Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/312215
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Aspectos da percepção visual em pre-escolares surdos e ouvintes
Author: Deliberato, Debora
Advisor: Gonçalves, Vanda Maria Gimenes, 1949-
Abstract: Resumo: Os objetivos desta pesquisa foram avaliar as habilidades perceptivas visuais nas crianças surdas e comparar seus resultados com os das crianças ouvintes. Foram selecionadas 20 crianças surdas de seis anos de idade que apresentaram perda auditiva neurossensorial prélingüística de grau severo e profundo, que freqüentavam classes especiais ou pré-escola omum com reforço nas salas de recursos e 20 crianças ouvintes, também de seis anos, de uma pré-escola. Durante o processo de seleção dos sujeitos foram excluídas as crianças com malformações congênitas, alterações neurológicas ou comportamentais, por meio da anamnese com a família. Todas as crianças selecionadas realizaram triagem oftalmológica e avaliação audiológica, sendo excluídas, de ambos os grupos de crianças, as que apresentaram alterações oftalmológicas e, no grupo de crianças ouvintes, as que apresentaram alterações audiológicas. Para a avaliação da percepção visual selecionou-se dois testes: Developmental Test of Visual Perception (FROSTIG, 1964) e Developmental Visual Motor Integration (BEERY, 1989). O primeiro trata de um material específico para avaliar cinco habilidades perceptivas visuais: coordenação viso-motora; percepção de figura-fundo; percepção de constância de forma; percepção de posição espacial; e, percepção de relação espacial. O segundo teste teve por meta avaliar â integração viso-motora. A análise dos dados indicou diferenças significativas nos valores obtidos, do teste elaborado por FROSTIG (1964), entre os dois grupos avaliados com melhores resultados par os ouvintes. A tarefa de percepção da constância de forma foi uma atividade dificil para ambos os grupos, embora as crianças surdas tenham obtido resultados menos satisfatórios. As tarefas de percepção de figura-fundo e posição espacial foram de maior dificuldade para as crianças surdas. A coordenação viso-motora foi uma habilidade que contribuiu nos resultados do Quociente Perceptual Visual para ambos os grupos, embora com resultados mais significativos para as crianças ouvintes. Quanto aos resultados do Developmental Test Visual Motor Integration (BEERY, 1989) pôde-se constatar que, apesar de a análise estatística não indicar diferença significativa entre os dois grupos avaliados, as crianças surdas obtiveram resultados menos favoráveis

Abstract: The objectives of this research were to evaluate the visual abilities perceptual of deaf and hearing children and to comparate the result ofthose assessments. For this, were selected' 20 several or profoundly deaf children with six year age. Deaf children studied in special class or comum preschool class associated special service. Were toe selected 20 hearing children with six years age that studied in normal preschool class. During the process of identitication of the subjects were excludingchildren that had congenital malformation, behaviors or neurologic deticits. Eliminated children that had ophthalmologic and audiologic problems. The assessment consisted of application of the Developmental Test of Visual Perception (FROSTIG, 1964) and Developmental Visual Motor Integration (BEERY, 1989). The tirst test searched tive abilities: visual motor coordination, figure-ground perception, forms constancy , perception, spatial position perception, spatial perception, The second test searched the visual motor integration. The results suggested meaningful of scores in the Frostig's test (1964) in both groups. The assessment of the form constancy perception showed difficulty for both groups, although deaf children had worse resulted. The assessment of the tigure-ground perception and spatial position were the more difficulty to deaf children. The results"of the assessment of the visual motor coordination were important for balanced the Visual Perceptual Quotient to both groups, however the hearing children group had best resulted. The result of the Developmental Test Visual Motor Integration (BEERY, 1989) indicated no significant score to both groups
Subject: Surdez
Percepção visual - Testes
Deficientes auditivos
Crianças
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: DELIBERATO, Debora. Aspectos da percepção visual em pre-escolares surdos e ouvintes. 2000. 134p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/312215>. Acesso em: 26 jul. 2018.
Date Issue: 2000
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Deliberato_Debora_D.pdf2.42 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.