Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/312339
Type: TESE
Title: Tradução para o portugues e validação das escalas : locus de controle para crianças (NSLC) e perfil de autopercepção para crianças (SPPC)
Author: Novaes, James Jose de
Advisor: Rivorêdo, Carlos Roberto Soares Freire de, 1950-
Abstract: Resumo: São escassos os instrumentos de pesquisa para avaliação de crianças na área da Saúde Mental em nosso meio e no mundo. O objetivo deste estudo foi validar para uso no Brasil: 1- a Escala Locus de Controle em Crianças (NSLC) e 2- o Perfil de Autopercepção para Crianças (SPPC). As validades foram obtidas através de análises fatoriais, comparando-se os escores obtidos aos das versões originais dos instrumentos e comparando-se a correlação entre as duas versões brasileiras. As validades foram obtidas através de análises fatoriais, comparando-se os escores obtidos aos das versões originais dos instrumentos e comparando-se a correlação entre as duas versões brasileiras. A amostra original consistiu de 650 crianças de 9 a 13 anos de idade de 4 escolas do ensino fundamental em Americana, São Paulo. Para a versão do NSLC, obteve-se consistência interna confiável com coeficiente de Cronbach maior que 0.70, exceto para a 2a série (0.68). Houve efeito de série com aumento significativo da internalidade da 2a para a 6a série como na escala original (p < 0.05). Foram obtidos 3 fatores interpretáveis que se sobrepuseram consideravelmente aos obtidos na escala original com 25 itens com carga fatorial contra 19 itens na original, da qual foram reproduzidos 15 itens. Para a versão do SPPC, obteve-se consistência interna confiável para todas as séries (>0.70), com exceção da sub-escala de Aceitação Social em que o coeficiente de Cronbach ficou em um nível não aceitável para a 2a série (0.63) e 3a série (0.66). Foi obtida uma solução Fator-4 com falha na validação cruzada de uma sub-escala em cada uma das séries estudadas, sendo um dos 4 fatores composto por duas sub-escalas onde permanece constante a sub-escala de Conduta Comportamental. Foi encontrada uma correlação significativa e positiva entre as versões do NSLC e SPPC (p < 0.05), ocorrendo um aumento do controle interno quando ocorre um aumento do autoconceito, exceto para os meninos na 5a série. Produziu-se uma adaptação transcultural, tradução e validação para as versões em português das escalas de Locus de Controle para Crianças e Perfil de Autopercepção para Crianças, com possibilidade de generalização e comparabilidade. Os dois instrumentos podem ser utilizados em nosso meio para a avaliação de intervenções em saúde mental infantil, tornando-se possível verificar-se as modificações da criança quanto ao funcionamento psicossocial

Abstract: There are few research instruments to evaluate the mental health of children in our midst and in the world. The aim of this work was to validate the following for use in Brazil: 1 ¿ The Locus of Control Scale for Children (NSLC) and 2 ¿ Self- Perception Profile for Children (SPPC). The validations were obtained though factorial analyses, comparing the scores obtained to those of the original versions of the instruments and comparing the correlation between both Brazilian versions. The original sample consisted of 650 children from 8 to 13 years of age from 4 elementary schools in Americana, São Paulo. For the NSLC version, reliable internal consistency was obtained, with a Crobach coefficient higher than 0.70, except for the 3rd grade (0.68). There was a grade effect with a significant increase of internality from the 3rd grade to the 7th grade in the original scale (p<0.05). Three interpretable factors were obtained which overlapped considerably with those obtained on the original scale with 25 items with a factor loading against 19 items in the original, from which 15 items were reproduced. For the SPPC version, reliable internal consistency was obtained for all series (>0.70), with the exception of the sub-scale of Social Acceptance in which the Cronbach coefficient remained at a level that was not acceptable for the 3rd grade (0.63) and the 4th grade (o.66). A Factor-4 solution was obtained with a failure in the cross- validation of the sub-scale of each of the grades studied, in which one of the 4 factors was made up of two sub-scales, the sub-scale of Behavioral Conduct being constant. A significant and positive correlation was found between the two versions of NSLC and SPPC (p<0.05), with an increase in the internal control whenever there is an increase in self-confidence, except for boys in the 6th grade. A trans-cultural, translated and validated adaptation was produced for the versions in Portuguese of the Locus of Control for Children and Profile of Self-concept for Children scales, with the possibility of generalization and comparability. The two instruments can be used in our midst for the evaluation of interventions in child mental health, making it possible to check the child¿ s changes in relation to psychosocial functioning
Subject: Autoimagem
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2003
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Novaes_JamesJosede_M.pdf1.22 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.