Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/311347
Type: TESE
Title: O impacto da paralisia facial periférica na imagem corporal dos sujeitos
Title Alternative: The impact of peripheral facial paralysis in body image of subjects
Author: Rios, Maria Salete Franco, 1964-
Advisor: Nagae, Mirian Hideko, 1965-
Abstract: Resumo: Introdução: A paralisia facial periférica altera drasticamente a experiência corporal e pode interferir na representação do corpo na mente, a imagem corporal. Objetivo: Investigar o impacto da paralisia facial periférica na imagem corporal dos sujeitos acometidos. Método: A amostra total foi constituída por 46 sujeitos, dos gêneros feminino e masculino, na faixa etária entre 19 e 64 anos, selecionada por conveniência e subdividida em dois grupos com 23 sujeitos em cada um deles. O histórico clínico de paralisia facial periférica determinou a inclusão no grupo estudo e a ausência, no grupo controle. A Escala House-Brackmann foi utilizada para a avaliação facial e a versão brasileira do Body Dysmorphic Disorder Examination (BDDE) para a avaliação da imagem corporal. Resultados: Foram constatadas diferenças significativas entre os dois grupos. O grupo estudo obteve escores totais mais altos no BDDE (ANOVA, p<0,0001) e somente no grupo estudo ocorreu pontuação acima de 66 pontos, refletindo maior insatisfação com a aparência física e consequente sofrimento subjetivo. Sujeitos do grupo estudo localizaram sua preocupação com aparência nas sequelas deixadas pela paralisia na face: uma preocupação passível de ser observada e de caráter funcional. Maiores médias no grupo estudo evidenciou a valorização social da aparência física e a insatisfação com a própria aparência, resultando em sofrimento e modificação de comportamento com a ocorrência de sintomas negativos da imagem corporal: insatisfação corporal, prejuízo emocional e no funcionamento social, com diminuição da qualidade de vida dos sujeitos acometidos pela paralisia facial periférica. Conclusão: O estudo concluiu que a paralisia facial periférica provocou impacto negativo na imagem corporal. Descritores: paralisia facial, imagem corporal, qualidade de vida

Abstract: Introduction: Peripheral facial paralysis dramatically alters the body experience and can affect the body image. Objective: To investigate the impact of facial palsy in the body image. Method: The sample consisted of 46 subjects, the female and male genders, aged between 19 and 64 years, selected by convenience and subdivided into two groups with 23 subjects in each. The clinical history of facial palsy to the inclusion in the study group and the absence in the control group. The House-Brackmann Scale was used for facial assessment and the Body Dysmorphic Disorder Examination (BDDE) for the body image assessment. Results: Significant differences between groups were noted. The study group had higher total scores on BDDE (ANOVA, p <0.0001) and only occurred in the study group score above 66 points, reflecting greater dissatisfaction with physical appearance and consequent subjective distress. Subjects of the study group located its concern with appearance in the sequels by paralysis in the face: a countervailable worry of being observed and functional character. Highest averages in the study group demonstrated the social value of physical appearance and dissatisfaction with one's appearance, resulting in suffering and behavior modification with the occurrence of negative symptoms in body image: body dissatisfaction, emotional damage and social functioning, with decreased quality of life of individuals affected by facial paralysis. Conclusion: It was concluded that, in comparison of body image among subjects with and without clinical history of facial palsy, there were significant differences. Keywords: facial paralysis, body image, quality of life
Subject: Paralisia facial
Imagem corporal
Qualidade de vida
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2014
Appears in Collections:FCM - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Rios_MariaSaleteFranco_M.pdf5.46 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.