Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/312664
Type: TESE
Title: Quantificação de propiltiouracil em plasma humano utilizando cromatografia líquida de alta eficiência acoplada à espectrometria de massas em tandem : aplicação a um estudo de bioequivalência
Title Alternative: Propylthiouracil quantification in human plasma by high performance liquid chromatography coupled to tandem mass spectrometry : application to a bioequivalence study
Author: Bittencourt, Samara Favi, 1989-
Advisor: De Nucci, Gilberto, 1958-
Nucci, Gilberto de, 1958-
Abstract: Resumo: O presente estudo tem como objetivo o desenvolvimento de um método rápido, sensível e específico para quantificação de propiltiouracil em plasma humano utilizando metiltiouracil como padrão interno. O analito e o padrão interno foram extraídos do plasma por uma extração líquido-líquido utilizando um solvente orgânico, acetato de etila. Os extratos foram analisados por cromatografia líquida de alta eficiência acoplada à espectrometria de massas em tandem (CLAE-EM/EM). A cromatografia foi realizada utilizando uma coluna Phenomenex Gemini C18 5 µm (4,6 mm x 150 mm id) e uma fase móvel constituída por metanol/água/acetonitrila (40/40/20 v/v/v) + 0,1% de ácido fórmico. Para propiltiouracil e metiltiouracil os parâmetros otimizados do potencial de decluster, energia de colisão e potencial de saída da célula de colisão foram, -60 V, -26 eV e -5 V, respectivamente. O método teve um tempo de corrida cromatográfica de 2,5 minutos e uma curva de calibração linear no intervalo de 20-5000 ng/mL. O limite de quantificação foi de 20 ng/mL. Os testes de estabilidade não indicaram nenhuma degradação significativa. Este método de CLAE-EM/EM foi utilizado para avaliar a bioequivalência de duas formulações de comprimidos de 100 mg de propiltiouracil em voluntários saudáveis de ambos os sexos sob jejum e sob estado alimentado. A média com intervalo de confiança de 90% para teste e referência foi sem e com alimentos respectivamente, 109,28% (103,63-115,25%) e 115,60% (109,03-122,58%) para Cmax, 103,31% (100,74-105,96 %) e 103,40% (101,03-105,84) para ASClast. Conclusão: Este método oferece vantagens em relação aos descritos na literatura, tanto em termos de uma extração líquido-líquido simples sem processos de limpeza, bem como um tempo de execução mais rápido, 2,5 minutos. O limite inferior de quantificação de 20 ng/mL é adequado para estudos farmacocinéticos. Os resultados de desempenho do ensaio indicam que o método é preciso e exato para determinação de propiltiouracil em plasma humano. A formulação teste sem e com alimentos foi bioequivalente a formulação de referência. A administração de alimentos aumentou o Tmax e diminuiu a biodisponibilidade, Cmax e ASC

Abstract: A rapid, sensitive and specific method for quantifying propylthiouracil in human plasma using methylthiouracil as the internal standard is described. The analyte and the internal standard were extracted from plasma by liquid-liquid extraction using an organic solvent, ethyl acetate. The extracts were analyzed by high performance liquid chromatography coupled with tandem mass spectrometry (HPLC-MS/MS). Chromatography was performed using a Phenomenex Gemini C18 5µm analytical column (4.6 mm x 150mm i.d.) and a mobile phase consisting of methanol/water/acetonitrile (40/40/20 v/v/v) + 0.1% of formic acid. For propylthiouracil and methylthiouracil, the optimized parameters of the declustering potential, collision energy and collision exit potential were -60 V, -26 eV and -5 V, respectively. The method had a chromatographic run time of 2.5 minutes and a linear calibration curve over the range 20-5000 ng/mL. The limit of quantification was 20 ng/mL. The stability tests indicated no significant degradation. This HPLC-MS/MS procedure was used to assess the bioequivalence of two propylthiouracil 100 mg tablet formulations in healthy volunteers of both sexes in fasted and fed state. The mean and 90% confidence interval of test and reference was in fasted and fed state respectively, 109.28% (103.63-115.25%) and 115.60% (109.03-122.58%) for Cmax, 103.31% (100.74-105.96%) and 103.40% (101.03-105.84) for AUClast. Conclusion: This method offers advantages over those previously reported, in terms of both a simple liquid¿liquid extraction without clean-up procedures, as well as a faster run time, 2.5 minutes. The lower limit of quantification of 20 ng/mL is suited for pharmacokinetic studies. The assay performance results indicate that the method is precise and accurate for the determination of the propylthiouracil in human plasma. The test formulation without and with food was bioequivalent to reference formulation. Food administration increased the Tmax and decreased the bioavailability, Cmax and AUC
Subject: Disponibilidade biologica
Farmacocinética
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Bittencourt_SamaraFavi_M.pdf4.23 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.