Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/311862
Type: TESE
Title: A identificação e o diagnostico precoces de sinais de risco de autismo infantil
Author: Paravidini, João Luiz Leitão
Advisor: Cassorla, Roosevelt Moises Smeke, 1945-
Abstract: Resumo: Este trabalho de pesquisa vai ao encontro de uma das formulações que vicejam no campo da Saúde Mental, através da qual pode-se pensar que se uma criança, em seus primeiros anos de vida, puder ser aliviada do peso de seus primeiros sintomas antes da fixação ou do deslocamento dos mesmos, ela estaria em melhores condições para enfrentar uma vida. Esta proposição adquire maior densidade ao considerar a existência de condições significativamente incapacitantes inerentes ao adoecer autístico. No presente trabalho busca-se investigar a viabilização de dispositivos técnicos que permitam a execução do processo de identificação e de diagnóstico precoces de sinais de risco de autismo infantil, em crianças abaixo de três anos de idade. Empregou-se o método psicanalítico para a realização da pesquisa bem como para a análise dos resultados encontrados. Durante a etapa de identificação inicial dos sujeitos, fez-se necessário a criação de um instrumento específico que viabilizasse a detecção de crianças com sinais de risco de evolução autística, mediante as dificuldades em encontrá-las. A construção do instrumento denominado de "Ficha de Acompanhamento do Desenvolvimento Infantil" teve como parâmetro fundamental os sinais precoces de autismo infantil, conforme descritos na literatura psicanalítica, e a idade em que estes costumam ocorrer. O instrumento compõe-se de quatro escalas, divididas em faixas etárias que vão de zero a trinta meses, tendo as mesmas sido submetidas ao tratamento estatístico de análise fatorial do Statistical Package for Social Science (SPSS), após sua aplicação em larga escala. A pesquisa foi subdividida em duas etapas. A primeira etapa consistiu na aplicação do Instrumento tendo em vista a identificação inicial. Na segunda etapa procedeu-se a realização de, pelo menos, quatro sessões de observação diagnóstica da criança e de seus familiares, com duração média de uma hora, utilizando-se a técnica de Intervenções Conjuntas Pais- Filhos formulada por M. Mélega, baseada no Método de Observação da Relação Mãe - Bebê de Esther Bick. Este processo de observações diagnósticas foi realizado com quatro sujeitos que apresentaram resultados significativos na aplicação do Instrumento. Procedeu-se a análise dos resultados dos quatro sujeitos através da articulação qualitativa entre as respostas ao Instrumento e o material transcrito das observações diagnósticas. Esta articulação resultou na configuração de três eixos norteadores da análise e que são, ao mesmo tempo, fundamentais para a constituição do sujeito psíquico: o olhar, o corpo e a palavra. Para a análise, também considerou-se a história e o lugar que a criança ocupa na rede afetivo - familiar. A partir de todos estes elementos pôde-se mapear os diferentes matizes psicopatológicos em que se encontravam os sujeitos. Concluiu-se que, mediante as estratégias empregadas nesta pesquisa, foi possível executar a identificação e o diagnóstico precoces em crianças pequenas, possibilitando que os sujeitos se inserissem, com um grau significativo de adesão, em um trabalho de intervenção terapêutica precoce. Os resultados também apontam para a viabilidade de inserção desta estratégia de detecção precoce de sofrimento psíquico no serviço público de saúde, conjugando-se com o atendimento clínico preventivo em puericultura

Abstract: The research is a re-enforcement for one of the actual formulations in the field of Mental Health, which states that if a child in its first years of life could be relieved from its initial symptoms before their fixation or displacement, it would be offered better conditions to face a life. This proposition acquires larger density when it is considered the existence of some conditions significantly disabled inherent of the autistic sickness. In the present work it is rneant to investigate the viability of technical devices that allow the execution of the identification process and of the precocious signs of infantile autisrn diagnosis' risk in children below three years of age. The psychoanalytical rnethod was used for the accomplishment of the research as well as for the analysis of the achieved results. During the initial stage of subjects' identification it was necessary to create a specific instrument in order to allow the detection of the signs of autistic evolution in children by means of the difficulties in finding them. The construction of the instrument denorninated "The Record of Attendance of the Infantile Developrnent" had the precocious signs of infantile autism described in the psychoanalyticalliterature and the age of its manifestation as parameters. This instrument is composed by four scales divided in age groups that go from zero to thirty months. The scales were submitted to the statistical factor analysis of Statistical Package for Social Science (SPSS) after its application in a significant sample. The research was subdivided in two stages. The first stage consisted in the application of the instrument to obtain the initial identification. In the second stage the accomplishment was proceeded for at least four sessions of the diagnostic observation of the child and its relatives. These observations had a medium duration of one hour and it was used the technique of "Parents-Children Joint Therapeutic Interventions" formulated by M. Mélega, inspired on the Esther Bick's Observation Method. This process of diagnostic observations was accomplished with four subjects that presented significant results in the application of the instrument. The analysis of the results of the four subjects was proceeded through the qualitative articulation among the answers to the instrument and the transcribed material of the diagnostic observations. This articulation resulted in the configuration of three axes to orientate the analysis that are fundamental for the psychic subject's constitution: the glance, the body and the word. The analysis had also considered the history and the place occupied by the ehild in the family affeetionate net. Gathering all these elements it was possible to deseribe the different psyehopathologieal states in the subjeets of the researeh. In conclusion, the strategies used in this researeh turned possible the execution of the identification and the precocious diagnosis in young children facilitating the subjeet's insertion in a precocious therapeutie intervention's work. The subjects inclusion in the treatment was with a significant degree of adherense. The results also point for the viability of the insertion of this strategy of precocious detection of psychic suffering in the publie service of health conjugated with the preventive clinical attendance in ehild care
Subject: Autismo em crianças - Estudo de casos
Psicopatologia infantil
Saúde mental
Psicanálise infantil
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2002
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Paravidini_JoaoLuizLeitao_D.pdf76.08 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.