Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/311067
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Avaliação de preparações antigenicas obtidas de cisticercos de Taenia solium e de Taenia crassiceps para o diagnostico sorologico da neurocisticercose
Author: Arruda, Gisele Cristina
Advisor: Rossi, Claudio Lucio, 1950-
Abstract: Resumo: A neurocisticercose é uma importante causa de doença neurológica em muitos países em desenvolvimento. O diagnóstico clínico da neurocisticercose é dificultado pelo polimorfismo e pela não especificidade dos sintomas. Os procedimentos de neuroimagem, como a tomografia computadorizada (TC) e a ressonância magnética nuclear (RMN), têm contribuído para um diagnóstico mais preciso e uma melhor compreensão dos processos patofisiológicos da neurocisticercose. Entretanto, o alto custo desses procedimentos tem limitado a sua utilização em países em desenvolvimento apresentando altas taxas de infecção. Nestas circunstâncias, a detecção de anticorpos específicos pode ser grande utilidade para o diagnóstico da neurocisticercose. A detecção de anticorpos anti-cisticercos em amostras de LCR é considerada um critério importante para o diagnóstico da neurocisticercose. Entretanto, a pesquisa de anticorpos específicos em amostras de soros apresenta algumas vantagens: o soro é obtido de uma maneira menos invasiva do que o LCR, estudos soroepidemiológicos podem mapear áreas endêmicas e a pesquisa de anticorpos em amostras de soros pode ser útil em estudos de reatividade cruzada. No presente estudo, a eficácia de sete preparações antigênicas, quatro de cisticercos de T. solium (extratos brutos total-TsoW, de membrana-TsoMe, de líquido vesicularTsoLVe de escólex-TsoEsc) e três de cisticercos de T. crassiceps (extratos brutos totalTcraW, de membrana-TcraMe e de líquido vesicular-TcraLV), foi avaliada para o diagnóstico sorológico da neurocisticercose usando uma técnica imunoenzimática (ELISA) quantitativa. Anticorpos IgG anti-cisticercos foram pesquisados em amostras de soros de 30 pacientes com neurocisticercose, 32 pacientes com outras infecções e 48 pessoas sadias. A técnica TsoW-ELISA apresentou 83% de sensibilidade e 89% de especificidade, enquanto que a sensibilidade e a especificidade da técnica TcraW-ELISA foram 67% e 86%, respectivamente. As especificidades das técnicas TsoMe-ELISA, TsoEsc-ELISA e TcraMeELISA foram, respectivamente, 91%, 89% e 78%, enquanto que a sensibilidade encontrada para os três ensaios foi 70%. O desempenho da técnica TsoL V -ELISA (80% de sensibilidade; 93% de especificidade) foi similar ao desempenho da técnica TsoW-ELISA, enquanto que o desempenho da técnica TcraLV-ELISA (77% de sensibilidade; 94% de especificidade) foi superior ao desempenho da técnica TcraW-ELISA Nenhuma das _preparações antigênicas utilizadas no presente estudo apresentou uma performance excepcional. Entretanto, considerando os resultados obtidos com todas as preparações antigênicas, o líquido vesicular de cisticercos de T. solium e T. crassiceps pode ser útil em reações imunológicas para a detecção de anticorpos específicos em soros de pacientes com neurocisticercose

Abstract: Evaluation of Taenia solium and Taenia crassiceps cysticercal antigens for the serodiagnosis of neurocysticercosis. Neurocysticercosis is an important cause of neurological disease in many developing countries. The clinical diagnosis of neurocysticercosis is impaired by the polymorphism and nonspecificity of the symptoms. Neuroimaging techniques such as computed tomography and magnetic resonance imaging have contributed to a more accurate diagnosis and a better understanding of the pathophysiology of neurocysticercosis. However, because of their high cost and restricted availability, these procedures may be of limited use in developing countries with high rates of infection. In these circumstances, the detection of cysticercus-specific antibodies is of considerable value for the diagnosis of neurocysticercosis. A positive immunological test for T. solium cysticercal antigens in CSF samples has been considered an important criterion for the diagnosis of neurocysticercosis. However, the use of serum samples for the immunodiagnosis of neurocysticercosis has some advantages: serum can be obtained in a less invasive manner than CSF, serum epidemiological studies can map areas of endemicity, and serum analysis can be very usefiil for cross-reactivity studies. In the present study, the usefulness of seven cysticercal antigen extracts, four from T. solium cysticerci (whole parasite-TsoW, membrane-TsoMe, vesicular fluid-TsoVF and scolex-TsoSc) and three from T. crassiceps cysticerci (whole parasite-TcraW, membrane-TcraMe and vesicular fluid-TcraVF), for serodiagnosis of neurocysticercosis was evaluated using an enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA). Cysticercus-specific IgG were screened in serum samples from 30 patients with neurocysticercosis, 32 patients with other infections and 48 healthy persons. The TsoW-ELISA showed 83% sensitivity and 89% specificity, whereas the sensitivity and specificity of the TcraW-ELISA were 67% and 86%, respectively. The specificities for the TsoMe-ELISA, TsoSc-ELISA and TcraMe-ELISA were, respectively, 91%, 89% and 78%, whereas the sensitivity for all three assays was 70%. The performance of the TsoW-ELISA (80% sensitivity; 93% specificity) was similar to that of the TsoW-ELISA, whereas the performance of the TcraVF-ELISA (77% sensitivity; 94% specificity) was superior to that of the TcraW-ELISA. None of the antigen preparations from T. solium and T. crassiceps cysticerci used in this study showed outstanding performance for the serodiagnosis of neurocysticercosis. However, considering the results obtained with the seven antigen preparations, ¿ vesicular fluid from T. solium and T. crassiceps cysticerci may be useful for detecting specific antibodies in sera from patients with neurocysticercosis.
Subject: Antígenos
Sorologia
Imunodiagnostico
Cisticercose
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: ARRUDA, Gisele Cristina. Avaliação de preparações antigenicas obtidas de cisticercos de Taenia solium e de Taenia crassiceps para o diagnostico sorologico da neurocisticercose. 2002. 68 p. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/311067>. Acesso em: 2 ago. 2018.
Date Issue: 2002
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Arruda_GiseleCristina_M.pdf3.66 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.