Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/311372
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Aspectos fisiológicos e na expressão de proteínas da via de sinalização da insulina diante a adição de sacarose e edulcorantes na dieta de ratos wistar
Title Alternative: Physiological aspects and expression of proteins from the insulin signaling pathway given the addition of sucrose and sweeteners in the diet of wistar rats
Author: Duarte, Marcella Omena de Oliveira, 1984-
Advisor: Höehr, Nelci Fenalti, 1947-
Abstract: Resumo: A obesidade é uma doença crônica, multifacetada e de genética complexa que, associada às suas co-morbidades, conduz a um aumento no risco de mortalidade. Essa patologia provém do balanço energético positivo entre a ingestão e gasto calórico, e é um dos principais componentes da síndrome metabólica. A preocupação com a incidência dessa doença influenciou o consumo de produtos com adição de adoçantes que, sem a devida orientação nutricional, podem não suprir adequadamente as necessidades energéticas e, ao invés de prevenir ou regredir a obesidade, podem contribuir para o aparecimento da mesma. Explorando a hipótese de que a resistência à ação central da insulina pode ser o elo entre a obesidade e demais condições clínicas, este estudo investiga os efeitos da adição, na dieta de ratos, da sacarose e dos edulcorantes: ciclamato e sacarina, na via de sinalização hipotalâmica da insulina, e sua possível influência em aspectos fisiológicos, tais como volume de ingestão, ganho de peso, taxa de desaparecimento da insulina (Kitt) e peso do tecido adiposo epididimal; bem como em aspectos moleculares, verificando a expressão de proteínas da via de sinalização de insulina, tais como IR, IRS 1 e Akt. Foram analisados dados obtidos a partir do tratamento de ratos Wistar machos divididos em quatro grupos, tendo sido cada grupo submetido, por quarenta dias, a uma das seguintes dietas: somente ração (controle), ração com adição de sacarose em solução aquosa a 30%, ração com adição de sacarina associada a ciclamato de sódio em solução aquosa a 30%, e ração com adição de sacarina em solução aquosa a 30%. Para avaliação da ingestão espontânea em doze horas, os animais foram submetidos à estereotaxia do ventrículo cerebral para possibilitar a injeção, de forma aguda, de insulina em quantidades pré-determinadas. O estudo mostrou que os animais submetidos às dietas estudadas apresentaram maior ganho de peso e no volume de ingestão e uma redução na sensibilidade à ação periférica da insulina em relação ao grupo tratado com sacarose. Também se verificou que os grupos tratados com dietas acrescidas de edulcorantes tiveram uma expressão reduzida das proteínas da via de sinalização da insulina, quando comparados ao grupo controle, indicando um risco aumentado de desenvolvimento de resistência central à ação da insulina nesses animais. Assim, concluímos que a adição desses edulcorantes à dieta de ratos supõe-se refletir em menor ação do hormônio, nesses animais, em tecidos periféricos

Abstract: Obesity is a chronic, multifaceted and genetically complex disease which, associated to its co-morbidities, leads to an increased risk of mortality. This disease is a major component of the Metabolic Syndrome and comes from the positive energy balance between caloric intake and expenditure. Concern about the incidence of this disease influenced the consumption of products with the addition of sweeteners that, without proper nutritional guidance, may not adequately supply the energy needs and, instead of preventing or reversing the obesity, may contribute to the appearance of the same. Exploring the hypothesis that Resistance to Insulin may be the link between obesity and other medical conditions, this study investigates the effects of the addition, in the diet of rats, of sucrose and the sweeteners: cyclamate and saccharin, on the signaling pathway of hypothalamic insulin, and also its effects on physiological aspects, such as intake volume, weight gain, insulin decay rate (Kitt) and epididymal adipose tissue weight; as well as on molecular aspects, verifying the expression of proteins related to the insulin signaling pathway, such as IR, IRS 1 and Akt. We analyzed data obtained from the treatment of male Wistar rats divided into four groups, each group having been subjected for forty days of one of the following diets: ration only (control group), ration with addition of sucrose in aqueous solution at 30%, ration with addition of associated saccharin and sodium cyclamate in aqueous solution at 30%, and ration with the addition of saccharin in aqueous solution at 30%. To assess the spontaneous intake volume in twelve hours, animals underwent cannulation of the cerebral ventricle to enable the injection, acutely, of insulin in predetermined amounts. The study indicated that animals fed with the diets studied showed greater weight gains, higher intake volume and a reduction in peripheral sensitivity to insulin action compared to the group treated with sucrose. We also found that groups treated with ration containing sweeteners had a reduced expression of proteins of the insulin signaling pathway when compared to the control group, indicating an increased risk of developing resistance to the central action of insulin in these animals.Thus, we conclude that the addition of sweeteners to the diet of rats it is assumed to reflect on a reduced action of this hormone in the peripheral tissues of these animals
Subject: Obesidade
Hipotálamo
Insulina
Diabetes Mellitus
Sacarose
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Duarte_MarcellaOmenadeOliveira_M.pdf1.21 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.