Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/311431
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Impacto das tecnicas de reprodução assistida no tratamento da infertilidade masculina
Author: Neves, Paulo Augusto
Advisor: Rodrigues Netto Junior, Nelson
Junior, Nelson Rodrigues Netto
Abstract: Resumo: No período de 1990 a 1994, 331 pacientes do sexo masculino com infertilidade primária foram tratados no ambulatório da Disciplina de Urologia da Faculdade de Ciências Médicas da UNICAMP. O tratamento compreendeu uma fase inicial, denominada convencional, que incluiu o tratamento clínico e cirúrgico (varicocelectomia). Os pacientes que não engravidaram nesta fase foram a seguir encaminhados para tratamento através de reprodução assistida. O tratamento convencional incluiu 258 pacientes (77,95%) que receberam tratamento clínico através do uso de citrato de clomifeno (50 mg ao dia por via oral) ou administração de gonadotrofina coriônica humana (2000 UI por via intramuscular por semana) associada à gonadotrofina da menopausa (1000 UI por via intramuscular por semana) e acompanhados por 12 meses. Ao término deste período, quatro pacientes apresentaram gravidez (1,55%). Os outros 73 pacientes (22,05%) receberam tratamento cirúrgico (varicocelectomia) e clínico por apresentarem varicocele uni ou bilateral ao exame físico especial. Após seguimento de 18 meses, 1 O pacientes apresentaram gestação (13,70%). O resultado geral do tratamento convencional foi de 4,23%. Dentre os 317 casais que não apresentaram gestação, 63 foram tratados por reprodução assistida. Empregou-se a técnica de inseminação intra-uterina (AIH) quando foi possível recuperar inicialmente, através das técnicas de capacitação, dois ou mais milhões de espermatozóides com motilidade progressiva (graus A e B). Trinta e seis casais (57,14%) foram '1' tratados através de um a nove ciclos de AIH, num total de 131 ciclos. Observou-se 14 gestações (38,89%) com taxa de gravidez de 10,69% por ciclo. Não houve diferença estatisticamente significante quando se comparou os resultados em função do número de espermatozóides inseminados (entre dois e cinco milhões ou entre cinco e 10 milhões). Empregou-se a técnica de fertilização in vitro quando a recuperação inicial de espermatozóides foi inferior a dois milhões. Vinte e sete casais (42,86%) foram tratados por esta técnica, num total de 37 ciclos. Ocorreu gravidez em três casos (11,11 % por ciclo). com taxa de gravidez de 8,11 % Não houve diferença estatisticamente significante quando se comparou os resultados em relação ao número de espermatozóides utilizados no procedimento (entre um e dois milhões ou menos de um milhão de espermatozóides com motilidade progressiva). O resultado geral do tratamento por reprodução assistida foi de 26,98%. Concluiu-se que a reprodúção assistida deve ser o tratamento deI escolha para os pacientes com infertilidade primária, portadores ou não de varicocele, por ser mais eficaz que o tratamento convencional

Abstract: From 1990 to 1 994, 331 male patients with primary infertility were treated at the Department of Urology of the University of Campinas Medical School - UNICAMP. The initial approach included conventional medical and surgical (varicocelectomy) regimens. Patients who did not achieve pregnancy with these modalities underwent assisted reproduction therapy. The conventional treatment group included 258 patients treated medically (clomiphene citrate, 50 mg qd, or chorionic human gonadotropin, 2000 UI/week, assodated with human menopausa I gonadotropin, 1000 UI/week, administered for 12 months). A total of 4 patients achieved pregnancy (1,55%). Surgical Aof total 73 patients underwent (varicocelectomy) nd medical treatment and were followed for 18 months. Pregnancy was achieved in 10 patients (13,70%). The pregnancy rate for conventional treatment was 4.23%. A total of 317 patients did not achieve pregnancy with conventional treatment. Of these, 63 were submitted to assisted reproduction. Intrauterine insemination (AIH) was selected when initial capacitation could recover at least 2 million motile sperms (grades A and B). A total of 36 patients (57,14%) received 1 to 9 cycles of AIH, totalizing 131 cycles. Pregnancy was observed in 14 patients (38.89%) with a pregnancy rate of 10.69% per cycle. There was not statistically significant difference when the results were compared according to the number of spermatozoa inseminated (2 to 5 and 5 to 10 million sperms). In vitro fertilization (IVF) was used when the initial capacitation could recover less than 2 million motile sperms. A total of 27 patients (42.86%) were treated with 37 cycles of IVF and 3 (11.11 %) achieved pregnancy (pregnancy rate per cycle of 8.11 %). There was not statistically significant difference when the results were compared according to the number of spermatozoa used for the in vitro fertilization (1 to 2 millions or lower than 1 million motile sperm). The total pregnancy rate for assisted reproduction was 26.98%. In conclusion, assisted reproduction is the treatment of choice for mal e patients with primary infertility, with or without varicocele, in view of its higher efficacy rate compared to conventional treatment
Subject: Infertilidade masculina
Terapêutica
Inseminação artificial
Fertilização in vitro
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1995
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Neves_PauloAugusto_D.pdf1.87 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.