Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/311685
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Adaptação cultural e validação do "The Language Screening Test - LAST" versões A e B para o português do Brasil
Title Alternative: Cultural adaptation and validation of "The Language Screening Test - LAST" A and B versions for Brazilian portuguese
Author: Ramos, Renata de Lima, 1987-
Advisor: Chun, Regina Yu Shon, 1958-
Abstract: Resumo: O reconhecimento rápido e precoce da afasia após o Acidente Vascular Cerebral (AVC) pode ser difícil em alguns casos. A partir da necessidade de uma detecção mais eficaz para assistência no pós-AVC surgem os screenings tests, testes rápidos, que detectam a presença ou a ausência da afasia e favorecem a reabilitação da pessoa com essa alteração de linguagem. O The Language Screening Test ¿ LAST foi validado na França e traduzido para o inglês, é um teste rápido para a detecção da afasia que pode ser utilizado em diferentes contextos de saúde. A carência de instrumentos com esse caráter no Brasil justifica sua tradução, adaptação cultural e validação para o português do Brasil. Objetivos: Adaptação cultural e validação do "The Language Screening Test" (LAST) para o português do Brasil. Sujeitos e métodos: A pesquisa segue os preceitos éticos, tendo sido aprovada sob número 140.230 Foi realizada no Hospital das Clínicas da UNICAMP (HC/UNICAMP, Campinas, São Paulo, Brasil). Trata-se de pesquisa metodológica caracterizada pelos processos de avaliação de instrumentos. O processo de adaptação cultural do instrumento seguiu cinco estágios: tradução, síntese, retro-tradução, revisão por um comitê de juízes especialistas e o pré-teste. Participaram dessa pesquisa 130 sujeitos distribuídos em três etapas diferentes: provas de linguagem para adaptação semântica, idiomática, conceitual e cultural; aplicação do LAST adaptado ¿ versões A e B e aplicação do teste de Boston Diagnóstico para Afasia (provas de expressão oral, compreensão auditiva e nomeação). Resultados: O Comitê de Juízes ratificou poucas mudanças na versão traduzida do teste conforme as respostas do primeiro grupo de participantes além de sugerir outras, sendo que ao todo foram trocadas apenas duas palavras/figuras alvo e quatro sentenças foram adaptadas, o que gerou o documento adaptado a cultura brasileira próximo a versão original francesa. Na aplicação do pré-teste em pessoas sem alterações de linguagem, 90% obteve score máximo, resultando em baixa freqüência de erro no teste. Na população com afasia os resultados apresentaram forte correlação em todos os campos correspondentes do LAST ¿ versões A e B e o Teste de Boston, com nível de significância de 5%. A confiabilidade medida através de forma paralela ou alternada apresentou equivalência entre as versões A e B do LAST adaptado. Conclusão: Os resultados mostram validade de construto e confiabilidade entre os testes aplicados, indicando que o screening test LAST em suas versões A e B após tradução, adaptação cultural e validação para o português são aptos para utilização no Brasil

Abstract: The rapid and early diagnosis of aphasia after stroke can be difficult in some cases. From the need for more effective detection to better assist in post-stroke, the screenings tests - rapid tests, which detect the presence or absence of aphasia and favor the rehabilitation of people with this language disorder - arise. "The Language Screening Test - LAST" was validated in France and translated into English. It is a rapid test for the detection of aphasia that can be used in different health contexts. The lack of instruments of this nature in Brazil justifies its translation, cultural adaptation and validation into Brazilian Portuguese. Objectives: Cultural adaptation and validation of "The Language Screening Test " ( LAST) for the Brazilian Portuguese. Subjects and methods: The research follows the ethical principles, having been approved under number 140.230. It was performed at the Hospital of UNICAMP (HC/ UNICAMP, Campinas, São Paulo, Brazil). It is about methodological research characterized by processes of instruments validation. The process of cultural adaptation of the instrument followed five stages: translation, synthesis, back - translation, revision by a committee of expert judges and the pre-test. 130 users participated in this study divided into three different steps: answered the language testes, pre-testing with adapted LAST - versions A and B and application of Boston Diagnostic Aphasia Test (oral expression, listening comprehension and naming test). Results: The Judges Committee ratified a few changes in the translated version of the test according to the responses of the first group of participants, besides they suggested other changes, and in the end there were only two exchanges of words/pictures-target and four sentences have been adapted, which generated the document adapted to Brazilian culture close to the original French version. In applying the pre-test in people with no language alteration, 90 % obtained the maximum score, resulting in low frequency of error in the test. In the population with aphasia, the results showed a strong correlation in all the corresponding fields of the LAST - versions A and B and the Test of Boston, with a significance level of 5 %. The reliability measured via parallel and alternate form showed equivalence between A and B LAST adapted versions. Conclusion: The results show construct validity and reliability between the tests applied, indicating that the screening test LAST in its versions A and B after translation, cultural adaptation and validation for Portuguese are suitable for use in Brazil
Subject: Acidente vascular cerebral
Afasia
Estudos de validação
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Ramos_RenatadeLima_M.pdf4.74 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.