Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/311007
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Autopercepção do desempenho ocupacional de usuários adultos e idosos de um centro de reabilitação do estado do Paraná
Title Alternative: Self-perceived occupational performance problems among adults and elders in a rehabilitation center of Paraná
Author: Zimmermann, Ana Beatriz, 1985-
Advisor: Gomes, Maria Inês Rubo de Souza Nobre, 1960-
Nobre, Maria Ines Rubo de Souza
Abstract: Resumo: A Medida Canadense de Desempenho Ocupacional (COPM) foi criada para favorecer uma prática centrada no cliente, tendo como foco a autopercepção da pessoa sobre seu desempenho ocupacional. Avaliações padronizadas são cada vez mais utilizadas no âmbito da reabilitação, no entanto, a maioria dos instrumentos buscam favorecer a independência em atividades pré-estabelecidas, baseadas no que é esperado pela sociedade, podendo não contemplar necessidades individuais dos clientes. Atividades e Participação são aspectos centrais da Terapia Ocupacional e os terapeutas ocupacionais reconhecem que o envolvimento e o desempenho ocupacional contribuem e apoiam à saúde. O modelo proposto na Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde (CIF), em 2001, reconhece a influência das atividades e participação, assim como dos fatores contextuais e funções e estruturas do corpo na condição de saúde. Tem-se por objetivo verificar a autopercepção do desempenho ocupacional por meio da COPM em usuários adultos e idosos de um centro de reabilitação no estado do Paraná e classificar os problemas de desempenho ocupacional segundo a CIF. Realizou-se um estudo descritivo com usuários acometidos por lesão medular ou lesão encefálica adquirida em processo de reabilitação entre o período de agosto/2010 a fevereiro /2011. A COPM foi aplicada por meio de entrevista semiestruturada e os problemas de desempenho ocupacional identificados pelos 28 usuários foram classificados segundo a CIF. Entre os 122 problemas classificados, houve maior frequência nos seguintes domínios do componente Atividade e Participação: Mobilidade (36%), Vida Comunitária Social e Cívico (24%) e Cuidado Pessoal (15%). Sugere-se que dificuldades relacionadas a Vida Comunitária, Social e Cívica são mais frequentes dependendo do tempo de lesão e do contexto de tratamento. Percebe-se a abrangência e variedade de problemas identificados por meio da COPM pode colaborar no processo de reabilitação com o estabelecimento de objetivos mais congruentes às demandas e experiências de vida diária dos clientes. Tem-se o desafio de se construir e conduzir práticas de saúde na área de reabilitação à pessoa com deficiência em conjunto com outros setores, ampliando nosso olhar de forma a contemplar as várias dimensões da funcionalidade humana. A classificação dos problemas de desempenho ocupacional de acordo com a CIF pode favorecer a comparação entre estudos que utilizam diferentes instrumentos de avaliação e que por vezes possuem terminologias distintas. Por outro lado, há desafios no processo de codificação no tocante a utilização de categorias abrangentes e inespecíficas para atividades e situações não tão comuns, pois permite interpretações variadas entre os usuários da CIF

Abstract: In the context of rehabilitation, standardized assessments are being more utilized in order to evaluate the impact of the impairment on the individual's daily routine. Most of the assessment instruments focus on favoring the independence on predefined activities, based on what is expected by society, and may not be meeting the client's individual needs. The COPM was created to facilitate a client-centered practice, allowing the client to identify his/her own limitations and restrictions lived on the occupational performance. The model proposed on CIF (International Classification of Functionality, Impairment and Health) in 2001 states that environmental and personal factors, activities and participation, body functions and structures, and health conditions are in dynamic interaction, so that any modifications in one of these components have the potential of generating changes on the others. Activity and participation are core aspects of occupational therapy. Occupational therapists recognize that the involvement and occupational performance contributes and promotes health. One of the goals is to verify self-perception of the occupational performance through COPM on adults and elderly from a rehabilitation center in the state of Paraná and classify the problems of occupational performance in CIF. A descriptive study was performed on users stricken by spinal cord injury or brain injury, obtained during the rehabilitation process between August of 2010 and February of 2011. COPM was applied through semi-structured interviews and the problems of occupational performance identified by 28 participants were classified in CIF. Among the 122 problems of occupational performance classified in CIF, there was a greater frequency on the following domains of the Activity and Participation component: Mobility (36%), Community, Social and Civic Life (24%) and Personal Care (15%). It is suggested that the difficulties related to Community, Social and Civic Life are more frequent depending on the time of injury and on the treatment context. It is noticed that the scope and variety of problems identified through COPM can collaborate in the process of rehabilitation, with the setting of objectives that are more congruent with the demands and experiences of the clients' daily lives. There is a challenge of building and conducting health practices on the area of rehabilitation to the person with disability along with other sectors, expanding our view in order to contemplate the various dimensions of human functionality. The classification of occupational performance problems in CIF can favor the comparison between studies that utilize different evaluation instruments and that sometimes have distinct terminologies. On the other hand, there are challenges related to the selection of codes: comprehensive and non-specific items can facilitate the classification of uncommon and unlikely elements, but at the same time can generate semantic accumulations and increase disagreements on the choice made by the evaluators
Subject: Terapia ocupacional
Atividades cotidianas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2012
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Zimmermann_AnaBeatriz_M.pdf1.4 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.