Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/311853
Type: TESE
Title: Historias de viver o serviço social
Author: Françozo, Maria de Fátima de Campos, 1954-
Advisor: Cassorla, Roosevelt Moises Smeke, 1945-
Abstract: Resumo: INTRODUÇÃO: Apesar do sucesso terapêutico, o tratamento da leucemia linfóide aguda (LLA) na infância é seguido de efeitos deletérios, entre eles retardo no crescimento com prejuízo da estatura final e alta freqüência de sobrepeso e obesidade, prejudicando a qualidade de vida dos jovens e adultos sobreviventes. OBJETIVO: Estudar o crescimento linear, a velocidade de crescimento e a massa corpórea de crianças portadoras de LLA, em remissão clínica completa, no primeiro ano após o término da terapia, comparando-se três modalidades de profilaxia da infiltração leucêmica no sistema nervoso central, nas diferentes faixas etárias e sexo. METODOLOGIA: Foram analisados 311 sobreviventes a longo prazo, submetidos ao tratamento de LLA na infância, e divididos conforme a terapia profilática de infiltração meníngea instituída: Grupo I: 24Gy (n=155), Grupo II: 18Gy (n=71) e Grupo III: sem radioterapia craniana (n=85). Foram considerados idade, peso e altura ao diagnóstico, ao término da terapia e um ano após o término e calculados o escore z para altura e velocidade de crescimento e o índice relativo de massa corpórea (BMI-r) nas três ocasiões canal de crescimento inicial. As médias das diferenças entre os escores z para altura um ano após o término e ao término da terapia, foram respectivamente de 0,08± 0,40; 0,11± 0,32 e 0,21± 0,5 para os grupos I, II e EQ. Não houve diferença estatística entre os sexos, porém crianças com idade inferior a cinco anos apresentaram velocidade de crescimento inferior às maiores durante a terapia e maior recuperação após a suspensão (p=0,001). Houve elevação progressiva da massa corpórea sendo que, ao diagnóstico 88% das crianças apresentavam peso normal ou abaixo da média para a mesma idade e sexo e um ano após o término, 40% estavam com sobrepeso ou obesos. CONCLUSÕES: Independente da terapia utilizada, as crianças apresentaram retardo de crescimento durante o tratamento. A maioria apresentou recuperação estatural, porém sem alcançar os níveis iniciais. Ao término do tratamento e um ano após observou-se elevado ganho ponderal na maioria das crianças, independente da terapia, idade e sexo. Muitos dos fatores determinantes dos efeitos tardios do tratamento sobre o crescimento linear e ponderal não estão ainda esclarecidos, sendo importante a monitorização auxológica durante e após o término da terapia. Foram apontadas como razões de gratificação na profissão: as vivências profissionais que puderam ser traduzidas em amadurecimento pessoal, formação de vínculos de amizades e aquisição de habilidades; o desenvolvimento de atividades dinâmicas e de ensino. A percepção de ter contribuído para a mudança de alguma situação problemática ou de ter dado 'um toque pessoal' a algum programa ou atividade também foi valorizado, assim como o contato com a população e o reconhecimento, por parte desta, do trabalho realizado. As situações gratificantes são aquelas em que as assistentes sociais sentem que puderam criar algo positivo para outras pessoas e para si mesmas. A condição feminina é também fator importante que molda a vivência profissional: concessões, dificuldades e conciliações na vida doméstica são uma fonte de condicionamentos do projeto profissional da mulher, em geral, e da assistente social em particular. A maneira como assistentes sociais lidam com as escolhas, com os aspectos frustrantes ou satisfatórios da profissão está relacionada portanto, não só a fatores externos como também ao seu mundo interno.

Abstract: The present investigation deals with aspects of the lived professional experience of social workers, in order to grasp the reasons behind choosing to become and to remain a social worker and also the framework of professional frustations and pleasures. Thus, a qualitative research tool was chosen, namely life histories, and social workers were interviewed in order to gather data. The subjects were women, who graduated between the 50s and the 90s in schools of social work in Brazil, and whose practice, present or past, involves direct contact with clients (specifically, in public or private organizations where they developed programs in such areas as family, health, community, rehabilitation and so on). Certain psychoanalitycal concepts (steming mainly from the work of Melanie Klein) were related to themes, such as institutions, groups and the professions in order to gain an understanding of the lived professional experience of social workers. It is alsoimportant to notice that the sociological explanation of woman's social condition has a strong bearing in explaining such an experience. The influences which lead to the choice of social work as a profession can be characterized by the desire to "be practical," by the image of energetic individuals within the profession, by opportunities of carrier advancement, by religious and/or family influences, and by the feeling of not being able to pass examinations in other undergraduate schools or to pay for a more expensive professional training in other undergraduate schools. Behind all of these lies the feeling of being helpful, which can be related to a tendency to reparation. Expressions of frustation in the interviews are linked to situations in which some form of social injustice is perceived, to poor working conditions (low payment, lack of recognition, interferences, etc.), and to problems in professional relationships. Some of these situations can be explained in terms of an impossibility of fulfilling a desire for reparation. Some reasons were offered to explain pleasant professional situations: uvea professional experiences which were translated in personal development, in the establishment of personal ties and the acquisition of skills; the development of dynamic activities, as well as teaching. The perception of having contributed to solving a difficult situation or of personally contributing to a program or activity were also positively appraised. Also the contact with clients and their recognition were quoted. Those are rewarding situations from which social workers derive the feeling of having created something which is positive for the clients and for themselves. Woman's social condition is also important in shaping the lived professional experience: concessions, difficulties and reconciliations in the life of housewives are a major source of constraints for women's professional projects in general, and for social workers in particular. Thus, the way in which social workers deal with choices, frustations and pleasures in the profession are related not only to the objective conditions in the external world, but also to subjective aspects of the inner world.
Subject: Serviço social
Assistentes sociais - Entrevistas
Assistentes sociais - Orientação profissional
Serviço social - Estudo e ensino
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1996
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Francozo_MariadeFatimadeCampos_D.pdf4.18 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.