Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/311832
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Avaliação de um modelo anatômico sintético tridimensional de assoalho pélvico no ensino de anatomia comparado com a pélve cadavérica
Title Alternative: A synthetic three-dimensional pelvic model as na effective didactic tool compared to cadaveric pelvis
Author: Portugal, Helio Sergio Pinto, 1965-
Advisor: Fraga, Rogerio de
Abstract: Resumo: Introdução e objetivos: O estudo da Anatomia humana se faz imprescindível para o conhecimento e compreensão do corpo humano como um todo, na importância e interação de todas as suas estruturas e características de cada um de seus órgãos ou partes, como meio essencial para promover a vida e cura dos males, intenção primária no ato de cuidar, enquanto técnica, arte e ciência, no seu mais expressivo compromisso (1). Além disto, a aula prática com o uso de componentes anatômicos manipuláveis é essencial para um bom processo de ensino e aprendizagem. Portanto, o componente pedagógico do material utilizado é essencial, de forma que as ferramentas escolhidas possam agregar valor na construção de uma aprendizagem significativa dos alunos. Os objetivos deste estudo foram avaliar: 1- o Modelo Anatômico Sintético de Assoalho Pélvico (MASAP) como uma ferramenta didática, comparando o mesmo com a pelve cadavérica (PC) durante a aula prática de Anatomia, e 2- a satisfação dos estudantes com ambos os métodos. Materiais e métodos: Foram utilizadas pelves cadavéricas e modelos anatômicos sintéticos de pelve. A pesquisa foi do tipo experimental, desenvolvida através de estudo prospectivo longitudinal. Sessenta e sete estudantes de Medicina, voluntários para este estudo, foram submetidos a um teste teórico preliminar (TTP) e a uma aula teórica de anatomia do assoalho pélvico. Após esta aula os estudantes foram randomizados em três grupos: G1, G2 e G3. G1 submeteu-se a aula prática tradicional de anatomia (APT) com o uso de PC, e G2 submeteu-se à aula prática proposta com uso do MASAP (APM). G3, denominado grupo controle, não foi submetido à aula prática. Um teste teórico final (TTF) foi aplicado para todos os grupos G1, G2 e G3. G1 e G2 foram submetidos a uma avaliação de satisfação relativa ao método utilizado para realização da aula prática (Avaliação do método - AM). Resultados: A média de idade foi 19.41 (± 1.58) em G1, 19.31 (± 3.43) em G2 e 19.42 (± 3.35) em G3. A análise estatística foi realizada utilizando-se ANOVA e teste não paramétrico Mann-Whitney. O nível de significância foi determinado como p ? 0.05. Ao TTF G3 apresentou escores mais baixos do que G1 (p=0,041) e G2 (p=0,000). Não foi encontrada diferença estatisticamente significante entre G1 e G2 (p>0,05). G2 apresentou maior satisfação com o método (p=0,001). Conclusão: PC e MASAP provaram serem ferramentas didáticas efetivas. G3 apresentou escores inferiores em relação a G1 e G2 possivelmente por não ser submetido a aulas práticas. G2 apresentou maior satisfação

Abstract: The study of human anatomy is indispensable for knowledge and understanding of the human body as a whole, that is to say, the importance and interaction of all its structures and characteristics of each of its organs or parts, as an essential means to promote life and healing ills, primary intention in the act of caring, while technical, art and science, in its most significant commitment (1). Furthermore, the practice class using a comprehensive and manageable anatomic component is fundamental for a good teaching and learning process. The goals of this study were to evaluate: 1- the synthetic anatomic model of pelvic floor (SAMPF) as a didactic tool comparing it to the traditional anatomic class using cadaveric pelvis (CP) and 2- the satisfaction of the students with both didactic methods. Sixty seven medicine students, volunteers for this study, received a conventional theoretic anatomy class. Following this class, all students were randomized in 3 groups (G1, G2 and G3). G1 and G2 attended anatomical classes with different didactic methods, respectively: traditional practice anatomy class (TPC), practice anatomy class with SAMPF (SPC). G3 denominated control group which had no practice class. A preliminary theoretical test (PTT) was applied to all groups. The G1 underwent to a TC and G2 to a SC. A final theoretical test (FTT) was applied to all groups G1, G2 and G3. G1 and 2 underwent to the evaluation of their satisfaction about the anatomic component used for the practice class (Evaluation of the method - EM). The mean age was 19.41 (± 1.58) in G1, 19.31 (± 3.43) in G2 and 19.42 (± 3.35) in G3. Statistical analysis was done using ANOVA and Mann-Whitney test. At FTT G3 presented lower scores than G1 (p=0.041) and G2 (p=0.000). Difference between G1 and G2 was not found (p > 0.05). G2 presented more satisfaction with the method (p = 0.001). We concluded that CP and SAMPF proved to be effective didactic tools. G3 presented lower scores than G1 and G2 possibly for not having attended to practical classes. G2 showed higher satisfaction
Subject: Anatomia
Modelos anatômicos
Diafragma da pelve
Educação médica
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Portugal_HelioSergioPinto_M.pdf2.54 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.