Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/312146
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Detecção e genotipagem do papilomavirus humano (HPV) em mulheres com neoplasia intra-epitelial cervical de alto grau
Title Alternative: Detection and genotyping of the human papilomavirus (HPV) in women with high grade cervical intraepithelial neoplasia
Author: Moraes, Denise da Rocha Pitta Lima de, 1961-
Advisor: Derchain, Sophie Françoise Mauricette, 1959-
Abstract: Resumo: Introdução: Este estudo faz parte de uma linha de pesquisa cuja finalidade é avaliar testes de detecção de papilomavírus humano (HPV) envolvidos na carcinogênese e rastreamento de câncer cervical. Até recentemente, a captura híbrida 2 (HC2) para detecção de um pool de HPV de alto risco oncogênico foi o método clínico mais estudado por este grupo. Entretanto, frente à evidente diferença no risco de evolução das lesões cervicais, a genotipagem do HPV através de análise do ácido nucléico passou a ser relevante. Objetivo: Avaliar a distribuição de infecções simples e múltiplas de diferentes tipos de HPV em mulheres com neoplasia intra-epitelial cervical de alto grau (NIC2 e NIC3). Sujeitos e Métodos: Foram avaliados os genótipos específicos de HPV da amostra cervical de 106 mulheres utilizando Roche Linear Array® human papillomavirus (LA-HPV) genotyping assay (Roche Diagnostics,USA). O material foi coletado antes da conização cervical. Foram comparadas as proporções de NIC2 e NIC3 em grupos de mulheres infectadas com tipos de HPV dos grupos filogenéticos Alfa7 (A7) e Alfa9 (A9). Três situações foram consideradas: mulheres com 1) infeccão simples; 2) infecção múltipla; 3) infecção simples e múltipla. Foram comparadas as proporções de diferentes combinações de tipos de HPV em grupos de mulheres com NIC2 e NIC3. Resultados: Pelo menos um tipo de HPV foi detectado em 99% das amostras. Infecções múltiplas foram detectadas em 68 (64,7%) das amostras. Os genótipos de alto risco mais freqüentemente detectados em infecção simples ou múltipla foram HPV16 (57,1%), HPV58 (24,7%), HPV33 (15,2%), HPV52 (13,3%), HPV31 (10,4%) e HPV51 (7,6%) e HPV18 (6,6%). A probabilidade de mulheres com NIC3 serem infectadas com HPV da espécie A9 foi maior. Os HPV 16 e ou 18, associados ou não com outros tipos virais foram mais frequentemente encontrados nas mulheres com NIC3 do que naquelas com NIC2. Conclusão: A severidade da NIC esteve associada com a presença de tipos de HPV incluídos na classificação filogenética A9 e por infecções que incluem HPV16 e 18 combinados ou não com outros genótipos de HPV

Abstract: Objective: To evaluate the distribution of single and multiple infections of different human papillomavirus (HPV) types in women with high grade cervical intraepithelial neoplasia (CIN2 and CIN3) and to assess the relation of the various combinations of virus with the severity of CIN. Subject and methods: Cervical samples from 106 women treated due to CIN2 (18) or CIN3 (88) were examined for specific HPV genotypes using Roche Linear Array® Human Papillomavirus (LA-HPV)(Roche Diagnostics, USA). The material was collected immediately before cervical conization. The proportion of CIN2 and CIN3 in groups of women infected with varying HPV phylogenetic groups Alpha7 (A7) and Alpha9 (A9) was compared. Three situations were considered: women with 1) single infection; 2) multiple infections; 3) the whole sample. The proportions of CIN2 and CIN3 in groups of women with different combinations of HPV types were compared. Results: At least one HPV type was detected in 99% of the whole series. Multiple infections were detected in 68 (64.7%) samples. The most frequent high-risk genotypes detected (single/multiple) were HPV16 (57.1%), HPV58 (24.7%), HPV33 (15.2%), HPV52 (13.3%), HPV31 (10.4%), HPV51 (7.6%) and HPV18 (6.6%). Women with CIN3 were more infected with HPV of species A9. HPV16 and/or HPV18, associated or not with other viral types, were more frequently found in specimens of women with CIN3 than in those of women with CIN2. Conclusions: the severity of high-grade CIN may be associated by the presence of HPV types included in the A9 phylogenetic classification and by infections including HPV16 and 18 combined or not with other HPV genotypes
Subject: Colo uterino
Papillomaviridae
Genotipagem
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: MORAES, Denise da Rocha Pitta Lima de. Detecção e genotipagem do papilomavirus humano (HPV) em mulheres com neoplasia intra-epitelial cervical de alto grau. 2008. 62f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/312146>. Acesso em: 10 ago. 2018.
Date Issue: 2008
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Moraes_DenisedaRochaPittaLimade_M.pdf936.9 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.