Pessoal de saúde - Educação - Brasil
Assistência à saúde
Gestão em saúde
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2014
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Vivot_ClaudiaCristiane_M.pdf1.7 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.