Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/311438
Type: TESE
Title: Sintomas depressivos em adolescentes e adultos jovens : analise dos dados do "Estudo multicentrico de morbidade psiquiatrica em areas metropolitanas"
Author: Soares, Karla Vanessa Souza
Advisor: Botega, Neury J. (Neury José), 1958-
Botega, Neury José
Abstract: Resumo: INTRODUÇÃO: Estudos epidemiológicos realizados nas últimas duas décadas sobre depressão na adolescência demonstram prevalências variando de 15 a 50% para sintomatologia depressiva, além de uma elevada comorbidade com ideação suicida e abuso de álcool e outras drogas. Esses sintomas aparecem com maior frequência entre os adolescentes mais velhos e do gênero feminino. OBJETIVOS: I. Determinar a frequência de sintomatologia depressiva entre os adolescentes e adultos jovens de três centros urbanos brasileiros II. avaliar a associação desses sintomas com as variáveis sóciodemográficas; III. comparar os adolescentes (15 a 19 anos), adultos jovens (20 a 24 anos) e adultos (25 a 49 anos), quanto à presença de sintomatologia depressiva. METODOLOGIA: A presente investigação faz uma análise de parte dos dados coletados na primeira fase de um estudo tipo corte transversal, conduzido em duas etapas, realizado para avaliar a prevalência de distúrbios - psiquiátricos em três centros urbanos brasileiros ( São Paulo, Brasília e Porto Alegre). Na primeira etapa foi realizado um rastreamento através do "Questionário de Morbidade Psiquiátrica do Adulto - QMPA", em todos os indivíduos dos domicílios sorteados, com idade superior a 15 anos. Neste estudo utilizaram-se nove perguntas do QMPA para avaliar a frequência de sintomas depressivos nas faixas etárias de 15 a 19 e de 20 a 24 anos. Posteriormente realizou-se uma estratificação dos sintomas por variáveis sóciodemográficas e uma comparação desses grupos etários com os adultos (25 a 49 anos), quanto à presença de sintomatologia depressiva. Esses dados foram sempre analisados separadamente para cada uma das cidades. RESULTADOS: Nas três cidades, os sintomas depressivos registrados com maior freqüência entre os adolescentes eadultos jovens foram: falta de apetite (6 a 14%), insônia (6 a 11%), desânimo (11 a 23%) e irritabilidade (7 a 15%). Ideação suicida aparece com uma frequência de 3a4% entre os adolescentes e de 2 a 7% entre os adultos jovens. Observou-se ainda, um gradiente de frequência para os sintomas uso de tranquilizantes e preocupação com doenças, com os menores percentuais entre os adolescentes. Sintomatologia depressiva esteve nitidamente associada com os individuos do gênero feminino, solteiros e que moravam em residências com até quatro pessoas. Na comparação realizada entre os grupos etários quanto a frequência de sintomatologia depressiva, nota-se uma associação positiva entre a fáixa etária mais velha e sintomas depressivos, bem como um padrão de sintomatologia semelhante para os adolescentes e adultos jovens. o estudo sugere que sintomatologia depressiva é um significativo problema de saúde entre os adolescentes. Novas investigações são necessárias para avaliar os fatores de roteção e risco, assim como conhecer dados sobre incidência, duração e desfecho clinico dos sintomas depressivos nessa população

Abstract: DEPRESSIVE SYMPTOMS AMONG ADOLESCENTS AND YOUNG ADULTS: Data analysis of the "Multicentric Study of Psychiatric Morbidity in Metropolitan Areas". INTRODUCTION: Epidemiologic studies conducted in the last two decades on adolescent depression have demonstrated a high frequency of depressive symptomatology (15-50%) and a high comorbidity with suicide ideation and drug abuse. These symptoms are ssociated with old adolescence and females. OBJECTIVES: The aims of this study are: I. to determine the frequency of depressive symptoms in adolescents and young adults of three urban areas in Brazil; II. to verify the association of these symptoms with sociodemographic variables; III.to compare the frequency of depressi ve symptoms among adolescents (15-19 years old), young adults (20-24 years old) and adults (25-49 years old). METBOD: A two-stage cross-sectional design was used to assess prevalence of psychiatric disorders' in three urban areàs in Brazil(São Paulo, Brasilia and Porto Alegre). AlI adult residents in the households selected were asked to fill up a Brazilian screening questionnaire for psychiatric disorders, the "Questionnaire for Adult Psychiatric Morbidity" (QMPA) .This instrument includes nine questions on depressive symptoms. After selecting the population aged between 15-19 years old and 20-24 years old, the frequencies of depressive symptomatology was obtained. Astratification based on sociodemographic variables was then carried out. A comparison of the depressive symptomatology between the three groups (adolescents, young adults and adults), was made. Data from the three cities were analysed separately. RESULTS: For the three cities, the most frequent depressive symptoms among adolescents and young adul ts were: lack of appetite (6-14%) , insomnia (6-11%) , apathy (11-23%) and Irritability (7-15%) . suicidal ideation presented alow frequency among the adolescents (3-4%) and young adults (2-7%). A frequency gradient was observed for the use of tranquillizers and hypochondria. The depressive symptomatology was clearly associated with female, being single and living in houses where less than five people. The comparison of age groups showed a positive association between adult age and depressive symptomatology as well as a similar pattern of symptomatology for adolescents and young adults. The study indicates that depressive symptomatology in adolescents is an important public health problem. Further studies are needed in order to assess the risk and protective factors related with the incidence, duration and outcome of depression in this age group
Subject: Depressão na adolescencia
Epidemiologia descritiva
Saúde mental
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1993
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Soares_KarlaVanessaSouza_M.pdf2.14 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.