Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/311329
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Estudo da memória, atenção e sono na equipe de enfermagem nos diferentes turnos de trabalho
Title Alternative: Study of memory, attention and sleep-wake cycle of the nursing staff in dufferent shift work
Author: Oliveira, Beatriz de, 1981-
Advisor: De Martino, Milva Maria Figueiredo, 1947-
Martino, Milva Maria Figueiredo de
Abstract: Resumo: O objetivo deste estudo foi verificar o efeito do trabalho em turnos nas funções cognitivas, como memória de curto prazo e atenção, através do estudo das características do ciclo vigília-sono e do cronotipo da equipe de enfermagem. Trata-se de um estudo quantitativo, descritivo e observacional. Participaram da pesquisa os membros da equipe de enfermagem, distribuídos por categoria profissional: enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem, que trabalham em uma instituição hospitalar privada de natureza filantrópica no interior de Minas Gerais, que executam trabalho em turnos de 12 horas de trabalho / 36 horas de descanso, num total de 109 sujeitos (88 mulheres e 21 homens), com média de idade de 34 anos, distribuídos no turno diurno (n= 68) e no turno noturno (n=41). Para a coleta de dados foi utilizado: ficha de identificação individual, diário de sono, Questionário de Identificação de indivíduos Matutinos e Vespertinos elaborado por HORNE & OSTBERG (1976) e testes da Bateria WAIS III (Digit Span-Dígitos, Digit Symbol-Códigos). A aplicação dos testes cognitivos foi realizada após 12 horas de trabalho no final de cada turno. Para a análise estatística considerou-se o nível de significância de 5%. Os resultados mostraram que a qualidade do sono, medida por escala análoga visual, no turno diurno foi em média 7,4 e a do turno noturno foi 4,9. Em relação à duração do sono, o tempo de sono dos sujeitos do turno diurno foi 07h07m, e no turno noturno 12h31m. O tempo de cochilo no turno noturno é maior, 80,4 minutos, enquanto no turno diurno foi 73,4 minutos. Ao comparar a situação do dia de trabalho e o turno, p=<0,0001,observa-se que o tempo de sono dos sujeitos do turno noturno nos dias de trabalho é maior em relação ao tempo de sono dos sujeitos do turno diurno. Em relação ao cronotipo a maioria foi classificada como indiferente, o resultado é similar ao descrito na literatura. Os resultados do subteste de Digit Symbol - Códigos foi melhor em relação às variáveis: possuir filho, (p=0,0021), se estuda atualmente (p= 0,0154), idade (p=0,0006) pelo teste de Mann-Whitney, e a variável número de filhos (p=0,0104) teste de Kruskal-Wallis. Para comparação entre os resultados do subteste de Digit Symbol - Códigos e categorias profissionais, o teste de Kurskal-Wallis, p=<0,001.Quando se comparou o subteste de Digit Symbol - Códigos entre as categorias profissionais, na comparação entre enfermeiro e auxiliar de enfermagem, p= 0.001 (teste de Mann -Whitney), e na comparação técnico de enfermagem e auxiliar de enfermagem, com valor de p<0,0001. Para o resultado do subteste de Digit Span- Dígitos encontramos correlação em relação à variável trabalho em outro hospital, p=0,0314 (teste de Mann-Whitney). O estudo mostra que a qualidade de sono para os sujeitos do turno diurno é melhor, porém os sujeitos do turno noturno dormem e cochilam mais. A atenção medida no subteste Digit Symbol - Códigos, mostrou a influência da idade, da família e do estudo e no subteste de Digit Span- Dígitos, a retenção da memória de curto prazo foi melhor nos sujeitos que trabalham em outro hospital

Abstract: The aim of this study was to investigate the effect of shift work on cognitive functions, such as short-term memory and attention, through the study of the characteristics of sleep-wake cycle and diurnal preference of the nursing staff. This is a quantitative, descriptive and observational study. All members of the nursing staff participated in the survey and were distributed by professional categories: nurses, nursing assistants and technicians, working in a philanthropic private hospital in inner Minas Gerais state, who perform work in shifts of 12 hours of work / 36 hours of rest, a total of 109 people (88 women and 21 men) with an average age of 34 years old, distributed on the day shift (n = 68) and night shift (n = 41). A record of individual identification, sleep diary, questionnaire and identification of individuals Morning Evening developed by Horne & Ostberg (1976) and testing the battery WAIS III (Digit Span, Digit Symbol) was used to collect the data. The application of cognitive tests was performed after 12 hours of work at the end of each shift. For statistical analysis we considered the significance level of 5%. The results showed that sleep quality, as measured by visual analogue scale, on the day shift was on average 7.4 and the night shift was 4.9. Regarding sleep duration, sleep time of the subjects of the day shift was 07h07m and 12h31m on the night shift. The long nap on the night shift is larger, 80.4 minutes, while the day shift was 73.4 minutes. When comparing the situation of the working day and shift, p = <0.0001, we observed that the subjects' sleep time on days of night shift work is higher than the sleep time on those in day shift. Regarding chronotype most were classified as indifferent, the result is similar to that described in the literature. The results of the Digit Symbol subtest was better in relation to variables: having children, (p = 0.0021), if studying currently (p = 0.0154) by Mann-Whitney, and the variable number of children ( p = 0.0104) Kruskal-Wallis. To compare the results of the Digit Symbol subtest and professional categories, the test Kurskal-Wallis, p = <0.001. When comparing the subtest Digit Symbol in the professional categories, the comparison between nurses and auxiliary nursing, p = 0.001 (Mann-Whitney), and technical comparison of nursing and nursing assistant, with to work at another hospital, p = 0.0314 (Mann-Whitney). The study shows that the sleep quality for the subjects of the day shift is better, but the subject of nighttime sleep and nap longer. Attention Digit Symbol subtest measured at showed the influence of age, family and study and the subtest Digit Span sowed that the retention of short-term memory was better in subjects who work in another hospital. p <0.0001. For the result of the subtest Digit Span correlation was found in relation to work at another hospital, p = 0.0314 (Mann-Whitney). The study shows that the sleep quality for the subjects of the day shift is better, but the subject of nighttime sleep and nap longer. Attention Digit Symbol subtest measured at showed the influence of age, family and study and the subtest Digit Span sowed that the retention of short-term memory was better in subjects who work in another hospital
Subject: Sono
Sistema de turnos de trabalho
Enfermagem
Memória
Atenção
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Oliveira_Beatrizde_M.pdf902.66 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.