Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/312433
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Emprego do retalho vascularizado da crista ilíaca para tratamento de lesões do aparelho locomotor
Title Alternative: Use of the vascularized iliac-crest flap in musculoskeletal lesions
Author: Andrade, Cristiane Tonoli Velozo, 1978-
Advisor: Livani, Bruno
Abstract: Resumo: Muitos métodos têm sido usados para o tratamento de falhas ósseas segmentares, como alongamento ósseo, enxerto ósseo não vascularizado, enxerto de banco de osso. Com o advento da técnica microcirúrgica moderna o retalho ósseo vascularizado tem sido usado com bons resultados ao possibilitar resolver problemas quanto à nutrição local e reparo de partes moles. Foi realizado um estudo retrospectivo com 11 pacientes tratados com esta técnica nos últimos três anos na nossa instituição, com o objetivo de relatar a experiência dos autores no emprego do retalho vascularizado da crista ilíaca para tratamento de defeitos ósseos moderados (até 10 cm). Foram analisadas características do paciente, tamanho e etiologia do defeito, complicações e tempo para consolidação total. Todos os retalhos consolidaram num período médio de três meses. A união radiográfica foi definida com a presença de calo ósseo, trabéculas ósseas contínuas entre o enxerto e osso do local, além da presença de três corticais ósseas nas radiografias de frente e perfil. A consolidação clínica foi considerada pela remissão completa da dor e pela ausência de mobilidade ao estresse na região do retalho. Dessa forma, o retalho da crista ilíaca é mais uma opção a ser usada nos casos de lesões do aparelho locomotor, com bons resultados funcionais e pequena morbidade ao sítio doador

Abstract: Bone loss can be treated in several ways, including bone lengthening, non-vascularized bone grafts, and database bone grafts. With the advent of modern microsurgical techniques, the vascularized bone flap has been used with good results as it resolves problems of soft tissue nutrition and repair. We retrospectively analyzed all 11 patients treated in our institution using this technique over the last 3 years to report our experience with the use of the vascularized iliac crest flap in treating moderate bone loss (up to 10 cm). The patient characteristics, size and etiology of the defect, complications, and total consolidation period were analyzed. All flaps consolidated within an average of 3 months. Radiographic healing was defined by the presence of callus, continuous trabecular bone formation between the graft and receptor bone, and the presence of three cortical bones. Clinical healing was based on the absence of pain and return to daily life activities. The iliac crest flap is another option for treating bone loss, since it produces good functional results and has low donor-site morbidity
Subject: Microcirurgia
Transplante ósseo
Traumatismo múltiplo
Retalho miocutâneo
Language: Multilíngua
poreng
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2014
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Andrade_CristianeTonoliVelozo_M.pdf5.5 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.