Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/312135
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: O processo de adesão dos pacientes diabeticos aos grupos educativos como analisador das relações institucionais nas unidades basicas de saude
Title Alternative: The process of adhesion of diabetic patients to educative groups as an analyzer of the institutional relations in the basic health units
Author: Malaman, Lia Bissoli
Advisor: L´Abbate, Solange, 1942-
L'Abbate, Solange, 1942-
Abstract: Resumo: O diabetes é um grave problema de Saúde Pública, alcançando níveis epidêmicos significativos e associando-se à complicações, que comprometem a produtividade e a qualidade de vida da população. É uma patologia na qual o compromisso do paciente com a mudança do seu estilo de vida é fundamental. Daí a orientação do Ministério da Saúde, propondo a realização de atividades grupo-educativas para diabéticos e hipertensos. Dados de produção das Unidades de saúde de São João da Boa Vista/SP onde foi realizada esta investigação, mostram, porém, que a adesão dos usuários às atividades educativas é baixa, quando comparada à procura por consultas médicas. Para identificar os motivos dessa não adesão, realizou-se uma pesquisa qualitativa junto à equipe de enfermagem das Unidades de saúde e aos usuários, considerados não aderentes às atividades grupo-educativas. O material das entrevistas foi analisado mediante o referencial da Análise institucional, tendo como fundamento, o princípio de integralidade do SUS.Concluiu-se que os usuários não aderentes às atividades grupo-educativas privilegiam, sobretudo, o uso de medicamentos e que os usuários aderentes são os mais dependentes do serviço, mais inseguros e com maior dificuldade em aceitar a própria doença. Concluiu-se também que, embora a atividade educativa seja bastante efetiva para o tratamento de doenças crônicas, os profissionais carecem de preparação adequada para realizá-Ias, dado a complexidade dessas ações. Finalmente, a não adesão revelou-se um analisador importante de certas deficiências das Unidades de Saúde, em relação à infra-estrutura e às condições de trabalho dos profissionais da equipe de enfermagem

Abstract: The diabetes is a serious Public Health issue, reaching significant epidemic levels and associating with complications which compromise the productivity and the quality of life of the population. It is a pathology in which the commitment of the patient with the change of his life style is paramount. Hence the orientation of the Ministry of Health, proposing the undertaking of group-educating activities for diabetics and hypertenses. Production data ITom the Health Units of São João da Boa Vista/SP, where this investigation took place have shown, nevertheless, that the adhesion of users to educational activities is low when compared to the search for medical appointments. In order to identify the reasons for this non-adhesion, a qualitative survey has been carried out jointly with the nursing teams ITom the Health Units and to users, considered non-adherent to group-educating activities. The material of the interviews has been analysed under the referential of Institutional Analysis, having as foundation the integrality of SUS. It has been concluded that, although the educational activity is rather effective for the treatment of chronicle diseases, the professionals lack in adequate preparation to undertake them, given the complexity of such actions. Finally, the non-adhesion has revealed an important analyzer of certain deficiencies of Health Units, in relation with the intra-structure and the working conditions of the professionals of the nursing team
Subject: Diabetes Mellitus
Educação em saúde
Enfermagem
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2006
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Malaman_LiaBissoli_M.pdf2.37 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.