Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/313077
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Resultados clínicos após reconstrução bicruzado do joelho em dois tempos
Title Alternative: Clinical outcome after two-stage bicruciate reconstruction
Author: Inada, Mauro Mitsuo, 1978-
Advisor: Piedade, Sérgio Rocha, 1965-
Abstract: Resumo: Introdução: A lesão bicruzado do joelho é rara e está frequentemente associada a traumas de alta energia, sendo o procedimento cirúrgico o tratamento instituído devido a sua complexidade. Objetivo: Avaliar os resultados clínicos e funcionais de pacientes submetidos a reconstrução bicruzado do joelho, realizada em dois tempos cirúrgicos, utilizando os Escores de Lysholm, Tegner, KOOS e SF-36. Materiais e Métodos: 25 pacientes (20 homens e 5 mulheres) foram avaliados, idade média de 32,3 anos (17 a 53 anos), IMC médio de 26,2(18,9 a 34,9 Kg/m²), tempo de lesão de 18,3 meses (lesões crônicas). Quanto ao mecanismo de lesão, os acidentes auto-moto-ciclístico responsáveis por 72% dos casos, a prática esportiva por 16% e queda ou entorse por 12%. Inicialmente, foi utilizada a técnica Inlay para a reconstrução do LCP, utilizando o terço central do tendão patelar. Após um intervalo mínimo de 3 meses realizou-se a reconstrução do ligamento cruzado anterior via artroscópica, utilizando tendões flexores. Foram observadas as seguintes lesões associadas: condral em 7 pacientes (28%), meniscal em 16 pacientes (64%), lesões ligamentares associadas em 12 pacientes (48%). Procedimento cirúrgico adicional foram necessários em 4 pacientes (tendão patelar em 2 casos e ligamento colateral medial em 2 pacientes). Resultados: Com seguimento pós-operatório médio de 24,8 meses, em 60% dos casos a gaveta posterior foi classificada como zero e + (0,5 cm), enquanto 40% foram classificados como ++ (até 1cm). 60% dos pacientes obtiveram Escore de Lysholm bom/excelente. O Escore de atividade Tegner apresentou queda no nível de atividade física pós-reconstrução bicruzado, em comparação com o nível de atividade física pré-lesão, com relevância estatística. Entretanto, apenas 1 paciente retornou ao mesmo nível de atividade pré-lesão. A análise estatística revelou que o tempo de lesão influenciou negativamente os resultados clínicos pós-operatórios, em particular os parâmetros atividades esportivas/recreativas, do questionário KOOS, além dos domínios capacidade funcional, limitação dos aspectos físicos, vitalidade e saúde mental, do questionário SF-36. Por outro lado, variáveis como idade, IMC, presença de lesões condrais, meniscais e ligamentares associadas, assim como gaveta posterior residual não afetaram o resultado final. Conclusão: neste estudo o tempo de lesão teve um impacto negativo no prognóstico pós-operatório da reconstrução bicruzado, realizado em dois tempos cirúrgicos. Entretanto, é importante ressaltar que outras variáveis estudadas devem ser consideradas. Palavras-chave: ligamento cruzado posterior, ligamento cruzado anterior, joelho, traumatismos do joelho

Abstract: Introduction: Bicruciate lesions of the knee are rare and often related to high-energy traumas. A surgical procedure is used because of their complexity. Objective: to assess the clinical and the functional outcomes after two-stages bicruciate knee reconstruction using the Lysholm, Tegner, KOOS and SF-36 scores. Materials and methods: 25 patients (20 males and 5 females) were evaluated, mean age 32,3 years (17-53 years), mean BMI 26,2 (18,9-34,9), mean duration of lesion 18,3 months (chronic lesions). Regarding the mechanism of injury, car, motorcycle and bicycle accidents were responsible for 72%, while sports practices 16% and falls or sprains 12%. The Inlay technique was applied in PCL reconstruction using the central 1/3 of the patellar tendon. After 3 months minimum interval, ACL reconstruction was arthroscopically performed using flexor tendons. The following intraoperative lesions were detected: chondral ¿ 07 patients (28%); meniscal ¿ 16 patients (64%); associated ligament lesions ¿ 12 (48%). An additional surgical procedure was required for 4 patients (patellar tendon ¿ 2 cases, CML ¿ 2 cases). Results: With a 24,8 month mean postoperative follow-up of the cases, the posterior drawer test rated zero or + (0,5 cm) were observed in 60% of the patients, while 40% as ++ ( 1cm) and 60% of patients rated good/excellent condition (Lysholm). The Tegner activity score revealed that postoperative physical activity was less than physical activity level before the lesion and and the reduction was statistically significant. Moreover, only one patient achieved the pre-lesion activity level. The statistical analysis revealed that duration of lesion negatively influenced postoperative clinical results, especially regarding parameters such as sports/recreative activities (KOOS) and physical functioning, limitation of physical aspects, vitality and mental health (SF-36). However, in this study, the variables such as age, BMI, presence of chondral, meniscal, ligament lesions and residual posterior drawer did not affect the final result. Conclusion: The results obtained by this study concluded that duration of lesion had a negative impact on postoperative prognosis. However, it is important that other analyzed variables should also be considered. Keywords: posterior cruciate ligament, anterior cruciate ligament, knee, knee injury
Subject: Ligamento cruzado posterior
Ligamento cruzado anterior
Joelho
Traumatismos do joelho
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2014
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Inada_MauroMitsuo_M.pdf1.79 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.