Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/311577
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Custo-efetividade do rastreamento da infecção por Chlamydia trachomatis em mulheres brasileiras
Title Alternative: Cost-effectiveness of Chlamydia trachomatis screening in Brazilian women
Author: Andrade, Elisa Tomazzini, 1980-
Advisor: Giraldo, Paulo César, 1956-
Abstract: Resumo: Introdução: A importância da infecção por Chlamydia trachomatis não está relacionada apenas à sua elevada frequência, mas principalmente pelas graves repercussões no aparelho genital feminino. Apenas 30% das pacientes infectadas apresentam sintomas e só 40% terão sinais que possam evidenciar sua presença. Cerca de 70% dos casos de infecção por Chlamydia trachomatis são assintomáticos e acabam não sendo diagnosticados, havendo, portanto a necessidade de programa de rastreamento para diagnóstico e tratamentos precoces, o qual não existe no Brasil. Objetivo: Avaliar custo-efetividade do rastreamento por biologia molecular (captura híbrida) para Chlamydia trachomatis em mulheres brasileiras sexualmente ativas. Desenho do estudo: Estudo de custo-efetividade. A decisão de rastrear Chlamydia trachomatis foi estruturada a partir de uma coorte hipotética de 10.000 mulheres sexualmente ativas com idade entre 15 e 25 anos. O horizonte de tempo trabalhado no modelo de Markov foi de 10 anos e foi realizada a análise de prevalência e probabilidades de transição interestados de saúde a partir de revisão de dados já publicados obtidos nas bases de dados Medline, Embase, LILACS, Cochrane Controlled Trial Register. Resultados: A simulação do rastreamento da infecção por Chlamydia trachomatis por biologia molecular (Captura Híbrida) em população geral entre 15 e 25 anos, acarreta a redução de 2.072 casos de sequelas (Dor Pélvica Crônica, Gravidez Ectópica e Infertilidade de causa tubária) em 10.000 mulheres, ao custo de R$917,00 por caso de sequela evitado. Conclusão: A análise demonstrou uma boa relação de custo-efetividade considerando a estratégia de evitar sequelas de infecção por Chlamydia trachomatis não diagnosticada clinicamente e tratada através de rastreamento por biologia molecular

Abstract: Introduction: The importance of Chlamydia trachomatis is not only related to its high frequency, but mainly to the severe repercussion on the female reproductive system. Only 30% of infected patients presented symptoms and only 40% will have a sign that could show its presence. About 70% of these cases are asymptomatic and will be not diagnosed, so there is a need for a specific program that will track patients at the time of diagnosis and their early treatment period. It is clear that this program does not exist in Brazil. Objective: To evaluate the cost effectiveness of tracking Chlamydia trachomatis on sexually active women through a simulation of a tracking program that could be applied to the Brazilian population. Study design: Cost effectiveness study. The decision of tracking Chlamydia trachomatis was structured by a hypothetical cohort of 10.000 sexually active women aged up to 25 years. The working time horizon was 10 years on the Markov model and the prevalence analysis was made with the data revision of already published data (secondary data analysis) obtained on databases, using web sites such as Medline, Embase, LILACS, Cochrane Controlled Trial Register. Results: The simulation of Chlamydia trachomatis screening by molecular biology (Hybrid Capture) in the general population aged between 15 and 25 causes a reduction of 2,072 cases of sequelae (chronic pelvic pain, ectopic pregnancy and tubal infertility cause) in 10,000 women, at a cost of R$917.00 per case of sequelae. Conclusion: The analysis shows the strategy of avoiding sequelae of Chlamydia trachomatis using molecular biology to screen the population at risk to be cost-effective
Subject: Chlamydia trachomatis
Economia
Prevalência
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: ANDRADE, Elisa Tomazzini. Custo-efetividade do rastreamento da infecção por Chlamydia trachomatis em mulheres brasileiras. 2012. 67 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/311577>. Acesso em: 19 ago. 2018.
Date Issue: 2012
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Andrade_ElisaTomazzini_M.pdf2.72 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.