Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/312953
Type: TESE DIGITAL
Title: Sociabilizando na prática : as formas de sociabilidade nos grupos de práticas corporais na Atenção Primária em Campinas/SP
Title Alternative: Socializing in the pratice : the forms of sociability in groups of bodily pratices in Primary Health Care in Campinas/SP
Author: Hallais, Janaína Alves da Silveira, 1986-
Advisor: Barros, Nelson Filice de, 1968-
Abstract: Resumo: Em Campinas/SP, as práticas corporais foram institucionalizadas na atenção primária para a prevenção e tratamento de dores e patologias. De caráter coletivo, essas atividades de saúde cumprem um propósito terapêutico, mas, também, propiciam encontro e interação entre os praticantes. Nestes termos, é possível inquirir as práticas corporais em uma perspectiva que empreenda uma reflexão sobre a construção de novas sociabilidades. A pesquisa foi realizada através de metodologia qualitativa, com o recurso da observação participante e de entrevistas como técnicas de coleta de dados. Frequentei como pesquisadora-praticante dois grupos de Movimento Vital Expressivo e de Lian Gong semanalmente e as entrevistas foram realizadas com profissionais de saúde (coordenadores dos serviços e instrutores das práticas investigadas) e usuários de duas Unidades Básicas de Saúde. O objetivo desta pesquisa é investigar as práticas integrativas corporais institucionalizadas na rede de atenção primária do Sistema Único de Saúde em Campinas, compreendendo-as não apenas como produtoras de saúde, mas enquanto facilitadoras de sociabilidade. De acordo com a análise dos dados empíricos da pesquisa, verificamos que a participação no grupo de práticas corporais contribui para um processo de produção de saúde (individual e coletiva), de cuidado (consigo e com o outro), de construção de laços de amizade, de conhecimento, de compartilhamento de saberes, descobertas, transformações e engajamento social através da interação e convivência entre praticantes e instrutores. Essas relações são desinstitucionalizadas e estão orientadas pela solidariedade e pela reciprocidade, incentivando o apoio social, uma potente ferramenta que proporciona acolhimento e o rompimento com o isolamento social, estimulando a autonomia e o empoderamento dos praticantes. Além disso, as práticas corporais estimulam a apropriação das práticas corporais pelos atores sociais, permitindo-lhes um contato mais próximo com o próprio corpo e que atribuam sentidos, percepções e significados de acordo com suas vivências e experiências com as atividades realizadas. Sendo assim, o Lian Gong e o Movimento Vital Expressivo são práticas corporais com grande potência na atenção primária em saúde, se orientadas pelo princípio da convivialidade e para a produção de encontros e cuidado emancipador. No entanto, observou-se sua identidade com o imaginário biomédico, reforçando rótulos e comportamentos associados ao discurso do risco. Apesar disso, por se estabelecerem como fenômeno social e serem constituídas por uma pluralidade de significados, valores, funções e sentidos, essas práticas não se encerram no caráter utilitarista da racionalidade biomédica, apresentando, ao mesmo tempo, aspectos terapêuticos, de sociabilidade e de atividade física, por exemplo

Abstract: In Campinas, bodily practices were institutionalized in primary health care for the prevention and treatment of pains and diseases. Of a collective nature, these health activities meet a therapeutic purpose but, also, provide meeting and interaction between practitioners. In these terms, you can inquire bodily practices in a perspective that embark on a reflection on the construction of new social sociabilitys. The survey was conducted using qualitative methodology, with the use of participant observation and interviews as data collection techniques. I went as a researcher-practitioner two groups of Movimento Vital Expressivo and Lian Gong weekly and the interviews were conducted with health professionals (engineers and instructors investigated practices) and users of two basic health units. The objective of this research is to investigate the integrative body practices institutionalized in primary care network of Sistema Único de Saúde in Campinas, understanding them not only as producers, but as facilitators of sociability. According to the analysis of empirical data of the survey, we see that the participation in the Group of bodily practices contributes to a process of production of health (individual and collective), careful (and with each other), to build bonds of friendship, knowledge, sharing of knowledge, discoveries, transformations and social engagement through interaction and coexistence among practitioners and instructors. These relationships are desinstitucionalizadas and are guided by solidarity and reciprocity, encouraging social support, a powerful tool that provides host and the breakup with social isolation, encourage the autonomy and empowerment of practitioners. In addition, bodily practices encourage ownership of bodily practices by social actors, allowing them a closer contact with the own body and assign meanings, perceptions and meanings according to their experiences with the activities carried out. Thus, the Lian Gong and the Movement Vital Expressive are bodily practices with great power on primary health care, if guided by the principle of user-friendliness and for producing meetings and careful emancipator. However, if your identity with biomedical imagery, reinforcing labels and associated behaviors to the speech of the risk. Nevertheless, by establishing themselves as a social phenomenon and are constituted by a plurality of meanings, values, functions and senses, these practices do not enclose in the utilitarian character of biomedical rationality, showing at the same time, therapeutic aspects of sociability and physical activity, for example
Subject: Terapias complementares
Terapias mente-corpo
Apoio social
Relações interpessoais
Grupo social
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2016
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Hallais_JanainaAlvesdaSilveira_M.pdf3.37 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.